Calls to Action – Melhore as Conversões de Seu Site

Olá leitores da Agência Mestre!

binoculo

Semana passada escrevi um post sobre calls to action, o motivo pelos quais eles são importantes e algumas dicas de como melhorar as conversões do seu site através deles. Nessa semana, vou voltar a esse assunto com mais algumas dicas de como melhorá-los.

Se você não leu o post de semana passada, vale lembrar que CTA é uma sigla para “call to action” ou, chamadas à ação. Esses CTAs são funções ou links que incitam o usuário a realizar ações dentro do site – botões para inscrição em serviços, compras, enquetes. Esses são apenas alguns dos exemplos mais comuns de CTAs.

Conversões x Posicionamento

Uma das principais metas ao iniciar uma campanha de SEO, com certeza, é a melhora de posicionamento nas pesquisas. Entretanto devemos ter em mente que as conversões também são muito importantes – de que adianta ter ótimos posicionamentos e número de visitas se os usuários não realizam as ações desejadas dentro do seu site? Ou se, no caso de blogs, os usuários apenas dão uma olhada na landing page e não permanecem no site?

Conteúdo de qualidade e usabilidade são dois fatores essenciais para a conversão de um site. No quesito usabilidade, ter um carinho especial com os CTAs de seu site com certeza é algo de grande valia.

Mas, se você já tomou providências em relação à seus CTAs e mesmo assim não obteve bons resultados, está na hora de se perguntar: “Meus usuários estão vendo os CTAs?”.

Porque os usuários não vêem os CTAs?

1 – Cores de tons muito próximos

Os CTAs são elementos que precisam de um certo destaque na página. Entretanto, muitos designers – afim de não interferir nas cores do template – preferem utilizar cores muito próximas daquelas já utilizadas no site. Dessa maneira os CTAs ficam “apagados” na página.

Uma boa maneira de contornar essa situação, sem fazer um carnaval de cores na página, é escolher uma cor que dê um destaque moderado. Se o site está em tons de azul ou verde, por exemplo, abóbora ou vermelho são ótimas opções – nem que sejam utilizadas em tons pastéis.

2 – Páginas “poluídas”

procurando1Abarrotar vários elementos em uma página a torna difícil de decifrar e muito pouco convidativa para o usuário. Isso geralmente ocorre em sites onde se exagera na quantidade de anúncios de publicidade, Ad-senses, botões, imagens, flashs e outros elementos.

Nesse tipo de página é difícil identificar corretamente a funcionalidade de cada elemento – ou seja, elas se tornam muito pouco convidativas para o usuário.

Nesse caso, tome cuidado com a quantidade de elementos que você tem em cada página. Nenhum usuário vai querer perder tempo procurando por um botãozinho perdido em uma página repleta de coisas.

Outra maneira de evitar essa situação é ter bem definidas as funções de cada página.

3 – Páginas muito pesadas

Esse tipo de página pode ou não ser conseqüência do tipo de página anterior. Nem todas as pessoas utilizam internet de alta velocidade – nem todas as pessoas têm tempo de esperar as páginas serem carregadas e, se tiverem, isso não garante que essaas pessoas vão esperar.

Uma boa maneira de evitar esse tipo de problema é escolher modelos simples de templates e, mais uma vez, tomar cuidado com a quantidade de elementos inseridos nessa página – o tamanho da página é essencial.

4 – Títulos não atrativos / Incoerentes

Os títulos utilizados tem a funcionalidade de convencer o usuário a clicar nos botões. Portanto, eles tem de combinar textos atrativos, mas que ao mesmo tempo sejam explicativos.

Textos não atrativos não vão convencer o usuário a clicar nesses botões, textos que não têm nada a ver com a finalidade do botão farão com que seus usuários se sintam enganados. E, conseqüentemente, seu site perde credibilidade.

São pequenos detalhes, mas prestar atenção  neles e trabalhar suas páginas de forma a evitar esses erros pode ser a diferença entre páginas que convertem bem e outras que não. Melhorar a usabilidade é uma estratégia de SEO simples, mas muito eficaz – páginas intuitivas e fáceis de utilizar com certeza ajudam o seu site a dizer um “volte sempre” a seus usuários, ao contrário de espantá-los para sempre.

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

8 Comentários para “Calls to Action – Melhore as Conversões de Seu Site”

  1. Frank Marcel

    “1 – Cores de tons muito próximos” – De acordo com o Steve Krug, se você acha que o design ficou muito chamativo, faça 10 vezes mais chamativo! – isso é pra convencer designers a não se intimidar com elementos que fogem um pouco ao padrão do site.

    Post legal!

    Responder
  2. Fabiano Fernandes

    Já mandei esse link no twitter pra Fabiane, mas vamos lá.. compartilhar é viver…
    Um pouco do básico de teoria das cores, de forma animada (eu adoro essa animação… vale só pelo belo trabalho): http://www.mariaclaudiacortes.com/
    Já fica ai uma dica pra não errar em relação ao primeiro tópico.

    Nessa mesma linha, tem um outro site que eu gosto, que mostra o contraste entre as cores de fundo e do texto, pra procurar utilizar cores que não confundam o leitor.
    http://www.snook.ca/technical/colour_contrast/colour.html

    Responder
    • Fabiane Lima

      Olá, Fabiano

      Boas indicações! A animação é bem bacana e o a tool do segundo site é bem simples de usar. Obrigada pelas dicas! =)

      Responder
  3. xanguinho

    Olá Fabiane Lima, Quanto ao post estava excelente, gosotoso de ler e fácil explicação. Sobre os tons de cores nos templates, sempre eu busco fazer com muito cuidado para ficar cheio de frescura. Vou começar dar mais vlores aos CTAs.

    Abraços fique com Deus.

    xanguinho

    Responder
  4. Rochester

    @Guilherme
    Claro, e tme várias formas de ver isso. Uma direta: o posicionamento depende da relevância do conteúdo de toda a página, então uma boa hierarquia é fundamental. Uma indireta: Um bom design, prende melhor o usuário, gera mais links e gera melhor posicionamento.

    Bom post Fabiane.
    Mas novamente, cuidado com as cores berrantes demais.

    []’s

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>