Qual a melhor maneira de aferir os resultados de um canal do Youtube? Com o número de visualizações ou a quantidade de inscritos? Se você também tem essas dúvidas, nosso CEO, Fábio Ricotta responde tudo nesse vídeo. Dê o play e confira!

Pensando no cenário perfeito, se hoje alguém te pedisse para entregar um relatório de Youtube, o que deveria conter no documento? Existe algum sistema de relatório? Como montar e qual o relatório base? Essas e outras questões básicas surgem sempre que falamos de resultados em canais do Youtube.

Analisando o número de inscritos

Na essência procuramos sempre entender a evolução do número de inscritos, o que podemos chamar de métrica de vaidade, mas é também um ponto a ser analisado para entendermos se estamos no caminho certo.
O número de inscrito nos dá a condição, o fôlego necessário para identificar o crescimento, diante de tanto trabalho realizado em busca do aumento orgânico de pessoas que gostam, curtem e se inscrevem no seu canal.
A métrica de visualização também é um bom indício para determinar a velocidade na qual você chega até as pessoas que realmente interessam, ou seja, a sua audiência. Por isso, é importante também analisar o volume de visualizações.

Dê olho nos comentários

Engajamento é a palavra-chave quando o assunto é Youtube e comentários. Isso porque é por meio desses comentários que conseguimos identificar se as pessoas estão realmente interessadas no que é postado.
Os comentários, essencialmente, são realizados por pessoas que gostaram do seu canal e que têm dúvidas ou de alguma maneira querem se comunicar com você.
Por isso, além do volume é preciso ter em mente que o que mais se analisa nesse ponto é o engajamento do público. Tenha atenção também na hora de realizar as comparações entre vídeos. Isso porque é comum que as pessoas busquem vídeos da mesma linha editorial, o que torna necessária a análise segmentada.
Vale lembrar também que esses dois itens podem ser facilmente aplicados também no site ou nas redes sociais.

Retenção de vídeo

Dentro do Youtube Analytics é possível encontrar uma série de informações, como as já citadas acima, além da retenção. Com ela você consegue analisar separadamente cada vídeo e te descobrir quantas pessoas assistiram aquele vídeo até determinada parte.
Com ela, você identifica a parte de quebra e entende até onde sua audiência é levada.

Ferramentas recomendadas para a análise

Para gerar esses dados, recomendamos duas ferramentas bem simples de serem usadas:

– Google Data Studio: ferramenta gratuita, integrada com o Youtube e que possibilita que você gere quantos relatórios precisar.
– Socialbakers: com integração com diversas plataformas de mídias sociais.

Assim você conseguirá criar relatórios base e analisar de maneira mais assertiva as áreas que mais te interessam. Ficou com alguma dúvida? Deixa-aqui nos comentários!