O trabalho de redação para blog, às vezes, nos obriga a compreender alguns aspectos muito específicos, principalmente relacionados a certos segmentos de negócio que exigem conhecimento técnico puro.

A dificuldade já começa na hora da pesquisa, quando aparentemente nenhum resultado parece satisfatório. Porém, existem algumas ideias que podem ajudar a facilitar a busca por fontes realmente interessantes.

Como facilitar a pesquisa para conteúdos específicos?

Existirão, é claro, casos em que algumas dúvidas precisarão do apoio de profissionais, mas o ideal é que isso seja visto sempre como último recurso. O melhor mesmo, então, é forçar ao máximo a pesquisa de conteúdo.

Quanto mais técnico e específico for o segmento do cliente para o qual o conteúdo será feito, o mais provável é que a dificuldade da busca pelas informações também cresça, e, por isso, é necessário trabalhar de maneira a passar por esses problemas.

Não descarte resultados inicialmente

Ao colocar a palavra a ser buscada no Google, o ideal é que, primeiramente, não se descarte nenhum resultado somente pelo estilo do site ou o endereço. Quando não se tem nada, qualquer informação pode servir como ponto de partida.

Abra alguns dos resultados encontrados e verifique-os com atenção, sempre mantendo-os em guias ou janelas, prontos para serem visualizados.

Invista em uma rede de conceitos

Imagine que, ao pesquisar por um termo, você encontrou diversos sites que fornecem informações a respeito dele. Entretanto, nenhum é exatamente o que você procura e não irá contribuir diretamente para seu texto. Nessa situação, o ideal é traçar uma pequena rede de conceitos.

No caso de você desconfiar da veracidade daquilo que está publicado em um site, a melhor maneira de tentar se certificar é buscar algo que você já conheça.

Por exemplo: suponha que você precisa encontrar como funciona uma peça de uma máquina industrial extremamente específica e achou em um texto informações que seriam muito importantes para seu conteúdo, mas não sabe se são realmente corretas.

O melhor a se fazer é procurar informações sobre um conceito que você já conhece no mesmo site, e verificar se o conteúdo publicado é correto. Faça isso com duas ou três buscas. Caso seja confiável, é muito provável que o conteúdo todo do site seja, e você pode utilizar.

É possível trabalhar de maneira parecida, também, caso você não encontre nenhum resultado satisfatório. Busque pelo que já conhece e está relacionado ao termo, e então vá compreendendo aos poucos onde aquilo está inserido na teoria que você domina. Sempre existe uma conexão possível e é uma ótima forma de começar a entender o conceito.

Faça a seleção perfeita de sites e tópicos

Com os sites certos encontrados, feche aqueles que não servem e, entre os que foram classificados como confiáveis pela sua pesquisa, defina o que será possível falar sobre aquele assunto para responder o que o artigo pede.

Exemplificando: o artigo que você deve escrever fala sobre como aplicar um determinado ponto envolvido em desenvolvimento de sites em PHP. Entre suas pesquisas, você tem um texto que explica o que é esse ponto, um que explica a relação entre ele e a linguagem e outro que aponta um passo a passo da aplicação.

Entre eles, os que mais te interessam são o que aponta de fato a definição do conceito e o passo a passo, correto? Foque neles e desenvolva seu conteúdo. Caso queira, pincele ao longo do texto algumas ideias interessantes do outro site, pois pode enriquecer, mas tenha em mente o seu foco, sempre!