SEO

Impactos da SGE nos Rankings da Pesquisa no Google

Por Raquel Pereira

Confira as mudanças que estão sendo causadas na Pesquisa no Google devido à nova Experiência Generativa de Pesquisa (SGE).

Raquel Pereira

Lançada inicialmente nos EUA em agosto de 2023, a Experiência Generativa de Pesquisa (SGE), do Google, está se tornando mais popular no país e se aproximando de uma expansão global.

No entanto, o novo formato de resposta do buscador coloca em risco as técnicas de SEO como conhecemos atualmente, principalmente considerando que o Google é o maior buscador do mundo e recebe mais de 90% das pesquisas online.

Por isso, um novo estudo da Authoritas apresenta alguns insights sobre como o novo recurso do Google está funcionando até o momento. Confira:

O que é a Experiência Generativa de Pesquisa

A SGE (Experiência Generativa de Pesquisa) foi lançada em 2023, como uma abordagem do maior buscador do mundo para tornar a experiência de pesquisa mais atual, seguindo os padrões estabelecidos pelos novos modelos de IA como o ChatGPT.

Basicamente, esse modelo integra resultados gerados pela IA do Google diretamente na página de resultados do buscador (SERP).

O que é a Experiência Generativa de Pesquisa (SGE)?

Diferentemente dos métodos tradicionais, a SGE oferece uma experiência mais dinâmica e personalizada, apresentando conteúdos gerados automaticamente que vão além dos links orgânicos habituais.

Sobre o Estudo da Authoritas

Conforme compartilhado, a Authoritas conduziu um estudo abrangente, analisando 1.000 termos comerciais em contas do Google habilitadas para SGE, com o objetivo de entender como a introdução da SGE afeta os rankings orgânicos e a visibilidade geral nas páginas de resultados de pesquisa.

Os dados foram coletados em Nova York, durante dois dias em dezembro de 2023, incluindo palavras-chave de 10 categorias:

  • Automotivo;
  • Comércio eletrônico e varejo;
  • Entretenimento;
  • Vestuário de moda;
  • Finança;
  • Comida & Bebida;
  • Saúde e bem estar;
  • Jurídico;
  • Tecnologia e Eletrônica;
  • Viagens e Hospitalidade.

Principais descobertas do estudo

A Authoritas mapeou que a SGE é acionada em 86,8% das consultas, o que representa quase 9 em cada 10 buscas no Google.

Impactos da SGE nos Rankings de Pesquisa no Google

Isso significa que, mais do que nunca, podemos ter a certeza de que os resultados gerados por IA vão afetar drasticamente o tráfego orgânico e as estratégias de SEO.

65,9% das buscas acionam a SGE no formato “generate_button”

O estudo ainda mostra que mais da metade das buscas que acionaram o SGE apresentaram um botão para “gerar a resposta”, ou seja, a resposta não foi gerada automaticamente após o carregamento da página.

No entanto, em 34,1% dos casos, a SGE apresentou um trecho de conteúdo com o botão “Mostrar mais”.

Os consultores que realizaram o estudo explicam que essas duas “opções” de interação com o usuário geram diferentes níveis de impacto nos resultados:

“Claramente, é muito provável que esses diferentes tipos de SGE tenham níveis diferentes de envolvimento do usuário e, como resultado, o impacto de cada um nas classificações orgânicas e nos recursos SERP universais será diferente.”

Impacto nos Resultados Orgânicos

Além disso, uma das maiores afirmações do estudo é referente ao deslocamento do primeiro resultado listado na SERP; segundo observado, quando a SGE é acionada, o primeiro resultado orgânico é deslocado em média 1.500 pixels para baixo.

Isso representa um deslocamento de aproximadamente 1,5 vezes a altura da área visível da maioria dos monitores de desktop, o que significa que o primeiro resultado orgânico muitas vezes fica fora da tela inicial sem rolagem.

Impactos do Clique na SGE na Posição do 1° resultado de Pesquisa

94% dos links da SGE são diferentes daqueles listados na 1º página do Google

A análise ainda mostra que, em média, cada resposta da SGE possuía 10 links, provenientes de cerca de 4 domínios únicos. O que, basicamente, representa que as respostas geradas pela Experiência Generativa de Pesquisa não correspondem a nenhum link dos Top 10 da SERP do Google em 93,8% das vezes.

Dessa forma, uma ampla diversidade nas fontes de informação apresentadas pela SGE diferem significativamente dos resultados orgânicos tradicionais, que tendem a ser dominados por um conjunto menor de domínios.

Apenas 4,5% dos links generativos correspondiam exatamente a um URL nos resultados orgânicos, e apenas 1,6% eram de um domínio já presente nos resultados orgânicos, mas com um URL diferente.

Conteúdo para o SGE do Google

Essa informação apresenta uma oportunidade para os profissionais de SEO e criadores de conteúdo: mapear os conteúdos listados na SGE e entender como eles diferem da sua abordagem atual.

Dessa forma, sua estratégia de SEO pode contribuir para as respostas geradas por IA e, eventualmente, aparecer entre as linkagens da SGE.

Antes e Depois da SGE

Outro ponto importante a ser observado é que, analisando os dados de “antes e depois da implementação da SGE”, há uma mudança significativa na visibilidade de domínios proeminentes como o Wikipedia.

O estudo mostrou que, em média, houve uma queda de 9,7 posições nos rankings orgânicos para o Wikipedia após a ativação da SGE – o que pode ser um indicativo de que novos domínios tornem-se mais relevantes com a expansão global do formato.

A Importância de Acompanhar esses Dados

Essas descobertas detalhadas do estudo da Authoritas sobre a SGE destacam a necessidade de uma compreensão profunda e uma adaptação estratégica por parte dos profissionais de SEO e marcas que buscam manter sua visibilidade e relevância na era da pesquisa generativa.

A introdução da Experiência Generativa de Pesquisa pelo Google é um marco na busca online, com implicações profundas para o SEO; estar atento a essas mudanças é o primeiro passo para adaptar-se à nova realidade.

Descubra como a Agência Mestre pode te ajudar com uma estratégia atualizada de SEO para que o seu negócio não perca a visibilidade. Conheça nossa Agência de SEO!

LEIA MAIS

Páginas 404 Não Devem Retornar o Código 200 de Status

Hoje em dia é muito comum que página de erro 404 sejam customizadas, mas o trabalho de qualquer profissional de SEO é que estas páginas façam realmente o seu papel. Veja como prevenir que suas páginas de erro 404 causem problemas com os seus rankings.

Redirecionamento 301 em PHP, ASP, htaccess, Coldfusion e Ruby on Rails

Você quer saber como configurar o redirecionamento 301 no seu site? Veja como e mantenha sua relevância no Google!

Como Fazer o Google Encontrar o Seu Site?

Você sabia que existem diferentes formas de ajudar o Google a encontrar o seu site? Coloque nossas dicas em prática e faça seu site aparecer no buscador!

Já pensou em fazer parte do nosso time de mestres?