Ferramentas

Google Search Console: O Relatório de Indexação de Vídeo Está Disponível

Por Raquel Pereira

Saiba quais são as funcionalidades disponíveis no novo Relatório de Indexação de Vídeos e como você pode utilizá-las.

Raquel Pereira

A implementação do relatório de Indexação de Vídeo do Google Search Console foi concluída com sucesso no dia 22 de agosto de 2022. Com ele, é possível observar um resumo de todos seus vídeos que o Google encontrou ao rastrear e indexar seu site.

O lançamento é uma excelente oportunidade das empresas analisarem quais vídeos necessitam de melhorias para aparecerem nos resultados de pesquisa e como conquistar os mesmos resultados em outros conteúdos.

Dica: não se esqueça que os conteúdos em vídeos são tão importantes quanto os em textos para conquistar tráfego para o seu site. Não deixe de monitorar as métricas das suas publicações, de forma que possa explorar ao máximo o potencial das produções que já foram realizadas para o seu domínio.

Atualizações do Relatório de Indexação de Vídeos do Search Console

Em fevereiro de 2023, o Google iniciou o lançamento de algumas atualizações para o relatório de indexação de vídeo do Search Console. O objetivo é oferecer aos editores e criadores de conteúdo insights mais abrangentes sobre o desempenho de seus vídeos nos resultados de pesquisa.

Agora, o novo relatório incluirá informações mais detalhadas sobre impressões de vídeo, além disso, inclui uma nova ferramenta para filtrar dados por sitemap. Confira como as novidades podem te ajudar a melhorar o desempenho dos seus vídeos:

Impressões diárias dos vídeos

A nova ferramenta apresentada pelo Google inclui informações sobre as impressões dos vídeos, atualizadas diariamente, para ajudar os profissionais de marketing a medir o desempenho dos vídeos mapeados pelo relatório.

Fonte: Central da Pesquisa do Google

Com essa informação, os profissionais podem acompanhar quais vídeos estão apresentando melhores resultados na pesquisa do Google. De acordo com o buscador, as impressões são agrupadas por página.

Isso significa que, para cada página de resultado de pesquisa ou sessão do Discover, são agrupadas todas as impressões (somando apenas uma impressão). Ou seja, apenas uma impressão é contada, mesmo que várias páginas de vídeos apareçam em um único resultado de pesquisa.

Filtro de mapa do site

Com esse recurso, os profissionais poderão selecionar páginas de vídeos inseridas apenas em um mapa do site selecionado. Com isso, as informações do gráfico e relatório serão ajustadas de acordo com o item selecionado.

Fonte: Central da Pesquisa do Google

Dessa forma, os analistas e criadores de conteúdo poderão se concentrar apenas nas páginas de vídeo que são mais importantes para eles.

Com as novas ferramentas, o Google busca oferecer mais insights (com maior personalização), para ajudar os profissionais a entender e otimizar a visibilidade e entregabilidade dos seus conteúdos em vídeo.

Assim, eles poderão utilizar as informações para tomar decisões sobre a substituição de conteúdos em seus sites, além de encontrar os melhores termos para desenvolver novas pautas e campanhas de mídia.

Aprenda como encontrar a página de Relatório de Indexação de Vídeo

Segundo o Blog da Central da Pesquisa Google:

“Se o Google detectar vídeos no site, o relatório de indexação vai aparecer na barra de navegação à esquerda na seção de cobertura. Se o Google não tiver detectado um vídeo no site, você não vai ver o relatório.”

Barry Schwartz, especialista em SEO, mostrou onde é possível encontrar o relatório no Google Search Console, veja:


fonte: https://searchengineland.com/

Caso você tenha dúvidas na hora de analisar o relatório do seu site, consulte a página de ajuda da ferramenta. Lá você poderá encontrar descrições detalhadas sobre como interpretar cada métricas e até mesmo recomendações de melhorias de acordo com o diagnóstico da plataforma.

O Relatório de Indexação de Vídeo

Durante o evento online, a consultora de ecossistemas da Web do Google, Dikla Cohen, mostrou as possibilidades de utilização do novo relatório:

Fonte: io.google/2022 – Captura de tela

Basicamente, a principal função do relatório é trazer mais informações, de forma mais rápida, para os usuários. Com ele, é possível visualizar, de maneira organizada, todas as páginas que contém vídeos indexados e os possíveis ajustes que devem ser realizados.

No evento, Cohen mostras que o Relatório de Indexação de Vídeos permite:

  1. ver quantas páginas que contém vídeo o Google encontrou e em quantas delas o vídeo foi indexado;
  2. examinar os motivos dos vídeos não estarem indexados nas páginas;
  3. usar a lista de URLs de páginas de vídeo afetadas para identificar e corrigir problemas;
  4. iniciar um novo rastreamento de URLs afetados conhecidos, para validar o sucesso das correções.

Além disso, é possível utilizar a API de inspeção de URL para verificar o status de indexação de páginas de vídeo específicas. Dessa forma, são exibidos os dados da página e, ao final, o status do vídeo presente na página e se o Google o identificou e indexou corretamente.

Primeiros testes

Kevin Monier, gerente de SEO da TF1 le Groupe, compartilhou em seu Twitter algumas capturas de tela com os primeiros testes da funcionalidade beta, ele disse que:

“O relatório de indexação de vídeo está disponível para os primeiros testadores beta e estará disponível em breve para todos.”

Fonte: Twitter

Nas imagens, Monier mostra uma atualização do relatório, realizada no dia 06 de junho. A captura de tela mostra “por que os vídeos das páginas não foram indexados”, listando os diversos problemas relacionados aos vídeos presentes:

  • vídeo não processado;
  • nenhuma URL de miniatura fornecido;
  • nenhum vídeo em destaque na página;
  • formato de vídeo desconhecido;
  • vídeo ainda não processado;
  • URL de vídeo inválido;
  • não foi possível acessar a miniatura.

Com essas informações, é possível realizar os ajustes necessários mais rapidamente e, assim, manter os vídeos e as páginas sempre otimizados para conquistar melhores posições nos resultados de pesquisa.

O Relatório de Indexação de Vídeo Está Sendo Lançado

Nesta segunda-feira (11), o Google anunciou oficialmente o lançamento da versão final do relatório de Indexação de Vídeo. De acordo com o pronunciamento:

“A criação e o consumo de vídeos na web continuam a crescer, e a pesquisa do Google indexa vídeos de milhões de sites diferentes para que as pessoas possam descobrir e assistir facilmente a esse conteúdo. Para ajudar você a entender o desempenho de seus vídeos no Google e identificar possíveis áreas de melhoria, o Search Console está lançando um novo relatório chamado Indexação de Vídeos.”

O buscador informa que o lançamento será gradual e, nos próximos meses, todos os usuários terão acesso completo à nova funcionalidade. No entanto, pode ser que no primeiro momento você não veja nenhuma alteração, por enquanto.

Visão Geral do Relatório

A nova página da Central de Pesquisa do Google explica q ue, agora, o relatório mostra quantas páginas indexadas em seu site contêm um ou mais vídeos e em quantas dessas páginas um vídeo pode ser indexado.

De acordo com o buscador, o objetivo do relatório é ajudar os usuários a entender o desempenho de seus vídeos no Google e identificar possíveis áreas de melhoria. Com ele, é possível responder às seguintes perguntas:

  • em quantas páginas o Google identificou um vídeo?;
  • quais vídeos foram indexados com sucesso?;
  • quais são os problemas que impedem que os vídeos sejam indexados?

Além disso, após corrigir um problema existente, é possível usar o relatório para validar a correção e acompanhar como suas páginas de vídeo corrigidas são atualizadas no índice do Google.

Fonte: Central de Pesquisa do Google

O relatório ficará disponível quando e se o Google detectar vídeos em seu site. Ele ficará acessível através da barra de navegação esquerda na seção de cobertura. Caso o Google não tenha detectado um vídeo em seu site, você não verá o relatório.

Além disso, o buscador observa a diferença entre o novo relatório e o relatório de resultados aprimorados de vídeo, lembrando que o segundo permanece inalterado e continua a mostrar quais itens de dados estruturados de vídeo são válidos ou inválidos em seu site. O relatório mais recente não apresenta essas informações.

Inspeção de páginas específicas

Com o novo relatório, o Google aprimorou sua ferramenta de inspeção de URL para permitir a verificação do status de indexação de vídeo de páginas específicas. Dessa forma, ao inspecionar uma página que contém vídeo, o relatório retorna:

  • detalhes sobre a URL do vídeo e da URL da miniatura;
  • status da página, mostrando se o vídeo foi indexado ou não;
  • lista de problemas que impedem a indexação do vídeo.

É importante ressaltar que essas informações não se aplicam à inspeção ao vivo. Sendo assim, ela não mostra o status de indexação do vídeo, apenas indica se um vídeo foi detectado na página que está sendo inspecionada.

Faça parte da nossa Lista VIP e receba toda semana as principais novidades sobre Marketing Digital. Participe também do grupo da Agência Mestre no Telegram e receba novidades na palma da sua mão!

Aprenda mais sobre Marketing Digital

LEIA MAIS

Táticas Avançadas de SEO e Links Patrocinados com o SEM Rush

Depois de anunciar a abertura do SEM Rush no Brasil, confira neste artigo alguns táticas avançadas do uso do SEM Rush para apoiar a sua estratégia de SEO e Links Patrocinados.

Google Trends: Descubra Tendências de Busca

Saiba o que é e como utilizar o Google Trends, uma ferramenta que irá ajudar você a descobrir novas palavras-chave a serem exploradas. Confira!

Melhores Ferramentas de SEO Para Otimizar o Desempenho do Seu Site

Confira aqui uma lista completa com mais de 50 ferramentas de SEO que irão ajudar você a conquistar as melhores posições nos mecanismos de busca!

Já pensou em fazer parte do nosso time de mestres?