WordPress SEO by Yoast – Um Plugin Completo

Wordpress SEO

Quando se fala em SEO, não podemos deixar de tocar no assunto plugins. Os plugins são extensões filiadas a programas maiores que operam trazendo algumas funcionalidades especiais ou mais específicas a ações realizadas por usuários. E quando o assunto em  questão é o SEO, os plugins mais importantes são os do WordPress e do Firefox. Neste artigo falaremos sobre um plugin específico para WordPress: o WordPress SEO.

O WordPress SEO foi desenvolvido pela Yoast, uma empresa que presta serviços de consultoria em SEO no exterior que é comandada por Joost de Valk, uma das grandes referências na área de SEO internacional que inclusive é o criador e desenvolvedor do plugin em questão.

Podemos comparar o WordPress SEO com o All In One SEO Pack (famoso plugin de SEO para WordPress), porém a grande diferença é que o primeiro possui inúmeras funções a mais do que o segundo, configurando assim como uma ótima escolha do usuário que deseja otimizar fortemente a sua página.

Basicamente, o plugin atua em uma série de recursos de sua página, visando ajudar o usuário a trabalhá-los de maneira mais pratica e rápida. Os recursos são os seguintes:

  • Post titles and meta descriptions;
  • Robots Meta configuration;
  • Canonical;
  • Breadcrumbs;
  • Permalinks;
  • XML Sitemaps;
  • RSS;
  • robots.txt and .htaccess.

Download

O download do WordPress SEO pode ser feita diretamente na página da Yoast:

Nela, além de baixar o plugin você ainda pode conhecer um pouco mais da vida do desenvolvedor Joost de Valk. O plugin também pode ser encontrado na página oficial do WordPress:

Sobre o Plugin

O WordPress SEO é um plugin gratuito e atualmente se encontra na versão 0.2.5.4, e este foi o plugin testado por mim aqui na Agência Mestre.

Baixando o plugin, o modo de instalação é semelhante ao de qualquer outro.

Iniciando o Uso

Após a instalação do plugin em seu WordPress, uma caixa de opções aparecerá no canto inferior esquerdo de sua tela.

Tela inicial do Plugin

Ao clicar na seta a direita, um menu de opções aparecerá e o usuário já poderá ter uma noção da infinidade de opções com as quais ele poderá trabalhar com o plugin.

Mas antes de começar a utilizar o plugin, já tive uma dúvida. Aqui na Agência Mestre eu já utilizava um plugin para definir toda minha configuração de SEO em meu blog, esse plugin era o clássico All in One SEO Pack. E a dúvida era a seguinte: Se eu trocar de plugin, o que acontecerá com todos os meus dados disponibilizados no All in One por todo esse tempo? E não foi fácil obter a resposta desta pergunta.

Acontece que depois de muito pesquisar, descobri um plugin chamado SEO Data Transporter, este plugin irá transferir toda a sua informação relacionada ao plugin antigo para o novo antes que você desative o primeiro. O SEO Data Transporter inclusive é compatível com os seguintes plugins:

  • All in One SEO;
  • Headspace2;
  • Platinum SEO;
  • SEO Ultimate;
  • WordPress SEO.

O download do SEO Data Transporter, assim como mais informações sobre ele podem ser encontrados através do site oficial do WordPress:

Outra opção que pode ser usada neste caso, é em uma categoria do próprio plugin chamada de “Import & Export”, que fica responsável em transferir dados dos plugins antigos para o WordPress SEO. Essa função é compatível com os seguintes plugins:

  • HeadSpace2;
  • All in One SEO;
  • Robots Meta by Yoast;
  • RSS Footer by Yoast;
  • Yoast Breadcrumbs.

Configurações Básicas e Gerais:

Depois de realizados todos os passos básicos, vamos as configurações gerais do plugin.

Inicialmente o plugin trata do uso de  meta keywords em seu blog, o que não se configura em uma opção a ser utilizada, pois o Google não atribui mais nenhuma importância a elas. Em seguida uma opção interessante, o plugin permite um preview da snippet daquela página quando a mesma for indexada, o que pode ser muito útil principalmente para os artigos de seu blog. Para finalizar esta lista, o plugin te dá a opção de esconder algum dado referente ao SEO daquela página no momento em que a mesma esteja no ar, o que acaba não fazendo tanta diferença no final das contas.

página inicial do plugin

As outras opções não destacadas na imagem, apenas configuram a aparição ou não do painel do plugin em páginas do site ao qual o mesmo está sendo usado. Reparem que ele cita a aparição em posts, páginas, categorias e afins.

Outras opções muito interessantes e que finalizam esta seção, são as possibilidades da inserção dos códigos do Webmaster Tools diretamente no plugin, sem que  haja a necessidade de haver alguma modificação no template de seu site. Geralmente, a inserção destes códigos necessita de uma no cabeçalho do HTML de seu site, e com o WordPress SEO isso já não será mais necessário. O usuário simplesmente irá inserir o código de verificação no espaço requerido, só se diferenciando entre Google, Bing e Yahoo.

Já a última função trata da geração de sitemap XML. A partir do momento em que ela é marcada o próprio plugin gera o sitemap XML do site automaticamente, popupando trabalho ao usuário.

Controlando Webmaster Tools e Sitemaps no plugin

Titles

Como o próprio nome já indica, nesta seção o usuário pode trabalhar com os títulos referentes ao site e suas páginas.

Primeiramente, é essencial que seja verificada a presença de uma função para que o plugin consiga realizar as modificações indicadas pelo usuário, essa função é a seguinte:

<title><?php wp_title(”); ?></title>

Um ponto importante do plugin é que ele possui uma opção chamada “Force rewrite titles” para o caso de você não querer alterar o HTML do seu tema, ou seja, basta marcar este checkbox para que o próprio plugin force a reescrita dos títulos.

Após esta verificação, o usuário pode seguir normalmente com a utilização.

A partir daí é só seguir as indicações do plugin e definir títulos para suas páginas, artigos e anexos. Lembrando que o plugin te dá a opção de setar esses títulos manualmente ou automaticamente. Para isso você deve preencher os espaços das janelas em branco ou inserir algumas variáveis que farão todo processo automático sem maiores complicações.

definindo as titles no pluginRepare que você pode inserir palavras a seu gosto nas janelas acima ou simplesmente inserir algum dos códigos abaixo e automatizar todo o processo, como já foi citado acima:

%%date%%

Data do Post ou da Página

%%title%%

Título da Página ou do Post

%%sitename%%

Nome do site

%%sitedesc%%

Descrição do site que está contida em configurações

%%excerpt%%

Resumo da página ou do post

%%excerpt_only%%

Resumo da página ou do post sem a geração automática

%%tag%%

Tags do post separadas por vírgula

%%category%%

Exibe as categorias do post separadas por vírgula

%%category_description%%

Descrição da categoria

%%tag_description%%

Descrição da tag

%%modified%%

Data de modificação do Post ou Página

%%id%%

ID da Página ou do Post

%%name%%

Nickname do Autor

%%userid%%

ID do autor

%%searchphrase%%

Palavra-chave da procura

%%currenttime%%

Tempo atual

%%currentdate%%

Exibe a data atual

%%currentmonth%%

Mês

%%currentyear%%

Ano

%%page%%

Número da página da categoria ou tag

%%pagetotal%%

Total de páginas

%%pagenumber%%

Número atual da página

No fim se a escolha do usuário for automatizar o processo a estrutura será basicamente esta:

titles automaticos wordpress seo

Dessa maneira o trabalho todo será feito pelo plugin e o usuário não terá maiores preocupações, porém, é importante que o usuário veja o que está sendo gerado para que não ocorra nenhum problema.

Indexação

Essa próxima seção irá tratar especificamente de indexação das páginas as quais o plugin está aplicado. É uma seção que deve ser tratada com muito cuidado, pois ela é quem vai definir o que aparecerá e o que não aparecerá no Google (falando em termos leigos…).

A primeira opção deve ser descartada pelo usuário pois ela irá esconder os detalhes sobre as configurações de  indexação do plugin, então ela não deve ser marcada.

ocultando as configurações de indexação

Uma outra opção seria uma integração com o  Facebook  através do AddGraph, que consiste no agrupamento de diversos sites pequenos da internet junto à plataforma do site social, por meio do feed de notícias. Essa configuração ainda está em testes, mas pode ser uma opção interessante para o usuário.

integrando plugin com facebook

Agora, vamos as opções gerais. Nesta seção, o Indexation Rules, são configuradas quais seções do site o usuário pretende permitir ou não a indexação pelos motores de busca. Nela são permitidos o controle de indexação de páginas de pesquisa, páginas de registro, páginas de login e inclusive páginas de categoria. Logo, deve ser uma seção utilizada com muito cuidado.

define regras de indexação

A próxima seção irá tratar de configurações de links nofollow. Aqui o usuário irá definir a atribuição de links nofollow em torno de suas páginas. Essas opções envolvem links de comentários, de login e de registro. Conforme as mais recentes informações do Google, optamos por inserir nofollow apenas nos links de comentários, sendo que as demais opções do plugin ficam desmarcadas.

links nofollow no plugin

Ainda nesta seção o usuário pode configurar algumas opções definidas sobre configurações de posts e páginas do autor. Porém, as mesmas não são tão importantes.

A definição do sistema de robots também poderá ser feita nesta seção. As configurações são muito simples:

  • Add noodp meta robots tag sitewide: Define se o Google usará a descrição do Dmoz em seu site;
  • Add noydir meta robots tag sitewide: Define se o Google usará a descrição do Diretório do Yahoo! em seu site;
  • Add nosnippet meta robots tag sitewide: Define o uso de Meta-Description no site;
  • Add noarchive meta robots tag sitewide: Define se a página será cacheada ou não. Recomenda-se nunca marcar esta opção.

definições-robots-no-plugin

E para finalizar a seção de indexação, temos também algumas opções relacionadas aos cabeçalhos. A “Clean up <head> Section” trabalha com a configuração de informações inseridas nos cabeçalhos dos sites.

Permalinks

Esta seção permite trabalhar com os links já definidos pelo usuário. Um fato importante é que o plugin não transforma as urls em amigáveis, ele já trabalha com elas nesse estado. Então o usuário deve definir isso antes no WordPress, para utilizar esta seção.

Nesta seção podem ser feitas algumas ações referentes a urls amigáveis, que são:

  • Retirada da “/category” de sua url;
  • Inserção de “/” no fim da url;
  • Redirecionar anexos dos posts para a página original dos mesmos posts;
  • Retirar pâramentros desnecessários de sua url.

trabalhando-urls

Nesta seção poderá ser definida também a versão entre HTTP e HTTPS através da Canonical Settings.

Links Internos

Aqui as opções tratam exclusivamente da configuração dos Breadcrumbs do site. Toda a configuração dos Breadcrumbs, assim como seu funcionamento, tipos de separadores que serão usados, tipos de links e textos âncoras envolvidos. Lembrando que os breadcrumbs são fatores importantes nas linkagens internas de um site.

configuração de breadcrumbs

RSS

Em definições de RSS, o plugin também não deixa o usuário na mão. Ele acopla o antigo plugin RSS Footer, que provê aos usuários definições simples e que prezam pela inserção de novos conteúdos no feed e como ele será apresentado ao usuário.

Editando Arquivos

Esta seção permite modificações diretamente no htacess do blog. Ela permite qualquer tipo de modificação e deve ser apenas usados por usuários experientes. Então é uma opção que deve ser desconsiderada caso você não tenha experiência com este tipo de arquivo de configuração.

Usando o Plugin

Depois de configurado totalmente, chegou a hora de conhecermos como o plugin será utilizado em uma página de blog.

A interface do plugin começa disponibilizando uma prévia de como ficará a Snippet daquela página no Google.

prévia da página no Google

Depois da prévia o usuário tem o espaço para inserir as keywords, o title e a meta description relacionadas ao conteúdo inserido na página. Um ponto interessante é que abaixo dessas janelas a um botão que pode gerar esses dados automaticamente sem trabalho nenhum ao usuário.

definindo dados do post

A parte avançada já fica por conta das configurações de Robots, Canonical e Redirecionamento 301 da página. Pontos como a indexação pelos buscadores, escolha de links follow e nofollow na página em questão, cuidado com o conteúdo duplicado através da canonical e o redirecionamento em caso de mudança de domínio e url.

definindo dados do conteudo

Problemas

O WordPress SEO by Yoast não apresenta muitos problemas de compatibilidade. Em todos os blogs que foi testado, tudo ocorreu muito bem, sem nenhum tipo de conflito interno com algum outro plugin.

Mesmo assim recomendo que a partir do momento em que o usuário adotar o seu uso, ele abandone os plugins semelhantes, tais como o All in One e o Platinum SEO, pois o uso de todos ao mesmo tempo pode embaralhar um pouco as informações e causar problemas no site.

É um plugin extremamente completo e útil, mas não traz nenhuma inovação se for relacionado aos plugins que atuam na mesma área. Ele facilita o trabalho por já possuir tudo e não necessitar da instalação de vários plugins diferentes para cumprir algumas funções.

Seu uso deve ser feito com extremo cuidado e atenção, pois ele é um plugin que altera algumas funções importantes em sua página que podem definir indexação e rankeamento no Google.

No fim, como sempre digo, cabe ao usuário definir suas prioridades e analisar se a instalação se faz mesmo necessária.

De qualquer modo estou a disposição de todos que tiverem dúvidas ou algo a complementar sobre este plugin. Não deixe de comentar este post, e também de me acompanhar pelo twitter (@bruno_miranda).

Até o próximo post!

Otimização Além do Plugin

O plugin é realmente uma ótima adição para todo o processo de otimização do seu WordPress, mas não é a única ação que você pode tomar. Para turbinar um pouco mais, inscreva-se em nosso curso online de SEO para WordPress para aprender sobre mais plugins e formas de aumentar as visitas do seu blog com SEO.

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

80 Comentários para “WordPress SEO by Yoast – Um Plugin Completo”

  1. Glayton caixeta

    Muito bacana o artigo. Me pareceu um excelente plugin.
    Hoje mesmo vou instalar nos blog e realizar alguns testes.

    Responder
    • Bruno Miranda

      Obrigado Glayton.Faça um ótimi proveito desta excelente ferramenta.

      Responder
    • Bruno Miranda

      Fala Alan!

      Vai depender muito do que você necessita para seu site. Logicamente, o WordPress SEO têm muitas funções a mais e pode facilitar e muito a sua vida. Se você considera que o All In One supre todas as suas necessidades, não desista dele.Porém, se quer trabalhar um pouco mais além do que aquilo que você já possui, faça a experiência. Recomendo que o instale em um outro blog para testes e o use durante o tempo que achar necessário.

      Responder
  2. Domicio Neto

    Olá, Bruno.

    Primeiro parabéns pelo seu artigo, super completo. Mas fiquei com uma dúvida. Atualmente, uso o plugin Platinum SEO no meu blog. Você acha que eu deveria mudar para esse plugin? Se sim, porque?

    Vale lembrar que o plugin Platinum SEO já encontra-se totalmente configurado no meu site e trocar de plugin me daria um certo trabalho. E para lhe ser sinceor, nem sempre estamos dispostos a ter esse trabalho, a não ser que realmente traga algum tipo de benefício.

    Fico no aguardo do seu comentário.

    Grande abraço!

    Responder
    • Bruno Miranda

      Domício,

      Digo as mesmas palavras que usei para o Alan:

      “Vai depender muito do que você necessita para seu site. Logicamente, o WordPress SEO têm muitas funções a mais e pode facilitar e muito a sua vida. Se você considera que o All In One ou o Platinum suprem todas as suas necessidades, não desista deles.Porém, se quer trabalhar um pouco mais além daquilo que você já possui, faça a experiência. Recomendo que o instale em um outro blog para testes e o use durante o tempo que achar necessário.”

      Você terá todo um trabalho adicional para exportar os dados de seus plugins atuais para o Yoast, fora a configuração dele que pode ser um pouquinho mais pesada do que o normal. Mais a questão final é a seguinte, o WordPress SEO é um plugin muito mais detalhado e extenso do que os outros e com ele você agregará bem mais ao seu blog, por mais que a instalação do mesmo demande algum trabalho extra.

      A base é o teste. Faça um teste em algum blog secundário, compare os resultados dele com os do Platinum.Anote as diferenças, os pontos positivos e os pontos negativos. No fim, analise os pontos abordados e veja se realmente vale a pena no seu caso.

      Responder
  3. Paulo Rodrigues

    Este plugin é demais. Uso faz algum tempo, troquei o All in One SEO Pack por este.
    Muito completo, este plugin reduz o que usariamos no menos 3 plugins.

    Valeu Bruno, muito bom post!
    Abraço ;-)

    Responder
  4. Iúri

    Olá Bruno,

    Ótimo post, sem dúvida será uma ótima referência para configurar o Yoast – sempre vi textos no dashboard do WP, mas nunca procurei saber mais.

    Também fiquei curioso em saber se vale a pena substituir o All in One pelo Yoast, pois tenho o primeiro configurado no meu blog.

    Mas, ainda assim, acho que vou configurar o Yoast hoje à noite e desabilitar o All in One, para testes – se bem que esse tem trazido ótimos resultados com o google.

    Grande abraço, e sucesso!

    Responder
    • Bruno Miranda

      Iúri,

      você tocou em um ponto crucial. Testar os plugins é o melhor caminho. Defina bem o que você necessita e o que cada um dos plugins te oferece. E no fim veja se realmente vale a pena fazer a troca.

      Agradeço o comentário!

      Obrigado

      Responder
  5. Fabrício Araújo

    Olá, Bruno.

    Realmente esse plugin é como título diz: Completo!
    Vou passar a utilizá-lo pois irá diminuir o uso de alguns plugins, hoje estou usando XML Sitemap e um plugin para o footer do RSS, com esse plugin já serão 2 a menos.

    Responder
    • Bruno Miranda

      Fabrício,

      A quantidade de funções agregadas ao WordPress SEO, farão você deixar de utilizar alguns plugins. Mais não deixe de analisar se a troca realmente valeu a pena. E a base de tudo isso serão as comparações entre eles.

      Obrigado pelo comentário.

      Responder
  6. Alex

    Realmente muito legal o plugin, só tive um probleminha ao habilitar o gerador de sitemaps. Alguém teve o mesmo problema?
    O erro é este:

    Warning: fopen() [function.fopen]: SAFE MODE Restriction in effect. The script whose uid is 10579 is not allowed to access /home/httpd/vhosts/dominio.com.br/httpdocs/wp-content/uploads/wpseo owned by uid 48 in /home/httpd/vhosts/dominio.com.br/httpdocs/wp-content/plugins/wordpress-seo/sitemaps/xml-sitemap-class.php on line 53

    Responder
  7. Diogo Faquinha

    Bruno Primeiramente parabens pelo post!!!

    1 – Mas acho que você poderia deixar algunas informações mais claras, sobre o que escolher ou não na hora de configurar o wordpress seo.
    2 – Mas quanto a migração consegui fazer sem problemas e agora quero ver se irá haver alguma mudança significativa na otimização de meu site. Espero que meu site melhore seu posicionamento nos mecanismos de busca.
    3 – Quanto a desabilitar outros plugins como o XML Sitemap, será que isso é valido? pois como será a classificação das paginas? quem define os pesos dos posts, pagainas etc?? ou é só deixar o wordpress seo rodar e ele defini isso sozinho?
    bom é isso aeee… Abraços até a proxima!!!

    Responder
    • Bruno Miranda

      1 – Diogo, o que foi colocado nesse post foram os quesitos mais básicos de configuração do plugin, a partir daí cabe a você decidir qual o melhor a se fazer. Infelizmente cada caso é um caso.

      2 – Que bom que a migração deu certo, é um processo um pouco chato de se realizar. Quanto as melhorias de posicionamento, dependerão muito do modo que você utilizar o WordPress SEO.

      3 – Se você já tem um plugin que gerou o sitemap e se ele funciona corretamente, mantenha ele funcionando. A ideia desta opção é agregar a algum site que o mesmo não tenha sido gerado corretamente. Logicamente, o plugin sendo utilizado ele irá gerar e controlar todos os processos que envolvem o sitemap.

      abraços!

      Responder
  8. Leo

    Bruno, parabéns pelo tutorial, mas tenho uma dúvida básica de iniciante e acho que poderia me ajuda.

    Como este plugin atua? por exemplo ele altera as tags php do header.php do meu blog?

    Ou ele faz uma reescrita via htacces?

    Pergunto isto pois como já tenho os títulos e outras funções de SEO no meu header.php do meu blog, gostaria de saber se ele poderia quebrar ou duplicar meu titulos, e no caso de uma desinstalação deste plugin eu ficaria como, voltaria tudo ao normal ou não?

    obrigado.

    Responder
    • Bruno Miranda

      Boa Noite Léo,

      Não é possível afirmar que ele irá quebrar, porém ele trabalha diretamente com o Htacess (inclusive ele tem um editor que permite alterar esses arquivos através dele.).
      É bom tomar cuidado com o que vai ser feito. Inclusive, tente fazer um teste em um outro site menos importante antes.

      Responder
  9. Guilherme Allan

    Ótimo post Bruno, eu usava o All In One SEO e estou migrando para o Yoast, porém surgiu uma dúvida na hora de configurar. Na parte de links permanentes se eu quiser retirar a CATEGORY eu terei que redirecionar (301) todos os posts que já estão indexados para a nova URL sem a palavra CATEGORY ou o plugin faz isso altomaticamente?!

    Abraços.

    Responder
    • Bruno Miranda

      O plugin faz automaticamente. Tome cuidado com o excesso de redirecionamentos 301 em seu site.

      Responder
      • Bruno Miranda

        É sempre bom fazer o redirecionamento “na mão”, para evitar quaisquer problemas, os plugins automáticos não são 100% confiáveis. Ainda mais com uma quantidade muito grande de redirecionamentos.

        Responder
    • Bruno Miranda

      Fala Lucas,

      Que bom que gostou! Estou a disposição para as dúvidas que tiver.

      Responder
  10. Claudio Gomes

    Esse é o tipo de plugin que tenho medo de alterar por outro e possa perde rank ou deixar de indexar minhas paginas junto ao google.

    No futuro com meus novos sites até vou testar porém os que ja tenho fica o medo da troca.

    Responder
    • Bruno Miranda

      Cláudio,

      Já diz a frase “Em time que está ganhando, não se mexe.”. Sua preocupação é considerável, porém, o WordPress SEO vai entrar mais na questão de agregar funcionalidades para facilitar a sua vida e dar uma maior agilidade nos processos. Se você não necessita dessa mudança a melhor coisa a se fazer é realmente manter o que você já tem em funcionamento.

      Responder
  11. Denis Moreia

    Reparei que depois de configurar o plugin, o Adsense para pesquisas que uso no meu site nao funcionaou mais, desativando o plugin a busca volta ao normal. Tem como resolver esse bug?

    Responder
    • Ladjane

      Denis e Bruno, estou passando pelo mesmo problema. O adsense para pesquisas parou de funcionar depois de uns dias que colocamos o Seo. Alguma luz?

      Responder
  12. Cássio Machado

    Olá Bruno , achei este plugin na internet e seu post me ajudou muito a configurá-lo.
    Agora tenho uma dúvida se puder me esclarecer é claro.
    Eu configurei meu plugin, mas ele mudou um pouco na parte de XML sitemaps, ao apresentado neste post.
    Agora esta seção está separada e após configurá-la eu não tenho a opção de enviar. E no meu webmaster tools aparece que não existe nenhum arquivo XML, será que fiz algo errado ? ou existe um delay para isso.

    Responder
  13. Anderson

    Olá acompanho este blog desde o começo obrigado pelo trabalho que todos vocês colocam aqui gratuito e de muto boa qualidade trabalho com wordpress a muitos anos e não troco por nenhum outro!

    Responder
  14. Aline

    Bom tenho uma dúvida e se puderem gostaria que me ajudasse a solucionar.
    Tenho o seguinte template no meu WordPress: http://bizzartic.com/2009/03/29/isotherm-news-magazine-wordpress-theme/
    E ele oferece recursos para SEO. Porém tenho a versão free! Pretendo fazer o upgrade mas não agora, quero pagar o investimento com recursos do site.

    Instalei o WordPress SEO by Yoast configurei tudo direitinho… Mas há possibilidade de o plugin não ter o mesmo desempenho por conta do SEO do tema?? Ou dar algum erro… Enfim! SEO Yoast não funcionar?

    Acho que pode dar um excelente tema pra post esse assunto!

    Por Favor me ajudem!!!

    Abraços

    Responder
  15. Bruna Palis

    Ola pessoal. Adorei o conteúdo do site, muitas informações valiosas.

    Agora preciso de uma ajudinha que nao é com SEO.
    Meu logo do site está totalmente desregulado, não sei se é por causa do IE ou do pc do trabalho.
    Quando acesso em casa com Chrome ou Firefox ele está normal. Quando acesso no trabalho ele está gigante e desconfigurando toda a pagina do blog.

    Bom espero que voces possam me ajudar.

    firstlovestore.com.br/blog

    Obrigada

    Responder
  16. @sara_batista

    Olá,

    Gostei muito do post. E nesta ultima semana tive problemablog qdo tentei instalar um plugin de SEO e agora estou tentando entender um pouco mais do assunto e tenho uma dúvida (que deve ser um nivel bem iniciante…) As tags que adicionamos na hora de incluir um post no wordpress influenciam de alguma maneira nas buscas do Google? (devem ser consideradas como fator importante para ser encontrado por mecanismos de busca externos ou apenas para organização interna do site?)

    Att,

    Sara

    Responder
  17. claudio

    Boa tarde meu plugin seo ultimete esta dando esse erro o que posso fazer para solucionar.

    Fatal error: Allowed memory size of 33554432 bytes exhausted (tried to allocate 122880 bytes) in /home/imperioo/public_html/comodinheiroganhar.com/wp-admin/includes/image.php on line 281

    Responder
  18. hoberdan

    Boa tarde pessoal, antes de mais nada gostaria de agradecer ao Bruno por estar compartilhando conosco seu conhecimento e estou com um grande problema. Eu usava o plugin All in one e como não estava tendo uma boa colocação nas buscas resolvi remove-lo e instalar o wordpress seo mas somente a página inicial fica visível, não consigo acessar nem posts e nem categorias, e se eu desabilitar o plugin o site fica normal com tudo funcionando, alguém já passou por isso e já conseguiu resolver?

    Responder
    • Claudia

      Olá Roberdan, tb estou passando pelo mesmo problema e não consigo encontrar o erro. Acaso já tenha resolvido, nos diga como ?

      Obrigada !

      Responder
  19. Cristiane

    Desde que eu passei a usar esse plug-in, meu blog não aparece mais no Google Alerts, apesar de aparecer nas pesquisas do Google. Sabe explicar porque?

    Responder
  20. Filipe

    Bruno,

    O Sitemap do WordPress SEO é igual, superior, ou, inferior ao Google XML Sitemap?

    Responder
  21. Roberto

    Boa tarde Bruno,

    Parabéns pelo Post.

    Tenho uma dúvida, instalei o WordPress SEO by Yoast, após a instalação quando coloco o Link de um artigo no Facebook o mesmo não carrega mais a imagem do post.

    Fica somente o link, você sabe informar que parâmetro eu devo configurar para que as imagens sejam carregadas novamente?

    Abraço,

    Roberto

    Responder
  22. Daniel Neves

    Bruno, muito bom seu post.

    1) Quais 5 itens você considera essencial ser clicado? Como iniciante, estou um pouco desorientado. Instalei ele já a algum tempo, mas deixei na versão default.

    2) Uma outra dúvida ´eno Permalink Settings. Se eu Clicar no “Strip the category base (usually /category/) from the category URL.” com um site já há 6 meses trabalhando eu perco a indexação do Google já existente? Mesmo que eu perca por um momento, é melhor ou dá na mesma mante-lo clicado?

    abs e super obrigado!

    Daniel

    Responder
  23. Renato

    Só ficou uma dúvida! Depois de usar o SEO Data Transporter para passar o dados para o novo plugin, eu posso desinstala-lo sem nenhum prejuízo?

    Responder
  24. Diogo Faquinha

    O tutorial está muito bacana, porém, eu acho que ele já esta um tanto quanto desatualizado, tendo em vista quer o plugin mudou muito desde a publicação deste tutorial. Você poderia fazer um novo tutorial. Abraços!

    Responder
  25. Alan Jhonson

    Gente, nunca usei esse plugin, porém, vejo que há muitas funcionalidades, o Bruno teve muito trabalho para fazer esse post, parabéns por ele. Respondendo algumas questões de cima.
    Redirecionamentos 301 ou redirecionamento permanente. Muitas pessoas usam e esquecem de excluir a página antiga, ou o link no sitemap, sem falar que alguns links podem ser perdidos no final do redirecionamento quando for muitos links e assim atrapalhando o processo de indexação do novo link.

    Pelo que li no tutorial, o plugin configura as palavras-chave e titulos, se for configurado para fazer isso.

    Site não aparece mais.
    É capaz do plugin estar com incompatibilidade com outro. Ou você, caso tenha conhecimento em PHP, ir na linha que o erro trás e modificá-lo.

    Como próprio Bruno exalta várias vezes, se estiver se dando bem com outro plugin não mude, apenas realize teste com esse para ver se você gosta para assim migrar, caso preferir.

    Em relação ao sitemap, acredito que ambos os plugins serão similares, eu vi um comentário dizendo que o webmaster não estava enxergando o seu sitemap, que tal fazer a moda antiga? Faça um em http://www.xml-sitemaps4u.com/ ou http://www.xml-sitemaps.com/ e o insira manualmente no root do seu site, independente da plataforma. Vale lembrar que é sempre bom olhar o arquivo primeiro para ele não indexar coisas administrativas por exemplo e mudar a prioridade conforme você desejar.

    Daniel, não entendi bem a sua pergunta, porém, se for como estou imaginando sua página irá conter um redirecionamento 301, e não, sua página não irá deixar de ser indexada ou perderá o Rank que tivera anteriomente conforme eu comentei nesse post.

    Cristiane, é muito estranho estar acontecendo isso, vez que o bot do Alerts é o mesmo para o do Search. Vale a pena ir no webmaster tools verificar se as URLs do seu site estão sendo indexadas corretamente e periodicamente.

    Irei testar o plugin, depois posto mais comentários sobre ele. Espero que tenha ajudado alguém ^_^

    Responder
  26. Ricardo Mendes

    Olá,

    Como eu faço no SEO Yoast para redirecionar um post abrindo o link em uma nova janela? Eu estou conseguindo fazer o redirecionamento, mas abre na mesma janela, o que para mim não é interessante. Obrigado.

    Responder
  27. Elismar

    olá amigo, em primeiro lugar meus parabéns pelas orientações em geral. tive um problema não sei se foi devido a instalação deste plugin
    agora sempre que vou inserir alguma coisa no blog, aparece esta mensagem
    Redirecionamentos em excesso
    o plugin semelhante a este que tenho é: SEO Smart Links
    antes e depois de sua desativação o erro continua, poderia me ajudar? desde já agradeço e fica com Deus.

    Responder
  28. Elismar

    há outro erro configurei em discussão os comentários salvei porém não aparece no blog, saberia me dizer o que seria? mais uma vez obrigado.

    Responder
  29. Alexandre Gamas

    Olá colega! Gostaria de fazer a seguinte pergunta:

    Trabalho com alguns blogs e ultimamente começamos a usar, além do WordPress SEO da Yoast, o plugin chamado Platinum SEO.

    Gostaria de saber se há alguma restrição em usar os dois plugins ao mesmo tempo? Ou seja, habilitar e configurar o da Yoast e do Platinum SEO. Existe algum erro nesta questão ou o correto é usar apenas um plugin de SEO?

    Desde já, muito obrigado pela colaboração.

    Att,
    Alexandre Gamas de Oliveira

    Responder
  30. Juliano

    Este código é adicionado na configuração do plugin ? Ou no codigo da estrutura do template ?

    Responder
  31. Lucas

    Ótimo plugin, reune diversas fuções em um só plugin como sitemap, breadcrumb entre outras funções. o melhor.

    Responder
  32. mari

    Parabéns pelos ótimos conteúdos estou tentando configurar o plugin WP Super Cache e não sei como fazer poderia ensinar a configurar este plugin grata.

    Responder
  33. Francisco

    Explicações excelentes!
    Ainda estou na tentativa de obter bons resultados.
    Palavra chave em foco
    Meta descrição…
    Outra coisa que parece simples, mas me deixou em dúvida: webmasters tools.
    Se o site já é verificado, ignorar o preenchimento dos campos.
    No meu caso, meu site já é verificado. Não preencho os campos ou devo fazer isso assim mesmo?

    Responder
  34. Paulo Pontes

    Por favor, alguém pode me auxiliar?
    Instalei plugin mas está ocorrendo erro:
    Fatal error: Cannot unset string offsets in …public_html/wp-content/plugins/wordpress-seo/admin/class-admin.php on line 377

    Responder
  35. Leandro

    O Theme wordpress que eu utilizo, tem uma função integrada para metas descripitons e titles, será que se eu instalar esse plugin (visando as demais funções) vai dar algun conflito ?

    Nesse caso, será que o seo-data-transporter vai funcionar ?

    Pergunto, isso por que não tenho como desinstalar essa parte do thema, já que não é um plugin.

    Responder
  36. Lucas

    Se definir o titulo e meta descrição no plugin não pode dar conflito com o titulo que colocamos na aba geral do painel do wordpress?

    Responder
  37. José Guimarães

    Eu instalei esse plugin agora e excluí o anterior.

    Vamos analisar o funcionamento dele daqui por diante.

    Muito obrigado pelas dicas de configuração e função do plugin.

    Responder
  38. Danielle

    Estou com o problema com esse plugin, pois antes o Google indexava automaticamente minhas páginas, agora estou enfrentando problemas. Você sabe me dizer o que está acontecendo?

    Responder
  39. Paulo Santos

    Bom dia Fábio. Poderiam me ajudar na configuração doYoast ( na parte de stiemap), çuma vez que trabalho com imóveis, corretor de imóveis

    Devo incluir
    Priorização
    Incluir no sitemap xml

    Desde já agradeço

    Responder
  40. Marco

    Olá! Minha dúvida é como configurar a página inicial do site. Considerando que ela seja meusite.com, não vai ter palavra chave na url, e a análise do plugin ficará como Ruim… se tivesse como por meusite.com/palavra-chave na página inicial, aí ficaria ok a análise. Como otimizar a página inicial nessas condições? Outra dúvida que tenho: mesmo com os campos Geral e Análise da página todos ok (verdes), a análise de uma página específica do meu site mostra o SEO ruim no painel… Que será que acontece?

    Responder
  41. Luis

    Olá Bruno, muito bom o seu post muito bonito mais simplesmente não me disse nada! Aqui você prometeu ensinar como configurar o WordPress Seo e não o fez. Simplesmente ilustrou ainda mais opções que o plugin já possui confundindo ainda mais. Desculpe é a minha opinião.

    Responder
  42. Alana Tamira

    Excelentes dicas. Baixei esse pluggin no meu site e não sabia como usá-lo, estava me dando um mini pânico de vê-lo e não saber o que fazer… rs!!
    Super obrigada pelo help, muito legal ter artigos destinados a salvar “marinheiros de primeira viagem” como eu!!!
    Vou seguir e acompanhar o site.
    Abraços.

    Responder
  43. Mel Matheos

    Estou criando um blog de moda, fitness e sou extremamente leiga nesse quesito de web e essas funções de sistemas, etc. Mas queria parabenizar vocês pelo conteúdo do blog, pois passei a acompanhá-lo e tem me ajudado muito.
    Sucesso!! Beijos.

    Responder
  44. Alter

    Olá, Bruno!
    Não entendo por que o Yoast fornece-me as informações erradas.
    Por exemplo, depois de fazer meu post ele fornece este resultado:
    Uso da palavra-chave em foco
    Sua palavra chave foi encontrada em:
    Cabeçalho do Artigo:No
    Título da página: No
    Da página URL: No
    Conteúdo:No
    Meta descrição:No

    Sendo que, na verdade, as palavras -chave estão inseridas corretamente em todos estes campos.
    Também a Prévia do Snippet mostra como o post vai aparecer nos buscadores corretamente, só que lá no Google não aparece o título do post , aparece apenas o nome do site na URL sem o título do post e sem a meta descrição. E direciona para a minha Home. Na sua experiência, responda-me: Por que isto acontece? E Pode atrapalhar no rankeamento nos buscadores?

    Responder
  45. VIAJANDO NO BLOG

    Boa noite,
    Por qual razão meu YOAST SEO se desativa dentro do painel do WordPress sem que eu faça nada para isso? Como reverter? Mesmo com o plugin ativado, a função não está ativa! Obrigada.

    Responder
  46. claudiolima2009

    O que me deixa mais frustrado é quando apresentam um plugin desse parâmetro, não mostram exemplos porque já há no youtube, se quiser que eu procure. Vi aqui que muitas das dúvidas pra quem não conhece nada de SEO, fica sem resposta. E ninguém faz nada pra ajudar. e quando ajuda é da forma mais difícil possível, complicando cada vez mais. Vocês aí perguntam: Cara, qual é a tua dúvida?? Eu na minha humildade, respondo: TODAS!!! Obrigado por nada.

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>