Link Building: Aumente o PageRank com Linkagem Interna

Como disse no meu post sobre como aumentar as visitas de um site, uma das técnicas de seo importantes é o link building. Já sabemos também que cada link é considerado um voto para o site, segundo o Matt Cutts disse em sua entrevista com Stephan Spencer, e que são esses links que constituem o PageRank do site. Sabemos também como funciona o PageRank, conforme meu post de 2 semanas atrás e, ainda, que o PageRank influencia o posicionamento de um site nas SERPs.

E como aumentar o PageRank de um site? Um meio muito comum e que por vezes passa desapercebido por webmasters é a Linkagem Interna.

A maior preocupação fica por conta de conseguir link externos, visto que links externos são votos de outras pessoas para você, e não você mesmo se indicando, mas se você mesmo não se indicar, quem irá? Ainda, você proporciona ao usuário uma experiencia mais completa dentro do site.

O desenvolvimento de Links Internos, técnica de Link Building, envolve diversos aspectos da própria estrutura do site. Primeiro de tudo é necessário que se conheça o site, tão bem quanto a palma da mão.

Depois, fazendo uma checagem como a sugerida pelo Fábio Ricotta em seu post sobre otimização de conteúdo, e até­ conseguindo ótimos links dentro do seu próprio site.

Ao longo desse processo, você acaba descobrindo, e se necessário, re-estruturando a arquitetura de links do site, surgem novos links, conforme as páginas são re-escritas, e, de acordo com a qualidade da página que está linkando, é possível conseguir aumentar o PageRank da página que está recebendo o link.

Para sites muito grandes, demanda bastante tempo, mas com certeza vale a pena e é de resultado certo, pois existem muito mais páginas de onde conseguir links.

No fim das contas, você vai conseguir aumentar o PageRank do site, conhecer sua estrutura de páginas e de links, e re-descobrir o conteúdo que há no site e que pode, e deve, ser utilizado a favor do site.

Por hoje é só. Se algum termo usado no post não ficou claro, leia o nosso glossário de seo e sem. E para aprender mais sobre links, descubra os tipos de links que existem. Agora você já sabe como aumentar o PageRank do site. Mãos à obra.

Abraços!

Divulgue este artigo

56 Comentários para “Link Building: Aumente o PageRank com Linkagem Interna”

  1. Daniel P Correa

    Ola Frank
    estava usando um plugin semelhante ao que é usado aqui no mestreseo para similar posts no final do texto. Cada post ganhou 5 links no seu final. Cada link estava là representado pelo seu titulo.

    O problema é que cada post teve seu titulo espalhado para muitos outros posts, gerando conteudo duplicado.

    Minha pergunta é: como utilizar corretamente um link interno, utilizando o titulo do link?
    Tem alguma forma de evitar o conteudo duplicado neste caso?

    obrigado
    Daniel

    Responder
  2. Cristiano

    Frank,

    Obrigado pelas dicas. Como estou começando os meus blogs (Museu da Propaganda – http://museudapropaganda.blogspot.com) e Blog da Aprovação (http://blogdaaprovacao.blogspot.com), vai ser possível já iniciar o conteúdo com a filosofia de promover links internos relevantes. Mesmo assim, em uma revisão rápida do que já postei, já consegui perceber que algumas conexões possíveis tinham passado despercebidas. Uma revisão periódica talvez seja uma estratégia interessante.

    Responder
  3. Frank Marcel

    E aí Cristiano!
    Nao só a revisao de posts mas a revisao periódica do SEO de todo o site deve ser uma regra. Estao sempre surgindo técnicas novas de SEO e, em alguns casos, práticas antigas se tornando spam ou obsoletas. É importante manter o site sempre atualizado do ponto de vista do SEO.

    Responder
  4. Frank Marcel

    Isso João. Linkagem interna é você indicar para o visitante os seus conteúdos relacionados. Não “tudo”, pois você vai acabar fazendo um spam de você mesmo, desde que você tenha muito conteúdo. Mas todo o conteúdo realmente relevante e complementar à página que o visitante se encontra.

    Responder
  5. Diego Soares

    Na minha opinião, o Link Building é uma das alacancas para que está criando campanhas de SEO, mas não pode esquecer do “dofollow”.

    Abraços!

    Responder
  6. Frank Marcel

    @diego: valeu pelo comment!

    @Jefferson: a métrica de links como fator de rankeamento está (faz tempo) sendo usada e abusada, e, por isso, é bem provável que o Google tenha diminuído o peso dessa métrica isoladamente e tenha associado outros fatores.
    A compra de links pode prejudicar no posicionamento de um site quando o visitante não é avisado sobre a compra e o link não tem o nofollow.

    Por exemplo:
    Os avisos “Links Patrocinados”, “Patrocinadores”, “Propagandas”, “Anúncios”, etc., seguido de links com nofollow, não prejudicam o posicionamento do site que comprou o link.
    Mas se for feito de maneira escondida, o Google penaliza o site quando encontra o link comprado.

    A compra de links é considerada black hat SEO e é punida.

    Responder
  7. karra max

    O meu site tem muitos links internos mas para as próprias páiginas do site. Por exemplo, para a página de cadastro é apontado mais de 1.000 links poique tem vários links internos com o menu e no menu o link para o cadastro. No entanto meu Page Rank que já foi 3 não sai mais de 1. Apesas do page rank baixo minhas páginas estão bem indexadas. Gostaria que me falasse mais sobre esses links internos, no caso dos meus eles estão prejudicando o meu PR?

    Responder
    • Frank Marcel

      Bom, o que calcula o PageRank de uma página é a quantidade de links que ela recebe, em especial, links externos, ou seja, de outros domínios.

      O PageRank cair e não voltar pode ser porque você perdeu links que antes tinha, então suas páginas recebem menos valor agora.

      Por outro lado, o que pode ter acontecido é que o Google tenha mudado métricas e limites. Por exemplo, antes 10 links garantiam PR 3; agora, são necessários 1000 links. Se você continua com os mesmos 10 links, então você não tem mais o mínimo para ter PageRank 3, porque o mínimo mudou.

      Entendido?
      Abraços!

      Responder
  8. Roberto

    Fala Frank…
    Veja bem, andei lendo as postagens relacionadas ao tema Links internos e não encontrei bem uma resposta para minha dúvida.

    Por exemplo: estou escrevendo uma postagem e no início e meio do conteúdo faço algumas linkagens internas relacionadas ao conteúdo e principalmente ao termo citado, mas como está no início e/ou no meio do texto, não seria interessante utilizar target _blank para esses links? e apenas usar target _self (sei que se for _self ñ precisa definir) em links relacionados mas que estejam localizados ao final da postagem, já que assim não atrapalha e sim da uma continuação à leitura?

    Pergunto, pois me parece confuso um texto com alguns links internos, onde o usuário teria a necessidade de voltar pelo navegador para continuar lendo o texto anterior, como também me parece um tanto inconveniente ter que ficar abrindo diversas janelas ou abas para ler os textos relacionados… mas ainda assim me soa melhor.

    Não necessariamente que o usuário vá clicar em todos os links internos, mas pode vir a clicar e essas situações ocorrerem.

    Minha questão principal é se essa tática com target _blank para links internos no início e meio de postagens é suicida em relação à otimização ou faz sentido.

    Obrigado desde já

    Roberto

    Responder
    • Frank Marcel

      Olá Roberto!

      O targer do link não faz diferença pra SEO não. É mais uma questão de usabilidade. E nesse ponto, concordo contigo que é melhor utilizar o target _blank e não abusar da quantidade de links, pois o usuário ficaria perdido com tanta informação também. Ou perdido, ou desmotivado, com tanta coisa a conferir.

      Na contra-mão, tem o pessoal que acha interessante abrir os links na mesma janela. Mas eu fico com o target _blank.

      Pessoalmente, eu sempre abro links em novas abas, acaba tendo o efeito de usabilidade que eu prefiro, mas fora os pró-ativos assim, acho interessante utilizar o target _blank. Mas não faz diferença pra SEO.

      Responder
  9. Roberto

    Pode crer, valeu pela resposta Frank, minha dúvida era realmente essa … prejudicar a otimização para os mecanismos. E concordo com você… por isso até citei a minha visão lógica do uso do target _blank em determinados pontos do texto, sendo que se for no final do texto cabe abrir na mesma janela, assim há um certo equilíbrio e sempre cuidado o abuso de links como você mencionou. Obrigado pela ajuda.

    Responder
  10. Regueiro

    ola primeiramente gostaria de parabenizar a equipe pq esse site é maravilhoso, já li vários artigos e obtive alguns conhecimentos que estou tentando por em prática mais minha dúvida é o seguinte usa-se noffolow para não passar o pr da página, então acredito que não deve ter que usar nofollow para linkagem interna se não, não estaria passando pr para sua própria página tem sentido? se falei besteira desculpe pela ignorância

    Responder
    • Frank Marcel

      Olha, o Matt Cutts e o Google ainda recomendam que se use nofollow em alguns links do site, mas de modo geral, não há realmente uma necessidade de que seja usado.

      Se for usar, que seja muito bem planejado e que se saiba exatamente o que se está fazendo.

      Responder
  11. Ramon Miranda

    Olá! Primeiro parabéns pelo artigo.

    Minha dúvida é: realmente não entendi como a linkagem interna faz diferença para o PR. Até onde sabia, o PR tem haver com os links externos que apontam para o seu site. Quer dizer, então, que o google contabiliza os links internos para cálculo do PR?

    Se não for isso, então de que forma esta linkagem interna me ajuda a aparecer em melhores posições nas buscas? (afinal, este é o propósito do SEO,não?)

    Um grande abraço e sucesso!

    Responder
    • Frank Marcel

      Olá Ramon. O Google conta links internos para cálculo de PageRank sim. Todo link é voto.

      Os links externos são mais importantes sim, mas a maneira como você trata os links para suas próprias páginas fazem diferença no PageRank e ajuda a melhorar o ranking de suas páginas.

      Responder
  12. Jefferson

    Olá Frank.
    Entre links internos deve funciona o suco de PR?

    Será que é assim? por exemplo:
    meuwebsite.com.br/……………..PR3
    meuwebsite.com.br/pag1………….PR2
    meuwebsite.com.br/pag1/pag2……..PR1
    meuwebsite.com.br/pag1/pag2/pag3…PR0

    Ou seja, nesta estrutura de links interno a página principal de maior PR passa um valor PAGERANK para a segunda página lingada á principal?
    A segunda para terceira, e assim por diante?

    Se estiver errado por favor, me corrija.

    Grato.

    Jefferson

    Responder
    • Frank Marcel

      Não necessariamente o PR vai decrescer da maneira como você colocou, mas a idéia é que uma página passa PageRank para todos os links que contém.

      Responder
  13. Jefferson

    Mais uma pergunta. Pode uma derminada página ter um valor maior em PR do que á página principal?
    Exemplo:
    meuwebsite.com.br/ (PR2)
    meuwebsite.com.br/pagina1 (PR4)

    Grato,

    Jefferson

    Responder
  14. Erick

    Em relação a links internos, a pratica daquelas Cloud tags (é isso?) que são aqueles links de palavras mais acessados ajuda ou atrapalha?

    Responder
  15. olivas

    Olá, Pagerank é muito importante, parabens pelo post! eu sou o adm 2gdownloads, que está em 2 lugar no (central blogs) categoria downloads. Bom depois que procurei melhorar e entender sobre pagerank, meu blog cresceu muito. Como sou afiliado do buscapé, estou recebendo por mes cerca de 70,00 com cliques, nao é muito mas em se tratando de blog, está muito bom.
    enfim, querem crescer na internet, façam um site com “conteúdo”, que na minha opnião é o mais importante, e nao se esqueçam de colocar um bom corpo de meta tags!!
    um abraço
    oliva adm 2gdownloads

    Responder
  16. Diário de Vagas

    Muito interessante o post, estou buscando formas de melhorar meu pagerank e aqui consegui ótimas dicas para começar este trabalho! Valeu mesmo!

    Responder
  17. Adriano

    Ola amigo, eu gostaria de saber se o linkwithin, aquele gadget que mostra postagens recentes, serve como uma forma de ter links internos??
    vlw parabens pelo site!!!

    Responder
    • Frank Marcel

      Não conheço o linkwithin, mas se ele coloca os links no HTML da página sem necessitar executar um javascript para isso, então sim, ele vai promover links para os posts mais recentes.

      É mais efetivo se você utilizar um link de artigos relacionados, pois aí, nem só os mais recentes receberão links, mas os mais antigos também, além de promover uma linkagem mais diversificada do que ter várias páginas com links somente para os artigos mais recentes.

      Responder
  18. Julio Bitencourt

    Olá Frank! Mesmo sendo um pouco antigo este post me ajudou muito. Mas pintou uma dúvida.

    Eu estou criando um site com textos âncora diferentes em páginas diferentes mas que apontam para a mesma página. Exemplo:

    Digamos que a página para onde o link irá apontar seja: eletronicos.com.br/televisores/tv-led.html

    Na página A tenho um link com o seguinte texto âncora: Televisor LED 32″
    Na página B tenho o mesmo link mas com outro texto âncora: Televisão LED com Conversor Digital 32″

    Isto é benéfico na otimização de keywords para a página em questão?

    Responder
    • Frank Marcel

      Sim, é muito útil. Quando você varia o texto âncora dos backlinks de uma página, ela passa a ser valiosa para mais termos de busca. Isto se enquadra nos requisitos mínimos para se fazer link building.

      Responder
  19. Rodrigo Flausino

    Opa, Frank, tudo bom! Eu tenho uma dúvida relacionada e um pouco complexa (pelo menos pra mim).

    Eu tenho um site com pagerank 3, e um outro com pagerank 1. Se eu migrar o conteúdo para uma página interna do site com pagerank 3 e tendo uma instalação adicional do WordPress (como se fosse um subdomínio, mas numa página interna, tipo site.com.br/site2), o conteúdo vai usufruir desse pagerank, incluindo a indexação? Ou não vai fazer diferença?

    Obrigado!

    Responder
    • Frank Marcel

      Sua dúvida tem realmente detalhes capciosos. Primeiro, toda URL nova/recém-criada, sempre será uma URL com PageRank n/a – e assim vai permanecer até o Google encontrar essa nova URL, fazer suas devidas avaliações e finalmente atribuir um PageRank a ela – não é possível precisar o tempo que isso pode levar.

      Segundo ponto: no processo em que uma URL A passa por um redirecionamento 301 para uma URL B (independente de ser página, subdomínio, domínio, etc.), o esperado é que a URL B passe a ocupar o mesmo ranking da URL A, além de receber um grande percentual da “importância” dessa URL A em um primeiro momento.

      Em um segundo momento, após o Google fazer nova avaliação da URL B, ele pode modificar os rankings que a URL B assumiu da URL A, em virtude de concluir que o conteúdo não é tão bom quanto antes, ou que seja melhor do que antes. Em cada caso, a URL B pode melhorar ou piorar nos rankings.

      Acredito que isso seja tudo sobre a sua dúvida. Esclarecido?

      Responder
  20. Cesar

    Frank, gostei do seu artigo muito bem explicativo, só que analisei o seu site e o seu pagerank é zero, digo isso porque você fala sobre pagerank.

    Responder
  21. Vinicius

    Eu percebi que duas de minhas páginas com mais visualizações não estão mais nos primeiros resultados para uma dada palavra-chave e a única coisa que ela tem em comum é uma quantidade excessiva de internal links… Ambas tinham 4 links internos.

    Isso dá penalidade do google? A gente não recebe nenhum aviso sobre penalidade?

    Responder
  22. Rony

    Oi amigo, uma pergunta:
    Levando em consideração SEO, sobre linkagem interna, você acha melhor eu mesmo fazer os links manualmente nas páginas, ou posso fazer uma função PHP que compara os posts pela tags e posta links relacionados?

    Responder
  23. iran

    eu posso linkar páginas que estejam relacionadas com o conteúdo. se eu repetir palavras-chave para o meu nicho isso vai prejudicar meu site? pois às vezes volto pra primeira página e as vezes fico na 11ª posição ficando na segunda página do Google. O que fazer?

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>