{+}No dia 5 e 6 de Junho aconteceu em São Paulo o Social Media Brasil, onde eu tive a oportunidade de participar do painel de “Busca e Social Media: Alinhando Estratégias”, que foi organizado pelo Miguel Dorneles da .Fox Networks.

No painel, pude apresentar uma visão de como o Twitter pode ajudar na estratégia de SEO, através de alguns pontos como Linkbuilding e Pesquisa de Palavras-Chave. Como nem toda a comunidade de SEO pode conferir a minha apresentação decidi escrevê-la aqui com mais detalhes e uma área aberta para comentários e dúvidas. Vamos lá então:

Crescimento e Usuários do Twitter

De acordo com os dados do Compete.com, o crescimento do Twitter vem aumentando cada vez mais, tornando-se popular a cada dia através do boca-a-boca que os usuários fazem na web. Um ponto interessante é analisar a faixa etária de quem utiliza o Twitter:

Faixa Etária do Twitter

Através destes dados da comScore pode-se ter uma idéia de que todas as faixas etárias estão compreendidas dentro do Twitter, ou melhor, qualquer pessoa pode utilizá-lo e no caso tornar-se um possível cliente do seu produto/serviço.

Conteúdo no Twitter

Em uma pesquisa recente ao índice do Google através do operador “site:” pude obter os seguintes dados:

O problema deste conteúdo do Twitter estar espalhado em diversas formas (subdomínios) é que acaba gerando um enorme problema com conteúdo duplicado, onde cada tweet é gerado em pelo menos 4 URLs diferentes. Para quem trabalha com SEO sabe que isto é um problema que em qualquer website você deseja evitar.

Ganho de Links

Apesar do grande conteúdo duplicado gerado nos subdomínios do Twitter, a quantidade de links externos ainda é muito grande. Outro problema do Twitter é que todos os subdomínios, exceto o m.twitter.com, possuem NoFollow, dificultando a passagem de link-juice para os links externos ao serviço. Apesar disto, é possível ver que o Google indexa links providos do Twitter, como pude constatar em uma análise no Google Webmaster Tools da Agência Mestre.

Google Webmaster Tools - Links

Um outro modo de acessarmos os links e conteúdo do Twitter é via utilização de widgets de blogs e websites, que hoje já são muito comuns. Com elas, os autores conseguem definir uma quantidade de tweets a serem exibidos, conforme a sua postagem no serviço. Assim, ao enviar um conteúdo, ele é distribuído por diversas widgets espalhadas na web. Agora pense o seguinte, se cada widget for exibida em uma página de um domínio que contém cerca de 50 páginas, a quantidade de links que você conseguirá será excelente.

Twitter Widgets

Vale lembrar que no caso, links em Javascript são considerados pelo Google desde que seja um código não muito complicado.

Encurtadores de URL

Pois bem, sabemos que ganhar links no Twitter é muito importante, mas como o serviço trata links em seus tweets? A resposta para isto é a utilização de encurtadores de URL, que economizam caracteres no envio de tweets.

O ponto é que ao criar uma URL mais curta, você utiliza-se de um serviço de redirecionamento e já sabemos que o melhor redirecionamento para passagem de link-juice é utillizar o redirecionamento 301. Com base nisto, o Search Engine Land criou uma tabela (abaixo) que lista boa parte dos serviços de encurtamento de URLs e em sua primeira coluna exibe se o encurtador utiliza o 301 como redirecionamento.

É muito importante que você não se esqueça desta dica: utilize sempre encurtadores que possuem redirecionamento 301. Caso você não saiba como ver o código de redirecionamento, encurte uma URL no serviço e teste-a na nossa ferramenta de verificação de cabeçalhos. Assim você consegue saber o código de qualquer serviço encurtador.

Métricas em Links

De acordo com uma recente pesquisa divulgada por Rand Fishkin do SEOmoz no SMX Advanced, um dos grandes fatores que está influenciando o rankings dos mecanismos de busca é a diversidade de domínios que linkam para páginas do seu domínio.

SEOmoz Ranking Factors

Explicando melhor, o Google e outros mecanismos de busca estão analisando a web como um todo, verificando quantas referências (links) você possui. Então digamos que é muito melhor possuir 1.000 links de 1.000 domínios do que 1.000 links de apenas 50 domínios. Não é a quantidade de links que importa, mas sim a diversidade de domínios que linkam para o seu website.

Melhoria nos Rankings dos SERPs

Com base na idéia de diversidade de links podemos criar uma estratégia de Link Building dentro do Twitter utilizando alguns simples passos:

1. Crie um serviço de encurtamento no seu website. A idéia aqui é criar um modo em que você possa divulgar as suas URLs de forma encurtada, mas utilizando-se do seu domínio. Não é necessário disponibilizar este serviço para terceiros, mas sim para que você possa utiliza-lo. Existem diversas formas de se criar um encurtador e por exemplo, você pode utilizar qualquer um dos exibidos nesta consulta do Google.

2. Divulgue normalmente as suas URLs encurtadas com o seu sistema de encurtamento no Twitter.

3. Ao ganhar ReTweets a possibilidade de exposição da sua URL encurtada aumenta pois existem diversas widgets que exibem os últimos tweets de usuários ou grupos de usuários. Assim você consegue aumentar a diversidade de links que o seu domínio recebe, pois imagine um simples exemplo, se 10 pessoas ReTweetarem o seu tweet, e destas 10, 5 tenham widgets em seus blogs, você estará aumentando a sua diversidade de links em mais 5 domínios.

A idéia é fazer este trabalho constante para que ao longo do tempo você evolua a diversidade e quantidade de links que recebe.

Verifique se a Estratégia Funcionou

Uma das melhores ferramentas para analisar se a sua estratégia está dando certo é o BackTweets.com. Com ele você pode inserir uma URL e saber quem já ReTweetou ela.

Backtweets

Com isto você começa a observar os usuários que estão fazendo o ReTweet e analise se seus websites possuem widgets. Se sim, você estará aumentando o número de links para o seu domínio.

Ao longo do tempo também é possível analisar o sucesso da estratégia através do Google Webmaster Tools , que seria uma métrica bem precisa, já que exibe a listagem de links encontrada pelo Google.

Espero que tenham gostado desta dica e até a próxima!