Olá amigos e leitores da Agência Mestre!

Hoje vamos falar sobre um assunto que pode tornar sua mensagem muito mais assertiva e fazer com que sua taxa de abertura de e-mail seja muito melhor. Através do vídeo abaixo, você entenderá como pode segmentar sua base de e-mails, para entregar ao seu lead o assunto que ele está interessado em consumir. Basta dar o play para aprender mais sobre o tema:

A Estratégia de Segmentação

Segmentar seus leads, significa basicamente agrupar as pessoas que se encontram em sua base de e-mails, por interesse ou por características semelhantes. Por exemplo, aqui na Agência Mestre, possuímos uma segmentação chamada “Tomadores de decisão”, na qual agrupamos todos os leads que informaram que possuem um cargo mais elevado dentro de uma empresa ou corporação, tais como: diretores, donos, proprietários, CEOs e por aí vai. Dessa forma, podemos fazer ações específicas para esse grupo de pessoas.

Comunicação Errada

Um dos maiores erros que as pessoas que fazem disparos de campanhas de e-mail marketing cometem, é o de não segmentarem bem sua base de leads. Quando isso acontece, a comunicação fica errada e pessoas que não estão interessadas em um determinado assunto, acabam recebendo e-mails que não têm nada a ver com o momento ou o cenário em que ela se encontra. Por exemplo, imagine que você é homem e possui cabelo escuro. Faz sentido você receber e-mails com assuntos voltados para quem é calvo ou ainda, para quem possui cabelos loiros? A resposta é não. Você provavelmente nem abriria tal e-mail ou simplesmente o jogaria na lixeira.

Formas de Segmentar Sua Lista

Existem algumas formas de segmentar sua lista e a principal delas, é fazer uma pesquisa com sua base. Você pode incluir alguns itens chave em seu formulário ou até mesmo enviar seu lead para uma outra página, quando ele fizer uma conversão em sua base. Não existe o jeito certo de fazer uma segmentação, pois isso vai muito de encontro a sua necessidade. Para você ter uma ideia, quando fizemos uma segmentação para um cliente que iria divulgar seus produtos durante a Black Friday, nós perguntamos aos leads quais eram as áreas de interesse deles. Ou seja, sobre quais produtos eles gostariam de receber um e-mail com as ofertas.

O grande poder da segmentação, é o de personalizar a sua comunicação. Analise o seu cenário e descubra o que é importante saber sobre o seu lead. Será que o gênero dele faria sentido para você? A idade, faixa salarial, interesses, área de atuação, enfim, é você quem diz o que importa ou não saber. Por exemplo, se você tem um blog ou loja virtual sobre emagrecimento, para você talvez faça sentido saber qual é o sexo, a idade, o peso, a altura e a expectativa de quantos quilos a pessoa deseja perder. Por outro lado, se você possui uma agência de marketing digital, para você é mais interessante saber qual é o cargo, o faturamento mensal e o maior obstáculo que impede o seu lead de investir. Em resumo, cada caso é um caso, mas o importante é segmentar a lista para oferecer uma comunicação personalizada.

Disparos de E-mail Para Toda a Base de Leads

Se você simplesmente pegar toda a sua base de leads e disparar um único e-mail para todos eles, certamente você terá uma baixa taxa de abertura e não terá o resultado que deseja, além de muitos leads poderem marcar seu e-mail como SPAM ou simplesmente se descadastrarem de sua lista. Portanto, foque na segmentação e no fluxo de nutrição correto para cada perfil de lead que você possui.

Limpeza de Lista

Se mesmo após segmentar sua lista, você perceber que ainda existem leads que simplesmente não abrem seus e-mails, talvez seja a hora de fazer uma limpeza em sua base de contatos, eliminando as pessoas que não estão engajadas. Dependendo da ferramenta de e-mail marketing que você utiliza, isso é muito simples de ser feito. Aqui na Agência Mestre, através da ferramenta que utilizamos, simplesmente marcamos os leads que não abrem ou não clicam em nossos últimos “X” emails com uma tag específica. Depois de algum tempo, deletamos esses leads que possuem tal tag. Dessa forma, geramos uma base sempre engajada e que fato se importa com nossos conteúdos.