Tendências do Mercado Digital

Olá leitores da Mestre,

Uma pesquisa recente da Forrester sobre como as pessoas encontram sites na Internet, mostrou que a grande parte das pessoas utilizam a busca orgânica para encontrar websites. O estudo apontou que 54% das pessoas fazem esta preferência, representando um aumento de 50% de 2011 para 2012.

Pesquisa da Forrester

A pesquisa da Forrester teve como base 33.000 residentes nos EUA e Canadá para obter estes dados.

Entendimento da Pesquisa

É interessante notar que as pessoas utilizam a busca orgânica para encontrar websites e comparar com a taxa de pessoas que utilizam busca paga, que é de 18%. Sabemos que, em muitos casos, o investimento em busca paga é muito superior do que em busca orgânica, mas é válido ressaltar que muitas empresa também utilizam a busca paga para direcionar os seus visitantes para compras, produzindo um ROI positivo.

Outro dado curioso da pesquisa é o crescimento da utilização de redes sociais para descoberta de sites, chegando a 32% dos pesquisados. Desta forma, uma empresa deve pensar realmente em estar nos principais canais, como Twitter, Google+ e Facebook. Individualizar a sua estratégia de marketing digital em apenas um canal social é um desperdício de potencial.

Por fim, vale ressaltar que a terceira forma mais utilizada para encontrar sites é através de referências de outros sites. Sabemos que, em muitos casos, empresas não se preocupam em ter um trabalho sólido em link building ou em assessoria de imprensa, algo que poderia aumentar a sua encontrabilidade na Internet. Fica a dica aqui também para que as empresas ou você olhe melhor para este lado.

Isto se aplica no Brasil?

No meu modo de ver, podemos estar muito próximos deste cenário, por conta do famoso “delay de tecnologia” que temos em relação aos EUA. Pode ser que o nosso cenário seja algo próximo ao de 2011 nos EUA, com um grande uso de ferramentas de busca, redes sociais, TV e emails.

Mas vale ressaltar que, ainda que sejam dados dos EUA, você pode utilizar este relatório como forma de estimular um trabalho futuro em qualquer empresa.