Marketing Digital

Vídeos Shorts: O Novo Foco do YouTube

Por Raquel Pereira

Veja quais são as novidades que o YouTube está lançando no formato Shorts e prepare sua estratégia de conteúdo!

Raquel Pereira

Desde janeiro, o YouTube vem anunciado diversas novidades e atualizações para o seu novo formato de vídeos curtos – o Shorts.

Este ano, o YouTube deve investir na popularização do formato, por isso, veremos muitas novidades nesse setor. Confira as atualizações anunciadas pelo maior buscador de vídeos do mundo:

Transforme Trechos dos seus Vídeos em Shorts no YouTube

Esta semana (11 de janeiro), o YouTube anunciou uma nova opção de edição de vídeos curtos, que permite aos criadores a “reformulação” de seus vídeos longos em Shorts. 

Essa novidade abre novas oportunidades de criação para os canais, principalmente, pela facilidade de aproveitar a popularidade do formato Shorts, sem a necessidade de uma equipe de criação para realizar cortes e edição de trechos. 

Conforme explicado, a nova interface de “Edição de Shorts” no YouTube – acessível por meio da opção “Remix” dos vídeos, agora fornece uma variedade de ferramentas que permitem o ajuste de trechos dos vídeos longos para o formato Shorts.

Com a ferramenta, é possível selecionar o trecho do conteúdo que será redimensionado para Shorts, dar Zoom no conteúdo do vídeo e até dividir a tela para incluir a visualização de mais elementos do conteúdo longo.

Além de tornar a criação de vídeos curtos mais prática e envolvente, a ferramenta impulsiona o formato e permite que mais criadores possam aderir ao formato, sem edições “detalhadas” dos seus vídeos.

A funcionalidade já está disponível para todos os usuários, mas apenas em dispositivos mobile.

Como Transformar Vídeos do YouTube em Shorts?

Com a nova ferramenta, todos os criadores podem redimensionar seus vídeos longos para o formato Shorts. Para isso, basta seguir o seguinte passo a passo:

Como Transformar os Vídeos do YouTube em Shorts

  1. Selecione o vídeo que deseja transformar em Shorts e clique em “Remix”;
  2. Selecione a opção “Editar e Criar um Shorts”;
  3. Selecione o trecho, podendo ser de 15 ou 60 segundos;
  4. Defina um layout e ajuste o conteúdo ao formato de tela;
  5. Clique em “Continuar” e defina o Título, Thumb e Descrição.

O Shorts já representa mais de 50 bilhões de visualizações diárias no YouTube, principalmente por conta da popularidade dos vídeos curtos. Por isso, cada vez mais a plataforma investe em diferentes funcionalidades e ferramentas para que os profissionais e criadores de conteúdo possam expandir suas criações.

Atualmente, o YouTube também está investindo em opções de anúncios para o Shorts. Com o crescente envolvimento dos usuários com o formato, o feed de vídeos curtos representa uma excelente oportunidade de receita para a plataforma e, portanto, o incentivo à produção de vídeos curtos tende a aumentar.

Novos Recursos do YouTube Shorts Semelhantes ao TikTok

Com o aumento no consumo de vídeos Shorts no YouTube, a plataforma continua os investimentos em novas funcionalidades para atrair ainda mais criadores e – consequentemente – mais espectadores.

Em 1° de agosto, o buscador de vídeos anunciou novas ferramentas e recursos semelhantes aos encontrados nas “redes vizinhas”, como o Reels do Instagram e o TikTok. Confira as novidades:

Lives na vertical no YouTube Shorts

Agora, o YouTube está introduzindo a transmissão ao vivo em formato vertical, que se assemelham à aparência e a sensação do conteúdo ao vivo do TikTok.

Essas transmissões ao vivo serão exibidas no feed do Shorts e, segundo o YouTube, podem levar o usuário para um “feed de transmissões ao vivo”:

“Os espectadores no teste [dessa nova funcionalidade] verão visualizações de vídeos verticais ao vivo misturados no feed do Shorts. À medida que alguém aproveita a experiência, eles serão colocados em um feed rolável de outros vídeos ao vivo.”

Collab no YouTube Shorts

O novo recurso anunciado pelo YouTube é chamado “Collab”, e permitirá que o usuário grave um Short em um formato “lado a lado” com outros vídeos do YouTube ou Shorts.

Diferentemente da “Collab” no Instagram, na qual um usuário pode adicionar um ou mais “colaboradores” na sua publicação para que a mesma seja exibida em ambos os perfis, este formato do Shorts é mais parecido com as funcionalidades “Duet” do TikTok e “Remix” do Instagram, que se tornaram populares para os criadores responderem às postagens de outros usuários.

Na funcionalidade do Shorts, os usuários têm mais opções de layout, conforme compartilhado pelo YouTube:

“Os criadores podem escolher entre várias opções de layout para participar facilmente com um formato de tela dividida. Basta clicar em ‘Remix’ e depois em ‘Collab’ para remixar um Short ou vídeo do YouTube elegível.”

Adesivo de Perguntas e Respostas e Atalhos na Criação de Shorts

O YouTube também está lançando um novo adesivo de Perguntas e Respostas, que permitirá aos criadores solicitar uma resposta direta dos espectadores dentro do feed de Shorts. Novamente, essa já é uma funcionalidade comum em outras plataformas, como o TikTok e o Instagram.

Outra funcionalidade que o buscador está lançando pode facilitar a criação de Shorts. Agora, o YouTube está adicionando novos atalhos que levarão um espectador à câmera do compositor com o áudio e/ou efeitos do Short que estavam assistindo aplicados, para que possam usar isso como um modelo.

Ferramentas de Recomposição do YouTube Shorts e Playlists

Se você já possui uma estratégia de conteúdo no YouTube, essa novidade pode ser relevante para maximizar o alcance dos seus vídeos na plataforma.

Com a nova ferramenta de “recomposição de vídeos”, o YouTube está testando novas formas de permitir que os usuários transformem seus vídeos horizontais em clipes de Shorts rapidamente.

Dessa forma, você pode criar vídeos nuggets do seus conteúdos e compartilhá-los no feed do Shorts com um CTA para conferir o conteúdo completo, alimentando sua audiência em diferentes formatos de forma rápida e eficiente.

Além disso, com a nova capacidade de salvar Shorts em playlists diretamente no YouTube, você pode criar trilhas de conteúdos para prender a atenção da audiência.

As novas funcionalidades, apesar de parecerem apenas uma “cópia” das demais plataformas, são esforços do YouTube para aprimorar a experiência dos criadores de conteúdo, tornando a plataforma mais parecida com aquelas que eles já estão acostumados a utilizar.

Dessa forma, o buscador pretende conquistar e engajar mais criadores, para que eles criem mais conteúdos originais no Shorts.

Novos Recursos do YouTube Shorts para Anunciantes

Em maio de 2023, o YouTube anunciou novas estratégias para incorporar o Shorts ao seu canal publicitário e engajar o formato com outros públicos. Confira as novidades que foram anunciadas na conferência IABFronts:

Incorporando Shorts para otimizar o alcance

O YouTube está integrando os Shorts nas campanhas de alcance de vídeo, que utilizam a IA do Google para apresentar a combinação mais eficaz de anúncios, melhorando o alcance e a eficiência no YouTube.

Além disso, anúncios de vídeo no feed do Shorts também estão sendo adicionados às campanhas de alcance de vídeo para aumentar as oportunidades de engajamento do público em toda a plataforma.

Posicionamento de Anúncios em Shorts “Em Alta”

Com o YouTube Select, o Shorts agora permite que os anunciantes coloquem seus anúncios ao lado do conteúdo mais popular no feed, dessa forma, as marcas podem alcançar 1,5 bilhão de usuários mensais logados nos Shorts.

O YouTube anunciou ainda que o novo recurso “Primeira posição no Shorts” garante que os anúncios apareçam ao lado dos vídeos mais populares e relevantes nos feeds de Shorts dos usuários, mantendo as marcas fixas da mente dos espectadores.

O piloto da Primeira Posição nos Shorts, disponível através do YouTube Select, permite que os anunciantes façam uma forte impressão inicial em um ambiente altamente imersivo, garantindo que seu anúncio seja o primeiro que os espectadores veem quando abrem o YouTube Shorts.

Novo Detalhamento de Inscritos

Dentre os novos recursos, a similaridade percebida é que todos envolvem novas formas de acompanhar o desempenho dos vídeos curtos (Shorts).

O primeiro recurso lançado é um novo painel no YouTube Studio, que exibe um detalhamento de novos inscritos chegando ao canal, segmentando por cada formato de conteúdo (live, vídeos e shorts).

Dessa forma, os profissionais poderão acompanhar o desempenho de cada formato em particular, de forma mais ágil (sem precisar segmentar por cada vídeo em específico e depois realizar a soma por formato).

Outras redes sociais comprovam que a criação de conteúdos em formato de vídeos curtos ajuda na aquisição de mais seguidores/inscritos, visto que esses conteúdos acabam sendo distribuídos com maior frequência.

Com o novo recurso, o YouTube pretende mostrar mais facilmente aos profissionais de marketing e produtores de conteúdo a possibilidade de expandir seus canais com a publicação de mais vídeos Shorts.

Juntamente com esse recurso, o YouTube Studio agora também exibirá uma visualização de qual conteúdo seu público está assistindo, segmentado pelos tipos de formato no aplicativo móvel.

Novas Ferramentas para Criadores de Shorts

Apesar de saber que o formato tem potencial para elevar a audiência do buscador, o YouTube possui — ainda — poucas opções de ferramentas para edição e publicação dos vídeos curtos em sua plataforma.

Por isso, um dos novos recursos apresentados é a opção de selecionar um frame de seu Short para ser usado como miniatura durante o processo de upload inicial (por enquanto, ainda não é possível selecionar uma imagem da galeria, como em outras plataformas).

Além de ajudar os produtores de conteúdo a personalizar melhor seus conteúdos (mesmo que de forma inferior à outras redes), além de ajudar o buscador a coletar dados de quais usuários estão realmente interessados em compartilhar seus conteúdos na plataforma.

Por que o YouTube está investindo nesse formato?

Desde o último ano, o YouTube vem realizando testes para inserir os conteúdos de vídeos curtos no formato vertical em sua plataforma. Nos últimos, com a popularização do TikTok e Instagram Reels, o YouTube estava começando a ficar “ultrapassado” para as novas gerações.

No entanto, após a adoção do formato, o YouTube passou a ter mais de 30 bilhões de novas visualizações diárias (de acordo com o próprio Google).

Por isso, há alguns anos, o Google vem realizando testes para lançar o YouTube Shorts Ads, um formato para a exibição de vídeos patrocinados no feed do Shorts. Desde 2022, já é possível veicular anúncios no formato Shorts, no entanto a nova proposta da ferramenta é destinar 45% da receita com anúncios aos criadores dos vídeos.

Lançamento das Políticas de monetização do YouTube Shorts está previsto para Fevereiro deste ano

De acordo com a Central de Ajuda do Google para o YouTube, a novidade deve chegar no próximo dia mês:

“A partir de 1º de fevereiro de 2023, os parceiros de monetização poderão ganhar dinheiro com anúncios visualizados entre vídeos no feed de Shorts. Esse novo modelo de compartilhamento de receita substituirá o YouTube Shorts Fund.”

O Google ainda explica que todo conteúdo utilizado nos anúncios devem seguir as diretrizes de conteúdo adequado para publicidade no YouTube, aquelas que estiverem em desacordo com as diretrizes não receberão pelas visualizações.

Tipos de conteúdos não permitidos para monetização no YouTube Shorts

Como dito, o Google não contabilizará as visualizações de conteúdos em desacordo com as políticas. Por isso, o buscador compartilhou quais são os formatos de Shorts inelegíveis:

  • shorts não originais: clipes que programas de TV, vídeos ou filmes, bem como reenvio de criadores de outras plataformas (como TikTok e Reels), ou compilados sem conteúdos originais mesclados;
  • visualizações artificiais ou falsas de Shorts: como o uso de bots automatizados de clique ou rolagem;
  • visualizações de Shorts inconsistentes: se o conteúdo estiver fora das políticas, mas ainda assim for visualizado pelos usuários, essas visualizações não serão contabilizadas.

O Google afirma ainda que a monetização de vídeos Shorts será separada da monetização de vídeos longos do canal, dessa forma, o YouTube oferece a possibilidade de criadores de conteúdo que produzem apenas esse formato também possam exibir seus conteúdos na plataforma.

Com essa nova plataforma, é provável que o YouTube anuncie cada vez mais novidades relacionadas ao Shorts nos próximos meses, para maximizar a experiência dos usuários que começaram a monetizar seus vídeos na plataforma.

Como a Agência Mestre está utilizando o Youtube Shorts

Aqui na Agência Mestre nós já estamos explorando o grande potencial dos Shorts, toda semana nós publicamos um resumo das principais notícias sobre marketing digital e também compartilhamos dicas sobre novas ferramentas,Inbound Marketing, SEO, Mídia Paga e diversas outras estratégias.

A utilização desse novo canal está trazendo resultados positivos no alcance de um novo público para nossos materiais. Recomendamos que você também faça o mesmo.

Confira nosso conteúdo sobre os pilares da transformação digital:

Se você deseja se inspirar sobre formatos diferentes de vídeos para o Shorts, inscreva-se em nosso canal do Youtube e confira os conteúdos em primeira mão!

Aprenda a fazer Marketing de Conteúdo para o YouTube

A plataforma de vídeos vem crescendo cada vez mais e, muito provavelmente, parte da sua audiência está utilizando o YouTube, afinal, ele é o segundo maior buscador do mundo. Veja como você pode construir uma estratégia de marketing de conteúdo para o YouTube e comece a produzir vídeos para fazer seu canal bombar!

LEIA MAIS

5 Ferramentas de Email Marketing Que Mudarão Seu Trabalho

O email marketing é uma estratégia poderosa para conectar-se com a sua audiência e potenciais clientes, mas que necessita de uma ferramenta versátil e fácil de gerenciamento. Separamos neste artigo uma lista das 5 melhores ferramentas de email marketing do mercado. CLIQUE e confira!

O que é Inbound Marketing? Aprenda tudo que precisa saber sobre essa estratégia

Leia o artigo e aprenda como atrair, converter e encantar clientes com técnicas atualizadas de Inbound Marketing.

Google Shopping: O Que é e Como Funciona?

Alavanque seu e-commerce com Google Shopping! Utilize a principal ferramenta de pesquisa de produtos do Google e conquiste mais clientes. Clique e saiba mais.

Já pensou em fazer parte do nosso time de mestres?