Olá leitores do Agência Mestre. Hoje falarei um pouco sobre os tipos de penalidades aplicadas pelo Google em sites que não seguem suas recomendações, tentando esclarecer quais os tipos de punições e como fazer para evitá-las. Felizmente eu nunca tive esse problema com nenhum dos meus sites, então, esse artigo será baseado na experiência de webmasters que já sofreram com algum tipo de penalidade do Google.

Seu site tem menos de 6 meses?

Se o seu site tem menos de 6 meses e você sumiu repentinamente das buscas, é bem provável que não tenha havido uma punição exatamente. Levando em conta que os domínios registrados para fazer spam são na maioria das vezes comprados por um ano e depois descartados, o Google olha com desconfiança para todos os sites recém criados, visando evitar que esses sites spam fiquem longe de suas buscas. O filtro do Google responsável por isso chama-se Sandbox.

Mas você deve estar se perguntando, se o registro do domínio é um ano, por que só se aplica a sites com menos de 6 meses? Isso é muito discutido pelos webmasters, e a maioria das opiniões divergem quando o assunto é esse, alguns afirmam que 6 meses, outros um ano e alguns dizem que leva até mais de um ano para sair do Sandbox.

Na minha opinião, 6 meses são suficientes para você provar pro Google que seu site não é spam e começar a rankear (espero que ele não seja spam). Porém, rankear na maioria das vezes, não quer dizer que você pode concorrer de igual pra igual com sites que já estão há muito tempo no mercado para keywords competitivas. Mas isso é uma outra discussão, que diz respeito a idade do domínio, e não está diretamente ligada ao efeito Sandbox.

Seu site não é spam e você caiu no Sandbox? Existem várias coisas a fazer para ganhar ou recuperar a confiança do Google. O fator mais importante nesse caso, é conseguir links de sites de confiança. Para fazer isso, leia mais sobre link bait e link building, temos vários artigos detalhando como conseguir links utilizando técnicas permitidas pelos Search Engines. Outros fatores que ajudam a ganhar a confiança do Google são produzir conteúdo de qualidade, fazer os redirecionamentos adequados para que não caia em um 404 ou página não encontrada, não se envolver em nenhum esquema de troca de links, compra de links, link farm, cloaking… Ou seja, fazer um site de qualidade sem se envolver em nenhuma técnica black hat.

Outras informações sobre como evitar o Google Sandbox você encontra nesse artigo, onde eu entro em detalhes de como evitar e como sair do Sandbox.

Agora vamos falar sobre as punições do Google mais discutidas pelos webmasters.

Quantos tipos de punições existem?

Um membro do Forum WebProWorld disse que existem 3 tipos de punições. São elas:

  • Penalidade -30
  • Penalidade -950
  • Exclusão

Há rumores de que a penalidade de -30 afeta todo o domínio, enquanto a de -950 serve para páginas individuais. Nesses tipos de punições, a busca pelo nome do domínio aparece normalmente, mas os resultados caem no mínimo umas 3 páginas. Alguns acham que não existe o -950, mas sim uma punição onde o site aparece sempre no final dos resultados.

Essas punições na maioria dos casos, são resultados de técnicas de otimização não permitidas (ou black hat). E as mais comuns nesse caso são

keyword stuffing: excesso de repetições ou variações semânticas da keyword principal ou quaisquer outras keywords e
Link Building: técnicas para obter links. Esse tipo de punição por link building não permitido é comumente chamada de BLOOP (Backlink Over Optimization).

Com certeza existem outros tipos de punições, como por exemplos essa Google Ranking #6 Penalty / Filter, que foi detalhada pelo Aaaron Wall do SEO Book .

Em que ele se baseia para fazer essa análise?

Se você tem um site que obtém em média 20 backlinks diários e certo dia consegue 2000 links, pode parecer bastante suspeito. Quando muitos links aparecem em um curto período de tempo, o Search Engine faz uma análise e pode aplicar a punição. Nesse caso o motivo pode ter sido algum script ou um software para link building (ambos proibidos).

Nesse post, Rand Fish do SEOmoz, nos mostra um bom exemplo de uma técnica não permitida de linkagem do ramo de Real Estate (um dos mais concorridos). Para subir nas buscas, cada site faz uma página de links e aponta para diversos outros, com o intuito de subir nas buscas através de links desses sites relacionados. Isso acarretou uma punição e um prejuízo enorme obviamente, para vários sites envolvidos.

Exclusão

Esse tipo de punição resulta na exclusão total de um site dos índices do Google. Esse tipo de punição geralmente se aplica a violações mais sérias das Guidelines do Google, como o uso de cloaking (técnica de mostrar para o usuário um conteúdo diferente daquele mostrado para o search engine) ou doorway pages que são basicamente páginas criadas com o intuito de enganar o search engine aparecendo para determinadas buscas e enviando os usuários para páginas diferentes daquelas que foram buscadas.

Como evitar as penalidades do Google?

Há muitas soluções discutidas por webmasters na internet. Darei aqui algumas dicas mais comuns:

  • Não usar as keywords excessivamente na página
  • Não linkar, nem se envolver com qualquer site que faça manipulação de links.
  • Faça uma campanha consistente de link building, tentando variar os textos âncora dos links
  • Não utilize cloaking nem faça doorway pages
  • Faça seu site pensando no usuário, e não só no search engine

Você conhece alguma outra punição? Já passou por alguma dessas? Não deixe de comentar!