Link Building com Páginas de Erro 404

Por Fábio Ricotta


Link Building - Páginas 404

Olá assinantes da Agência Mestre,

Continuamos com a nossa saga de artigos de link building e hoje vamos falar de mais uma oportunidade que podemos encontrar em falhas de concorrentes. O nosso foco será em identificar oportunidades em páginas que possuem erro 404, ou seja, não existem por algum motivo, mas que mesmo assim recebem uma certa quantidade de backlinks. De posse desta informação, nosso trabalho será em transformar estes backlinks em nossos backlinks. Vejamos a seguir como executar esta estratégia.

O Processo

Para entender o processo como um todo, vamos entender a motivação: existem diversas páginas na Internet que simplesmente param de funcionar ou ainda são removidas de um website. É um processo comum, seja em uma loja virtual, onde você remove um produto do estoque ou ainda em um blog, quando você exclui um artigo muito antigo. Em ambos os casos, as páginas são referenciadas na web de diversas formas e assim adquire-se o que chamamos de “link juice”:

Link Juice

Quando esta página é removida, diversas referências ainda são mantidas, pois é bem provável que alguém que criou um link não irá verificar se a página continua a existir.

Página Removida

Com esta visão, passamos para o próximo passo que é identificar websites do mesmo nicho que nós e em seguida identificar estas páginas de 404 com link juice. De posse desta listagem, entramos em um processo de link begging.

Vejamos com mais detalhes.

Identificando os Concorrentes

Quando falamos em definir os competidores de um website, a forma mais fácil é perguntar para o próprio dono. Normalmente ele já possui aquela “listinha” de concorrentes diretos e os grandes “players”. Em muitos casos, a empresa dona do website possui um plano de negócios estruturado e assim basta solicitar a parte sobre a concorrência de mercado. Com esta informação em mãos você poderá entender as motivações e pontos fortes dos concorrentes.

Ainda que estas informações sejam úteis, precisamos definir uma lista de concorrentes que aparecem nas páginas de resultados do Google. Para isso, separe uma lista das 10 palavras-chave principais do seu negócio. De posse da sua lista de palavras-chave siga os passos:

  1. Realize a consulta de 1 palavra-chave no Google;
  2. Utilize o parâmetro &num=100 na URL para obter 100 resultados;
  3. Faça o download de todas as URLs que o Google retornar (prospects) utilizando o plugin de Firefox SEO Quake;
  4. Faça os passos anteriores (2 e 3) para todas as palavras-chave;
  5. Abra a ferramenta URL & Hostname Counter;
  6. Cole todas as URLs que você obteve (cerca de 1.000);
  7. Marque a opção “Count Hostnames” e clique em “Remove URLs Based on Hostname”

Após finalizar estes passos você terá uma lista ordenada de domínios, baseado em quantas vezes cada um deles apareceu em suas consultas. Isso mostra o quão frequente / dominador aquele domínio é, e assim, você deve inserí-lo em sua lista de concorrentes.

Identificando Oportunidades

Agora que temos uma lista bem completa de concorrentes, vamos analisar as páginas dos concorrentes para identificar quais possuem código 404. Para esta tarefa, a ferramenta mais interessante é a Open Site Explorer (OSE), a qual possui uma aba chamada Top Pages, que por sua vez possui uma coluna que mostra o código de retorno de cada uma dessas Top Pages:

Open Site Explorer

O interessante aqui é que a OSE ordena estas páginas pelas que são mais linkadas, logo já temos uma boa ordenação para o nosso trabalho. Ainda na OSE, exporte a listagem como CSV, assim podemos analisar melhor no Excel.

Importando o CSV no Excel, exclua as 6 primeiras linhas, pois elas não serão utilizadas. Em seguida aplique na primeira linha o “Auto Filtro” e poderemos criar filtros de texto para cada coluna.

Excel Http Status

Na coluna de HTTP Status, clique na seta ao lado do “label” e em seguida deixa apenas marcado a opção “404” (como mostrado acima). Clicando em OK, teremos a listagem das páginas que retornam código 404 no domínio e que possuem backlinks apontando para ela. E o mais interessante neste caso é que temos uma listagem ordenada pela quantidade de backlinks.

Como no meu exemplo estou utilizando o website http://blogblogs.com.br/ selecionei uma das páginas que ele retorna código 404:

http://blogblogs.com.br/ranking

Segundo a OSE, ela possui um total de 110 backlinksde 31 root domains diferentes, ou seja, uma boa quantidade de juice é direcionado para ela.

Transformando a Oportunidade em Link

De posse da lista de URLs com erro é hora de iniciar o processo de link begging:
Processo de Link Begging

Analisando a Motivacão da Linkagem

Após identificar uma oportunidade (página de erro) o próximo passo é descobrir o que a página possuía. Para esta tarefa podemos utilizar o Web Archive, inserindo a URL que temos:

Web Archive

Clique na versão mais recente exibida pela ferramenta e analise a página, veja o que ela tinha que motivou os webmasters a criarem backlinks para a URL.

Criando um Ativo Linkável

Com base na página que obtivemos do Web Archive, devemos pensar o seguinte: o quanto desta página eu posso reproduzir? Confira se aquele conteúdo ainda existe na web através da ferramenta Copyscape. Caso exista, deixe de lado a opção da cópia do conteúdo e crie um conteúdo o mais similar possível, mas com foco em unicidade. Caso aquele conteúdo não esteja mais disponível na web, reproduza-o. Dê os créditos, mencionando que aquela informação não está mais disponível e por isso você está reproduzindo.

Encontrar Informação para Contato

Como vimos no artigo de link begging, o próximo passo é encontrar nas páginas e websites informações de contato para que possamos transformar aquele prospect em link. Para isto, pesquise pelo seguinte caminho:

  • Procure a página de contato;
  • Olhe o código fonte, normalmente os webmasters assinam o trabalho e deixam o seu email ou telefone por lá;
  • Olhe o rodapé do website e veja se existe alguma menção de telefone junto ao endereço da empresa;
  • Pesquise no Google por site:www.website.com.br intext:”entre em contato” pois normalmente esta frase está próxima a um email ou de um telefone.

No artigo de link begging comentei com mais detalhes como proceder, logo, vale a pena conferir o artigo na íntegra.

A Abordagem do Contato

No caso desta estratégia de explorar páginas de erro 404, a abordagem normalmente é padronizada. Você deve informar ao webmaster que aquele link existente em seu website está quebrado pelo fato do website não estar fornecendo mais aquele conteúdo. Em seguida, avise-o que você criou / reproduziu aquele conteúdo dentro de sua URL e se ele tiver interesse, pode oferecer aos usuários um endereço que fornece aquele conteúdo que ele linkava anteriormente.

Você pode testar algumas variações desta abordagem, tentando avisar primeiro do problema e depois da resposta avisar que você possui o conteúdo, ou ainda você pode dizer diretamente que o problema seria resolvido mudando o link para uma URL que contém o conteúdo, no caso, a sua.

Conclusões

Ainda que possa parecer uma tarefa muito complicada e pouco onerosa, este processo de investigar páginas com erro 404 pode lhe resultar bons links após muito tempo de investigação. O que deve ficar gravado é que esta estratégia é recorrente, onde você deve investigar os concorrentes cerca de 1 vez por mês, e obviamente, ficar antenado nas notícias sobre portais que estão encerrando os seus serviços.

Espero que tenham gostado de mais este artigo de link building e nos vemos no próximo!

LEIA MAIS
Footprints – O que São e Como Utilizá-las

Footprints – O que São e Como Utilizá-las

Em um trabalho de link building uma das principais tarefas é entender o nicho que se está trabalhando e, em seguida, indentificar oportunidades de se ganhar links. É neste momento que podemos fazer uso de footprints, ou seja, marcas deixadas por sistemas ou gerenciadores de conteúdo. Neste artigo explicamos como utilizar estas footprints para lhe ajudar no trabalho de aquisição de links de qualidade.

Remover Página do Google: Métodos e Implicações

Remover Página do Google: Métodos e Implicações

De tempos em tempos a pergunta sobre como remover uma página dos resultados de uma busca do Google reaparece. Ao contrário do que a grande parte dos profissionais pode imaginar, simplesmente bloquear no robots.txt não é a única opção e nem é a melhor – por si só. Neste artigo, apresento soluções para diversas circunstâncias na remoção de conteúdo e a consequência de cada método.

SEO: Subdomínios ou Subdiretórios? O que é melhor usar?

SEO: Subdomínios ou Subdiretórios? O que é melhor usar?

Uma das dúvidas mais comuns na organização de arquitetura e estratégia de SEO é quanto ao uso de subdomínios e subdiretórios. Simplesmente não existe um opção que seja melhor em todos os casos, mas, pelo contrário, cada caso tem uma melhor solução e, em cada estratégia, ou subdomínio ou subdiretório podem se encaixar melhor. Neste artigo para assinantes, levanto os prós e contras de cada alternativa e mostro casos de uso de cada estratégia em diferentes situações.

Comentários
  1. Excelente artigo Fábio.

    Pena que o OSE exibe apenas 20 top pages por domínio para usuários free. Para ter mais do que isso teria que pagar $99/mês.

    Com um universo de apenas 20 páginas fica bem difícil encontrar erros 404. Segui o artigo e encontrei apenas uma página, mas que não tinha muito a ver com o negócio do meu cliente.

    Mesmo assim, parabéns pelo artigo.

  2. Fábio, me corrija se eu estiver errado, mas acho que faltou dizer no artigo que depois que você encontrou o link com erro 404, você deve fazer uma nova busca no OSE para saber quem estava linkando pra ele, e com essa lista prosseguir para o Link Begging, correto? Não sei se é óbvio, mas acho que pode ajudar.

    No meu caso coloquei http://www.interney.net. Ele retornou a página 404: http://www.interney.net/outrosblogs.php

    Coloquei essa página(http://www.interney.net/outrosblogs.php) novamente no OSE e ele me retornou os links: ajuda.forumeiros.com, http://www.futepoca.com.br, etc. É atrás desses caras que eu iria…

    Abraços.

  3. Olá, Fábio, no caso do meu site, encontrei algumas páginas com erro 404 no google webmaster tool, páginas essas que eu havia removido/mudado de nome do meu blog. Como faço para eliminar esses erros?

Deixe seu comentário abaixo