Redes Sociais

Threads do Instagram: Conheça a Nova Rede Social Concorrente do Twitter

Por Raquel Pereira

O Threads, da Meta, é a nova aposta da big tech para atrair o público do X (antigo Twitter) em uma nova rede social de posts em texto

Raquel Pereira

Pensando em competir diretamente com a rede social de Elon Musk, o X (antigo Twitter), a Meta está lançando uma nova rede social focada em publicações em formato de texto.

Primeira postagem do ThreadsLegenda: “Vamos fazer isso. Bem-vindos ao Threads.”

A primeira rede social a conquistar mais de um milhão de usuários em menos de uma hora após seu lançamento! Confira todos os detalhes sobre o Threads do Instagram, o projeto da Meta para substituir o Twitter:

  • o que é o Threads?
  • como funciona o Threads do Instagram?;
  • novos Recursos do Threads do Instagram
  • quando teremos anúncios no Threads?
  • qual a percepção dos usuários sobre a nova rede social?;
  • o pré-lançamento do Threads;
  • como o Threads do Instagram surgiu?;
  • o que é uma rede social “descentralizada”?;
  • o Lançamento do Thread do Instagram;
  • o que diferencia o Threads do Instagram das demais redes sociais que pretendem “substituir” o Twitter?

O que é o Threads do Instagram? Conheça o aplicativo de conversação baseado em texto da Meta

O Threads é o novo aplicativo da Meta, desenvolvido pela equipe do Instagram, no qual os usuários podem compartilhar atualizações de texto e “participar de conversas públicas”, segundo a Meta.

Lançado oficialmente no dia 5 de julho de 2023 (um pouco antes do previsto), o Threads do Instagram já possuía mais de 1 milhão de usuários ao redor do mundo antes mesmo de estar disponível para todos os usuários – se tornando a primeira rede social a atingir essa marca em tão pouco tempo.

O aplicativo permite a criação de posts de texto com até 500 caracteres, possibilitando também a inclusão de links, imagens, carrosséis e vídeos de até 5 minutos.

Threads do Instagram vs Twitter/X

Para os usuários que querem sair do X, o momento para fazer o download do “Threads” é agora! 

A nova rede social possui um layout muito parecido com a plataforma de Musk e foi lançada exatamente como “opção” para os usuários – visto que, apesar de outras concorrentes, o Twitter/X sempre teve certa hegemonia no segmento de redes sociais focadas em texto.

Threads vs X

Confira mais detalhes sobre as diferentes plataformas lendo o artigo Threads vs Twitter: A Guerra das Redes Sociais

O Threads já está disponível nas principais lojas de aplicativos, onde os usuários podem fazer o download e já conectar suas contas do Instagram ao novo aplicativo. 

Conforme anunciado anteriormente pela Meta, todas as informações da sua conta no Instagram podem ser “migradas” para a nova rede social, desde o nome de usuário e biografia, até os contatos que você segue.

No entanto, o usuário também pode personalizar a nova rede de acordo com a sua vontade e não é necessário seguir todos os usuários do seu Instagram. Além disso, você pode optar por privar a sua conta em uma das redes, sem interferir na outra (por exemplo, se você preferir manter o seu Threads privado apenas para os seus seguidores, isso não afeta a privacidade da sua conta no Instagram).

Como funciona o Threads do Instagram?

O aplicativo possui quatro guias, incluindo um feed principal, aba “Explorar”, aba de favoritos (notificações de ações na sua conta, como novos seguidores) e o seu perfil, com o botão de + ao meio, simbolizando a adição de um novo “tópico” (ou tweet), similar ao botão do Instagram para iniciar uma nova publicação.

Ao iniciar um novo tópico, o usuário possui 500 caracteres para compartilhar seus pensamentos e, ao clicar em “enter”, ele é automaticamente direcionado para o próximo tópico da thread.

Além disso, é possível adicionar até 10 imagens ou vídeos no seu tópico (transformando-o em um carrossel), mas o aplicativo ainda não possui acesso à câmera do usuário. Novas opções de mídia foram adicionadas recentemente, conforme você verá mais à frente neste artigo. 

Como o Threads do Instagram funciona?

Atualmente, os recursos da rede social estão sendo implementados aos poucos. Segundo compartilhado por Adam Mosseri em seu perfil no Threads, o objetivo da rede social é saber se os usuários continuaram utilizando depois do “hype”:

“Nós não poderíamos estar mais felizes com toda a excitação sobre esse aplicativo, então muito, muito obrigado, mas isso é uma corrida para a linha de partida – se é que um dia houve uma.

O verdadeiro teste não é se podemos criar muito hype, mas se vocês encontrarão valor suficiente nesse aplicativo para continuar utilizando-o a todo tempo. E há uma série de coisas básicas que estão sentindo falta: pesquisa, hashtags, um feed de seguidores, gráficos sincronizados, fediverse suporte, DM talvez…

Nós estamos trabalhando, O (incrível) time está dando partida, mas a divulgação completa levará tempo.”

Eu posso desativar minha conta no Threads sem afetar minha conta no Instagram?

Um assunto que chamou a atenção dos usuários sobre a nova rede social é a impossibilidade de “excluir sua conta”. Basicamente, por ser um serviço vinculado ao Instagram, o usuário precisa de uma conta na rede social para entrar no Threads e, ao excluir sua conta no Threads ele automaticamente exclui sua conta no Instagram também.

Na verdade, o Threads não possui uma opção de “Excluir minha conta” (você pode conferir mais detalhes na “Política de Privacidade da Meta”), como a maioria das redes sociais. Ao clicar em “outras configurações de conta” no Threads (onde inclui a possibilidade de exclusão), o usuário é direcionado para sua conta do Instagram. Ou seja, excluindo seu Instagram você perde o acesso ao aplicativo de texto.

“Então eu sou obrigado a permanecer com minha conta ativa?”

Não, o usuário pode desativar sua conta no Threads e isso não vai impactar na sua conta do Instagram. Acessando as configurações do aplicativo e clicando na opção Conta, o usuário encontra facilmente a opção: “Desativar Perfil” e pode suspender a conta, sem afetar seu Instagram:

Threads do Instagram - Como Desativar Conta

Meu selo de verificação do Meta Verified aparece no Threads?

Outra dúvidas dos usuários envolve o selo de verificação pago da Meta, o Meta Verified. Segundo compartilhado pela Meta em seu artigo de introdução do Threads, tanto o nome de usuário quanto o selo de verificação são mantidos no Threads.

“É fácil começar a usar o Threads: basta usar sua conta do Instagram para fazer login. Seu nome de usuário e verificação do Instagram serão mantidos, com a opção de personalizar seu perfil especificamente para Threads”

Ou seja, os usuários que já pagam pelo selo de verificação no Instagram não precisarão comprá-lo novamente para ser utilizado no Threads, como acontece entre o Instagram e o Facebook, por exemplo.

Novos Recursos do Threads do Instagram

A rede social também está avançando na disponibilidade de recursos que podem torná-la mais semelhante à rede de Musk e, consequentemente, atrair mais usuários.

Confira as novidades que estão sendo desenvolvidas:

Usuários do Threads podem Salvar Publicações

Depois de realizar uma série de testes com usuários selecionados no começo de 2024, o Threads agora está lançando sua nova opção “Salvar” para todos os usuários na última semana de fevereiro.

 

Publicado por @threads
Ver no Threads

 

Assim como nas demais redes sociais, essa funcionalidade significa que os usuários agora podem marcar postagens no aplicativo que desejam revisitar posteriormente. O lado positivo dessa novidade, principalmente para os criadores, é a possibilidade de medir o engajamento da audiência, com uma nova forma de interação – muito mais valiosa para entender o quanto os usuários estão “interessados” naquele assunto.

Testes iniciais do Threads Web e da Pesquisa por palavras-chave no Threads

Poucos dias após a divulgação de um relatório da Ipsos sobre o engajamento na rede social, a Meta anunciou oficialmente o lançamento inicial do threads.net, o portal web do Threads. 

Threads Web(Captura de tela de threads.net)

Inicialmente, o portal web é muito semelhante ao aplicativo mobile, sem nenhum recurso novo. No entanto, no dia 31 de agosto, a big tech anunciou mais uma novidade para o Threads: os primeiros testes de pesquisa por palavras-chave no aplicativo.

Pesquisa por Palavras-chave no Threads

Os primeiros testes começaram em agosto, com usuários da Austrália e da Nova Zelândia, e agora a pesquisa por palavras-chave já está disponível para todas as regiões.

Após o lançamento do portal web, essa funcionalidade pode ser um ponto de virada para o engajamento na rede social.

Pesquisa por Palavras-chave no Threads(Fonte: Social Media Today | Reprodução)

Afinal, com uma funcionalidade de pesquisa, os usuários têm mais facilidade e comodidade para encontrar tópicos e encontrar conversas do seu interesse na rede, enquanto marcas e criadores de conteúdo geram mais conteúdo para serem encontrados.

Essa novidade foi anunciada pouco depois de Elon Musk comentar sobre seus interesses em estabelecer a pesquisa semântica no X.

Como é possível ver no exemplo compartilhado pelo perfil oficial do Threads, e como seria de esperar, a pesquisa por palavra-chave mostra todas as postagens que mencionam os termos pesquisados, fornecendo outra maneira de encontrar conteúdo relevante e atual no aplicativo.

Segundo o chefe do Instagram, Adam Mosseri, a ferramenta de pesquisa já está disponível em todos os idiomas disponíveis no aplicativo, e mais otimizações devem chegar em breve.

Postagens com mais recursos de mídia

Além da pesquisa, pensando em aumentar a interação dos usuários com a plataforma, o Threads está investindo em recursos de mídia para enriquecer as publicações dos usuários, com GIFS, mensagens de áudio e enquetes:

Mídias post Threads
(Imagem: Social Media Today | Reprodução)

A captura de tela compartilhada pelo especialista Chris Messina, mostra que, em breve, o Threads deverá adicionar mais opções integradas ao espaço de criação de “threads”, que fornecerá mais formas de envolvimento e interação.

Além dessas atualizações maiores, o aplicativo também está em testes para oferecer uma opção de “edição de postagens” em um período de tempo após a publicação, enquanto busca novas formas de aumentar a interação no Threads e no Instagram.

Por enquanto, essas atualizações ainda não estão previstas para chegar ao Brasil, visto que a pesquisa no Threads ainda não chegou. No entanto, dependendo da popularidade nos EUA, a possibilidade de expansão para as demais regiões é grande.

Trending Topics do Threads

Foi compartilhado por Willian Max, designer de aplicativos e cofundador da Sorcererhat, que o aplicativo do Threads estava prestes a lançar uma seção semelhante ao “Trending Topics” do X:

 

Publicado por @willianmax
Ver no Threads

 

A imagem foi compartilhada em uma publicação do designer, que dizia: “Ops. Acho que o recurso de trending topics acabou de vazar na linha do tempo.”

O aprimoramento da pesquisa no Threads já estava sendo testado desde agosto (confira mais adiante neste artigo), mas os testes iniciais eram focados na busca por palavras-chave e não mostravam os assuntos em alta – como vimos na imagem acima.

Essa mudança é uma das mais aguardadas pelos usuários que já utilizam o X e estão migrando ou alternando com o Threads, e representa um avanço significativo do aplicativo da Meta. Além disso, o layout de exibição dos tópicos – diretamente na pesquisa e não em outra aba – representa uma familiaridade maior com outra rede social conhecida (e mais utilizada) pela geração Z: o TikTok.

Adam Mosseri, head do Instagram e líder do projeto do Threads, esclareceu para alguns usuários do Threads a posição da Meta com relação ao uso dos “trending topics” no Threads e a propagação de notícias na rede social:

 

Publicado por @mosseri
Ver no Threads

 

Você pode conferir mais detalhes sobre a forma como o Threads classifica seus conteúdos lendo nosso artigo completo. Mas, de antemão, reforçamos que a Meta não afirmou em nenhum momento o lançamento dessa funcionalidade de assuntos em destaque, visto que isso a afastaria do propósito da rede social.

Quando teremos anúncios no Threads?

Segundo o CEO da Meta, Mark Zuckerberg, o objetivo inicial é levar o Threads a um bilhão de pessoas antes de falar em monetização. Assim como a adição de novos recursos depende dos usuários continuarem ou não utilizando a nova rede social, a possibilidade de anunciar online com o Threads está seguindo pelo mesmo caminho.

Em entrevista recente ao portal The Verge, Adam Mosseri comentou sobre o assunto e disse que é o propósito no futuro:

“Se formos bem-sucedidos, se fizermos algo que muitas pessoas adoram e continuam usando, com certeza iremos monetizá-lo. E eu estaria confiante de que o modelo de negócios será de anúncios. No momento, não estamos focados em monetização. Estamos muito, muito focados em apenas tentar fazer algo que as pessoas adoram usar. E então, se conseguirmos algo em escala, será um problema de champanha.”

Leia também: Novos Formatos de Anúncios no Instagram

Qual a percepção dos usuários sobre a nova rede social?

Ainda é cedo para definir com certeza. O Twitter sempre foi uma rede social considerada “a parte” do compilado da Meta e esse era o seu maior diferencial para muitos usuários. No entanto, nessas primeiras horas de rede social, os usuários parecem empolgados com a novidade.

Confira: Estatísticas do Twitter no Brasil

Será interessante observar como os usuários adotarão essa nova plataforma e se ela conseguirá oferecer recursos exclusivos para atrair uma base de usuários fiel.

Após “boom” inicial de usuários, as pessoas continuam usando o Threads do Instagram?

Quando foi lançado, em 5 de julho, o Threads bateu o recorde de usuários cadastrados, se tornando a plataforma mais rápida a conquistar 100 milhões de inscritos. No entanto, a rede social de postagens de texto da Meta – que era uma das grandes “favoritas” para substituir a rede de Elon Musk – parece estar com dificuldades para manter o hype inicial.

A Ipsos divulgou uma pesquisa recentemente, revelando que, apesar de um lançamento explosivo, o engajamento com a plataforma diminuiu. O objetivo da pesquisa era entender o nível de familiaridade e interesse do público com o Threads.

Após o lançamento estrondoso, 44% dos adultos nos EUA afirmaram estar familiarizados com a nova plataforma da Meta. No entanto, em pesquisas subsequentes, esse número permaneceu inalterado, com 3 em cada 10 respondentes dizendo que “nunca ouviram falar” sobre o Threads. Além disso, 64% dos entrevistados disseram “não se importar nem um pouco” com o lançamento da plataforma já na semana seguinte:

Até que ponto os americanos se importam com o Threads?

Além disso, a Similarweb (plataforma de acompanhamento de tráfego online), divulgou que o uso do aplicativo Threads em dispositivos Android caiu 79% após o primeiro mês, e o tempo gasto com o aplicativo nos EUA caiu 85%.

Com foco em reconquistar o engajamento, é provável que os líderes do “project 92”, como o Threads era conhecido antes de seu lançamento, estejam desenvolvendo novas funcionalidades para serem lançadas em breve.

O Pré-Lançamento do Threads e o gatilho de curiosidade utilizado pela Meta

A Meta começou a engajar os usuários com o lançamento do Threads dias antes da chegada do aplicativo. Mesmo sem anunciar oficialmente uma data em seus canais de comunicação (como o Canal do Instagram do CEO, Mark Zuckerberg), a Big Tech revelou por meio da App Store da Apple que o aplicativo estaria disponível para download no dia 6 de julho.

Os entusiastas da tecnologia também descobriram uma listagem preliminar na Google Play Store, que apareceu recentemente. Além disso, a Big TECH adicionou um teaser da data de lançamento dentro do próprio aplicativo do Instagram.

Pré-lançamento do Threads

Ao digitar a palavra-chave “threads” na caixa de pesquisa, um ícone de tíquete aparece na lateral da barra de pesquisa e, ao tocar nele, um tíquete giratório é exibido, revelando o nome de usuário do Instagram do usuário, juntamente com o horário de lançamento local (nos EUA será a partir das 10h ET do dia 6).

O tíquete giratório também inclui um código QR que redireciona para threads.net, aparentemente o portal da web da nova plataforma de mídia social. Lá, os usuários podem encontrar uma contagem regressiva que também terminará às 11 horas do dia 6 de julho no fuso horário de Brasília.

Contagem regressiva Threads

O aplicativo Instagram Threads é descrito brevemente na App Store como um aplicativo de conversação baseado em texto, que permite que comunidades se reúnam para discutir tópicos de interesse, desde assuntos do momento até tendências futuras.

Fale mais com o Threads — aplicativo de conversação baseado em texto do Instagram

Threads é onde as comunidades se reúnem para discutir tudo, desde os tópicos de seu interesse hoje até o que será tendência amanhã. Seja qual for o seu interesse, você pode seguir e se conectar diretamente com seus criadores favoritos e outras pessoas que amam as mesmas coisas — ou criar seguidores leais para compartilhar suas ideias, opiniões e criatividade com o mundo.

As listagens na App Store e na Google Play Store exibem capturas de tela semelhantes do aplicativo, ilustrando como os usuários podem fazer login com suas contas do Instagram, encontrar as contas que seguem no Instagram dentro do novo aplicativo e postar em uma interface que se assemelha ao Twitter, Mastodon, Bluesky ou qualquer outro aplicativo social com foco em texto.

Capturas de Tela - Threads

Todos esses recursos ativaram um gatilho mental de curiosidade nos usuários, o que ajudou a aumentar a adesão inicial da nova rede social logo nas primeiras horas, levando-a a se tornar a primeira plataforma online a conquistar mais de 1 milhão de usuários em apenas 1 hora.

De acordo com relatos de Alex Heath (editor do portal The Verge), um executivo da Meta revelou durante uma reunião interna no mês passado que o Instagram Threads será integrado ao protocolo de mídia social descentralizado, chamado ActivityPub, usado pelo Mastodon (você pode ler mais sobre isso nos próximos capítulos deste artigo).

Segundo a Meta, essa integração visa proporcionar uma experiência administrada de forma sensata para criadores e figuras públicas. Recentemente, essa revelação provocou conversas e especulações que geraram um desentendimento entre Musk e Mark Zuckerberg.

Como o Threads do Instagram surgiu?

As primeiras informações sobre o novo aplicativo começaram a circular no meio digital em março deste ano, mas até meados de junho a Meta não havia se posicionado oficialmente sobre uma data de lançamento da sua nova rede social.

Desde março, o aplicativo que pretende substituir o Twitter teve diversos avanços em seu desenvolvimento. A Meta anunciou oficialmente para a Platformer que estava investindo em um novo aplicativo com feed de notícias em formato de texto, semelhante ao Twitter, com uma proposta descentralizada:

“Estamos explorando uma rede social descentralizada independente para compartilhar atualizações de texto. Acreditamos que há uma oportunidade para um espaço separado onde criadores e figuras públicas podem compartilhar atualizações oportunas sobre seus interesses.”

Project 92: Percursor do Threads

O projeto, chamado anteriormente de “Project 92”, foi liderado pelo atual Head do Instagram, Adam Mosseri, e pretendia ter integração direta com a rede social de compartilhamento de fotos e vídeos, o que se provou um grande impulsionador para a adesão do novo “Threads”.

Os primeiros passos do Threads do Instagram antes de seu lançamento

Em junho, o executivo da Meta, Chris Cox, compartilhou novas informações sobre o aplicativo de feed baseado em texto (na época, ainda sem nome). Conforme compartilhado pelo portal The Verge, o aplicativo pretendia um feed direto de atualizações de texto, no qual os usuários também poderiam adicionar fotos e vídeos às suas mensagens. Até o momento, o Threads está cumprindo com esses requisitos.

Anteriormente sem um nome oficial, o The Verge comentou sobre a possibilidade do aplicativo se chamar “Threads” (o que também se mostrou correto), e os posts podem ter até 500 caracteres.

Threads - Primeiras imagens

Conforme as imagens compartilhadas, o feed principal parece uma DM aberta, onde é possível ver o que foi compartilhado e as respostas que recebeu logo abaixo da mensagem principal. Além disso, é possível observar os ícones de interação padrão do Instagram, como curtir, comentar e compartilhar. Observando agora, o aplicativo parece não ter sofrido muitas alterações, como podemos ver abaixo:

O executivo ainda deu uma declaração sobre a plataforma, criticando o aplicativo de Musk:

“Temos ouvido de criadores e figuras públicas que estão interessados ​​em ter uma plataforma que seja administrada de forma sensata, que eles acreditam que podem confiar e contar com a distribuição.”

Por que o “Threads” se parece com o Instagram?

Em Junho de 2022, Mosseri comentou em um Tweet o motivo pelo qual o Instagram estava investindo – na época – em novos recursos para o Instagram Stories e DMs:

O chefe do Instagram explica que, ultimamente, as pessoas estão mais envolvidas em publicações dos Stories e no envio de DMs no Instagram do que necessariamente em publicações no feed, portanto, os esforços estavam em tornar a experiência nesses formatos mais agradável.

Leia também: Explicando o Algoritmo: Como o Instagram Classifica seus Conteúdos

Então, um aplicativo com feed de texto que se parece com as DMs do Instagram parece uma alternativa atraente para os usuários. Além disso, a semelhança com o layout do Instagram pode ser mais atrativa aos novos usuários que – atualmente – não utilizam o Twitter.

Pensando ainda em facilitar a entrada dos usuários do Instagram no “novo Twitter do Instagram”, está utilizando as credenciais do Instagram para fazer login e também possibilita migrar o ID usuário no Instagram como nome de usuário no Threads (não precisa pensar em um novo @).

O que é uma rede social “descentralizada” e por que o Threads do Instagram quer seguir essa tendência?

Uma rede social descentralizada é aquela em que o controle e a operação da plataforma são distribuídos entre vários participantes em vez de serem centralizados em uma única entidade ou empresa. Nesse tipo de rede social, não existe um servidor central que armazena todos os dados e controla o fluxo de informações e, em vez disso, os dados e o controle são compartilhados entre os usuários da rede.

Dessa forma, por exemplo, o Threads pode utilizar os dados da sua conta do Instagram para criar a sua conta, utilizando o mesmo nome de usuário, ID de verificação da conta, etc. Segundo o The Verge, o novo aplicativo se integra ao protocolo descentralizado ActivityPub, o que pode permitir que os usuários transfiram suas informações, incluindo as informações do público, para outros aplicativos que suportem o mesmo.

Rede Social Descentralizada

A descentralização pode trazer alguns benefícios para uma rede social, como maior privacidade, transparência e resistência à censura. Como não há uma única entidade controlando a rede, é mais difícil para terceiros monitorarem ou interferirem nas interações dos usuários.

A adoção de uma abordagem descentralizada pode permitir que a Meta explore novos modelos de negócios, interações sociais e experiências de usuário. Ao romper com o paradigma centralizado tradicional, a empresa pode estar buscando novas formas de engajamento e colaboração social.

O Lançamento do Thread do Instagram

As previsões iniciais indicavam que a Meta pretendia realizar o lançamento do Threads ainda em junho, mas, o lançamento oficial aconteceu alguns dias depois, em 5 de julho.

Cox afirma que os representantes do Instagram estavam conversando com várias celebridades para ajudar a aumentar a conscientização e o uso do aplicativo, incluindo a Oprah e o Dalai Lama.

Alguns especialistas em redes sociais questionaram as opções da Meta, pensando que o uso de influenciadores digitais e Youtubers poderia ser mais efetivo. Mas, o posicionamento da Meta pode ser outro.

Atualmente, segundo pesquisas da Pew Research, o público do Twitter nos EUA é composto por pessoas acima dos 40 anos, com formação superior – algo um pouco diferente do público das demais redes sociais.

Se imaginarmos que os usuários mais jovens do Instagram já criaram suas contas no novo aplicativo, principalmente, pela facilidade de migrar seus dados de uma conta para outra, o foco da big tech deverá ser trazer o público do Twitter para o seu novo aplicativo. Portanto, a escolha de personalidades influentes para esse público para refletir bem os interesses da empresa.

O que diferencia o Threads do Instagram das demais redes sociais que pretendem “substituir” o Twitter?

Muitas outras empresas já investiram – ou vêm investindo – em alternativas para a rede social de microblogs mais popular do mundo. Assim como o Koo App ou o BlueSky, não há garantias de que o novo aplicativo da Meta seja, realmente, um substituto para a rede de Elon Musk.

Mas, o que diferencia o “Threads do Instagram” das demais alternativas é a consolidação da Meta no mercado digital e social. Com aplicativos como o WhatsApp, o Facebook e o Instagram sendo as redes sociais mais utilizadas do mundo e a facilidade de levar suas informações de uma rede social para outra, a Meta conquista uma grande vantagem frente aos aplicativos que nasceram e rapidamente caíram em desuso.

Salve este artigo nos seus favoritos e acompanhe as próximas atualizações sobre o Threads do Instagram!

LEIA MAIS

Top 8 Erros Comuns em FanPages

Você sabe quais são os erros mais comuns ao criar uma fanpage? Dê uma olhada neste artigo e confira algumas dicas que vão ajudá-lo(a) a identificar erros e melhorar suas estratégias!

Migração de Perfil e União de Páginas no Facebook

O Facebook possui duas ferramentas que podem auxiliar os usuários a solucionar alguns problemas básicos: a migração de perfil para fan page (para empresas que começaram errado) e a união de várias fan pages em uma (para quem não soube como montar). No entanto, ambas trazem alguns problemas para os usuários, que frequentemente buscam aqui solucionar dúvidas e tentar entender os processos. Fizemos este artigo visando explicar melhor tudo isso.

Como Criar uma Fanpage: Guia para Criar Página no Facebook

Veja como criar uma página no Facebook, confira as dicas que não podem ser ignoradas e torne a sua empresa visível nessa rede social!

Já pensou em fazer parte do nosso time de mestres?