Transmissões ao vivo têm sido umas das programações mais frequentes nos canais digitais. Isso porque as pessoas estão passando mais tempo em casa e essa é uma maneira de se sentirem mais próximas das outras, além de aprenderem sobre seus temas de interesse.

Portanto, saber como fazer uma live é de total interesse das empresas que desejam agregar de forma positiva no dia a dia do seu público-alvo, ganhando a confiança deles e também atraindo novas pessoas para a rede de contatos.

Como fazer uma live?

Fazer uma live amadora é fácil. Você pode escolher uma mídia social, utilizar seu smartphone e ativar a função para transmitir seu conteúdo à audiência.

Porém, em meio a tantos conteúdo ricos presentes na web e outras transmissões, é preciso saber como fazer uma live profissional e chamar ainda mais a atenção das pessoas para a qualidade do seu conteúdo — tanto em relação aos aspectos técnicos e visuais, quanto aos dados que irá apresentar.

7 dicas de como fazer uma live profissional

Para fazer uma live de sucesso, você vai precisar seguir alguns passos:

  1. estabeleça seu objetivo;
  2. prepare a programação e o conteúdo com antecedência;
  3. crie um roteiro
  4. organize seu cenário e os equipamentos
  5. utilize softwares que vão tornar sua transmissão ao vivo mais profissional;
  6. faça testes;
  7. capture leads e mantenha contato com eles.

Estes são passos práticos que vão tornar sua live mais atrativa, profissional e repleta de conteúdos de valor para sua audiência.

Entenda cada etapa com mais detalhes a seguir!

1. Estabeleça seu objetivo

Se você quer saber como fazer uma live profissional, isso já indica que deseja ter mais engajamento com seu público. Contudo, por que você quer esse engajamento? Qual seu maior objetivo no momento?

Analise quais são as métricas mais importantes para sua empresa agora e como uma live poderia ajudar. No caso, se você quer somente ter engajamento, terá que pensar em conteúdos alinhados a esta proposta.

Porém, se desejar mais contatos de pessoas interessadas em seus produtos e serviços, terá que pensar em uma linha de conteúdo mais específica, com informações ricas, que engajem, mas que também ofereçam algo a mais ao público, já que eles terão que deixar o “lead” deles com sua companhia, ou seja, os dados de contato.

Por isso, tenha muita atenção na hora de planejar sua transmissão ao vivo e invista tempo para compreender qual é o seu maior objetivo no momento.

2. Prepare a programação e o conteúdo com antecedência

Com base no seu objetivo, planeje-se com antecedência. Entenda qual é o melhor assunto para tratar em uma live. Geralmente, temas que estão relacionados às “dores” da sua persona são os melhores, pois vão ajudá-las a solucionar problemas.

Você precisará estudar mais sobre o assunto e levantar tópicos que seriam possíveis dúvidas das pessoas. Uma boa dica é fazer uma pesquisa com a sua audiência para entender o que as pessoas mais querem saber.

Monte também uma estrutura de programação. Pense sobre:

  • quem vai compartilhar o conteúdo na live;
  • se terá convidados — se sim, quem serão;
  • qual será a ordem dos conteúdos e atividades;
  • se terá algum elemento surpresa;
  • qual o conteúdo mais importante da live e qual o melhor momento para falar sobre ele;
  • quando será transmitida, entre outros detalhes.

A ideia é que você prepare uma programação completa. Não precisa ter um roteiro ainda, nesta etapa é importante apenas que você desenvolva um “esqueleto” de como será sua live, uma estrutura que, de forma clara, ajude você a visualizar cada atividade da sua programação.

3. Crie um roteiro

Depois disso, você poderá partir para o roteiro. Caso sua live conte com um convidado, é importante compartilhar o seu roteiro com a pessoa e também dar total suporte para a construção do roteiro dela. Nesse caso, informe como você montou o seu e como ela poderia desenvolver o dela, indicando alguns tópicos. Porém, não crie o roteiro do convidado, isso porque pode fazer com que ele perca a naturalidade, apenas dê sugestões.

Para o seu roteiro, você precisará ler novamente a pesquisa que fez com o público, utilizar algumas das dúvidas para já transformá-las em conteúdos. Comece com a parte mais introdutória para ir aprofundando os conhecimentos.

Se você tem algum conteúdo específico que vai fazer ligação com seu produto ou serviço, lembre-se de inserir no meio do conteúdo. Isso porque se você o fizer somente ao final da live, seu público já terá deixado a transmissão e seu objetivo não será alcançado.

Como Fazer Uma Live — Dicas Para Empresas

Então a ideia é que você possa chamar a atenção das pessoas, introduzir o conteúdo e, quando estiver chegando na melhor parte, faça uma pausa para fazer sua oferta e chamar as pessoas para alguma ação. Porém, deixe claro que seu conteúdo vai continuar para que ninguém vá embora antes de passar pelo CTA — Call To Action (chamada para ação).

Como definir o que falar?

Algumas dicas para você:

  • introduza o tema;
  • comece a falar sobre o assunto de forma mais aprofundada, sanando as dores do público que você identificou na pesquisa;
  • fale que você vai abordar o conteúdo mais aguardado em breve;
  • faça sua oferta / CTA;
  • aborde a parte rica do conteúdo;
  • tire dúvidas ao vivo;
  • agradeça e encerre.

Agora pense em como inserir o conteúdo da sua live em cada etapa acima. Anote seus assuntos de cada fase e construa seu próprio roteiro personalizado!

4. Organize seu cenário e os equipamentos

O conteúdo é rei, mas a logística é a rainha. Por isso, organize um espaço para que sua transmissão seja visualmente agradável para quem vai acompanhar. Pense em um cenário confortável para você e também para quem vai assistir.

Tenha atenção com a iluminação

Um dos fatores principais para dar atenção é a iluminação. Certifique-se de estar em um ambiente bem iluminado.

Você poderá utilizar softbox, que são aqueles equipamentos de luz para tornar seu cenário ainda mais claro. Outra opção mais acessível são as ring lights, um círculo de luz para ficar na frente da pessoa que vai falar, iluminando o rosto dela. Posicione as luzes direcionadas a você e o tripé (outro equipamento muito importante) que vai segurar a câmera ou smartphone e um local estratégico para captar a melhor visão com boa iluminação.

Como Fazer Uma Live — Dicas Para Empresas

Caso você não tenha como utilizar nenhuma das duas opções, não se preocupe, ainda tem uma saída: marque sua live durante o dia e faça em frente a uma fonte de luz, como na sacada ou próximo à uma janela. Mas tenha atenção para não se posicionar contra a luz ou na lateral, o que pode fazer sombra e prejudicar a visão das pessoas que vão assistir.

Utilize o equipamento com sua melhor câmera

Você poderá utilizar a câmera do seu celular ou do seu computador para fazer a transmissão. Mas, caso seus equipamentos não contem com uma boa qualidade de imagem e você tiver uma câmera em casa, pode utilizá-la.

Algumas possuem integração com o computador. Em outros casos, você terá que utilizar algum software para simular que este equipamento faz parte do laptop ou desktop. Sobre estes programas, você vai entender mais no tópico seguinte.

5. Utilize softwares que vão tornar sua transmissão ao vivo mais profissional

Conheça mais sobre dois softwares que podem fazer a diferença nas suas lives, o OBS Studio e o StreamYard.

OBS Studio

OBS Studio

Para quem quer saber como fazer live de forma mais profissional, conseguindo compartilhar algumas imagens, gráficos e outros elementos que tornarão sua transmissão mais atrativa, conheça o OBS Studio.

Ele é utilizado para fazer lives no YouTube e em redes sociais variadas, inclusive no Instagram, que é uma plataforma um pouco limitada para transmissões.

O OBS Studio é um software de transmissão de vídeo, que permite a inclusão de mais de uma câmera, além de outros elementos que podem causar efeitos especiais — trilhas sonoras, textos, etc.

A ferramenta funciona em Windows (PC), Mac OS e Linux. Por meio dela, você conseguirá fazer uma live muito mais completa para tornar essa uma programação no YouTube (ou outro canal) ainda mais atrativa para o público-alvo.

StreamYard

StreamYard

StreamYard é uma ferramenta com versão gratuita e paga que oferece diversas possibilidades para quem deseja fazer uma transmissão ao vivo com mais profissionalismo e possibilidades diferentes.

Com ela, é possível fazer streaming de vídeo por meio de redes sociais, diretamente do navegador, sem precisar fazer download.

Além do benefício de utilizar no navegador, o StreamYard permite:

  • transmitir em diferentes redes sociais simultaneamente;
  • realizar lives com convidados simultâneos;
  • interagir com o público e até colocar os comentários na tela;
  • adicionar o logotipo da sua empresa, entre outros elementos;
  • além de outras funcionalidades que permitem uma maior personalização do espaço digital.

Com o StreamYard, você contará com todas estas vantagens e com a facilidade de utilizar a ferramenta, pois é bastante intuitiva. Para usá-la, precisará fazer seu cadastro, integrar as rede sociais da sua empresa e terá a opção de fazer e configurar sua live.

A boa notícia é que se você se inscrever no StreamYard por meio deste link, receberá um crédito no valor de U$ 10 para começar a fazer as lives da sua empresa com muito mais profissionalismo e excelência.

6. Faça testes

Depois de ter todo o planejamento estabelecido, chegou o momento de fazer testes. Não arrisque fazer uma live sem testar.

É preciso oferecer excelência para as pessoas, por isso, nada melhor do que se certificar de que tudo vai funcionar, desde a iluminação até os softwares. Sobre eles, se você nunca os utilizou antes, precisará testar para garantir que na hora saberá como manuseá-los, sem causar desconforto para o público e até mesmo atrasos.

Teste quantas vezes for preciso, até obter a segurança necessária para divulgar e fazer sua transmissão ao vivo.

7. Capture leads e mantenha contato com eles

Um dos motivos para fazer lives é captar leads, ou seja, contatos de pessoas que podem fechar negócio com você no futuro.

Mesmo que sua equipe opte por fazer a live em redes sociais, o que não precisaria captar o e-mail das pessoas antes, ainda há uma algumas maneiras de fazer isso com naturalidade.

Ainda que a transmissão seja em canais como Facebook e Instagram, uma boa ideia é criar uma landing page para que as pessoas possam se inscrever para receber o lembrete da live e até mesmo algum material para acompanhamento, como um pequeno roteiro.

Outra maneira é, durante a live, divulgar uma landing para download de algum material complementar.

A importância de captar leads

Independentemente da maneira que você decidir captar os leads, entenda que esta é uma ação completamente necessária. Isso porque sua empresa estará compartilhando conhecimento e ajudando a solucionar as dores do público, em paralelo, poderá se aproximar de mais pessoas para continuar mantendo contato, “nutrindo” com outros conteúdos para futuramente fechar novos negócios.

Em qual plataforma fazer sua live?

Agora que você já tem todas as informações sobre como fazer uma live, poderá escolher a melhor plataforma para fazer sua transmissão ao vivo.

Você pode fazer no YouTube, Zoom ou outro meio digital que desejar, basta avaliar quais as possibilidades e optar pela que mais se adequa aos seus objetivos e também aos equipamentos que têm disponíveis.

Lembre-se de que as dicas são para tornar sua transmissão mais profissional e agregar mais valor para sua empresa. Mas você pode tentar operar com o mínimo possível, utilizando os recursos que têm e, ainda assim, conseguir bons resultados.

Comenta aqui embaixo o que achou!