Engana-se quem pensa que o termo Marketing de Influência surgiu recentemente com a era digital. Muito antes da possibilidade da internet existir, a capacidade de influenciar pessoas já acontecia com líderes religiosos, políticos, cientistas, filósofos e esportistas.

O que é Marketing de Influência?

Marketing de Influência é uma estratégia de marketing que consiste em ações focadas em pessoas que, de alguma forma, conseguem influenciar e atrair potenciais consumidores. Ou seja, os considerados “influencers” interferem nas decisões de compras a favor de uma marca específica.

Hoje em dia, na era do Marketing Digital, cada vez mais as marcas se veem forçadas a adotarem esse tipo de estratégia em suas vendas. Mas, afinal, quem são esses influenciadores de marcas?

São pessoas com um número muito significativo de seguidores em suas redes sociais, visando atrair cada vez mais fãs para que marcas queiram fazer negócios com elas. O melhor é que o Marketing de Influência pode atingir diversos segmentos do mercado, afinal, são gostos e interesses diferentes para todos os tipos de pessoas.

Como surgiu o Marketing de Influência nas estratégias das empresas?

Relatos históricos nos mostram que lá para meados do século XIX, quando uma recém-lançada marca de ingredientes para panquecas, de nome Aunt Jemima, estampou em sua embalagem a imagem de uma ex-escrava, a empresa recebeu mais de 50 mil pedidos iniciais. Isso mesmo, apenas por trazer a imagem de uma pessoa a frente de seus produtos. Mas, você consegue nos dizer por que essa ação deu certo?

A resposta é simples. A marca proporcionava algo inovador ao mercado, que tornava aquela embalagem muito mais do que uma simples caixa de papel; ela carregava consigo verdade, confiança e aproximação para quem comprasse. Foi aí que a empresa descobriu que uma boa imagem vende mais do que mil palavras explicando sobre ingredientes de panqueca.

O rosto da ex-escrava Nancy Green, era tão carismático que a empresa passou a estampa-la em todos os seus produtos, tornando-a porta-voz e o principal meio de Marketing de Influência para atrair consumidores.

Em 1920, Walt Disney, com toda a sua inteligência e visão vanguardista, já sabia que personagens ligados às marcas influenciavam e atraiam mais clientes. Antes de Mickey Mouse, o Coelho Osvaldo foi o seu primeiro garoto propaganda para concorrer diretamente com o famoso Gato Félix do cinema mudo.

Somente em 1960 o termo “influencer marketing” — Marketing de Influência — passa a existir em livros e, até mesmo, com uma nova interpretação nos dicionários.

Posteriormente, com a grande influência das mídias eletrônicas, como a TV, marcas de todo o mundo passaram a se associar com rostos famosos, que estavam em alta no momento, para impulsionarem suas vendas de produtos. No Brasil, podemos citar o icônico Carlos Moreno nos comerciais da Bombril. Você recorda?

Atualmente, o Marketing de Influência está totalmente ligado ao Marketing Digital. Com todas as mídias sociais existentes, empresas sabem que para alavancarem suas vendas precisam se associar aos influenciadores certos para atingir os consumidores ideais.

Por que investir e como aplicar na estratégia da sua empresa?

Investir em Marketing de Influência nas suas estratégias digitais é transmitir através de um porta-voz reconhecido e admirado, informações de confiança que influenciam na jornada do funil de vendas de forma a favorecer a marca.

Para aplicar no seu negócio basta ter:

  • objetivos claros;
  • conhecimento do público-alvo;
  • estar ligado aos meios digitais e influenciadores do momento;
  • planejar ações junto aos influenciadores certos.

Empresas que investem nesse tipo de ação, possuem resultados positivos, principalmente pelo fato de selecionarem um influenciador que se encaixe com o público que a empresa deseja atingir. Ainda tem dúvidas que o Marketing de Influência é uma boa alternativa para alavancar as vendas da sua marca? Então, confira mais alguns motivos:

Acessibilidade

Não é necessário ter contatos com assessorias, um alto orçamento ou contratos com agências de publicidade. Quem quer praticar o Marketing de Influência basta entrar em contato direto com os influenciadores que eles lhe mandarão o seu mídia kit.

Existem muitos acessíveis, e, geralmente, eles trabalham com várias possibilidades de negociação, não só com remuneração em dinheiro.

Confiança

Um produto novo lançou-se no mercado, você confia mais em propagandas comerciais ou no testemunho de um amigo próximo a você? Provavelmente, a sua confiança tende a acreditar nos relatos reais do seu amigo, não é? E é exatamente isso que o Marketing de Influência procura ao trazer a proximidade de influenciadores em informações da marca.

Promotores da marca

Caso a pessoa goste da experiência de compra do determinado produto que o influenciador citou, ela possivelmente irá comentar com seus amigos e familiares, e naturalmente, influenciar outras pessoas para comprarem também, logo, ela se torna uma promotora da marca.

Gostou de entender um pouco mais de como funciona o Marketing de Influência nas estratégias das empresas? Não nos restam mais dúvidas de que essa prática dá certo, não é? Então não perca mais tempo, comece a planejar as suas ações e continue acompanhando o Blog da Mestre para mais assuntos assim!

Comente aqui e compartilhe nosso artigo na sua rede de amigos!