Você já se perguntou o que é SEM? SEM (Search Engine Marketing) é um conjunto de técnicas de marketing na Internet que tem como principal objetivo a promoção de um website nas páginas de resultado (SERPs) de um buscador, como o Google e o Yahoo.

Quer entender mais sobre essa estratégia de marketing digital? Então não deixe de conferir o artigo!

Afinal, o que é SEM?

Basicamente, o SEM, ou marketing para os mecanismos de busca, é um conjunto de estratégias utilizadas para deixar um site no topo dos buscadores, pode ser tanto de forma orgânica quanto paga.

O SEM é dividido em duas categorias:

SEO (Search Engine Optimization)

As estratégias de SEO visam a otimização de palavras-chave, de conteúdo, de links, fatores on e off page, otimização para redes sociais, organização da arquitetura do site, melhores práticas para uso de Javascript e Flash. Ou seja, onde até a usabilidade é um fator para otimização nas páginas de resultado (SERPs) dos buscadores.

Posso dizer que o SEO é o carro chefe do SEM, representando um ganho de médio-longo prazo para o aumento de tráfego no site.

Links patrocinados

Outra estratégia de SEM é por meio dos links patrocinados, como é o caso Google Ads. 

A área de links pagos é interessante por oferecer um modelo chamado PPC (Pay per click), ou seja, você paga proporcionalmente à quantidade de cliques que você recebe.

Já na área de inclusão paga, o webmaster paga pela exibição do link do seu site, seja em um diretório ou em um site relacionado ao assunto.

Comparado ao SEO, podemos ver a área de links pagos, como um ganho de curto-médio prazo, sendo que ele fica praticamente estagnado em ganhos depois de muito tempo.

Busca orgânica ou links patrocinados: Qual escolher?

Uma SERP é composta por dois conjuntos de resultados quando uma pesquisa é feita: os resultados de busca orgânica e os resultados pagos dos links patrocinados. Não é possível pagar ao Google para listar um site entre os resultados da busca orgânica, ao contrário dos links patrocinados, onde diversos sites concorrem pagando ao Google para aparecer:

Vale ressaltar que não é para toda busca que os resultados de links patrocinados aparecem acima da busca orgânica. Mas, quando aparece, geralmente ficam no topo ou fim da página e recebem um alerta que informa que se trata de um anúncio pago.

Para se obter um bom posicionamento na busca orgânica, um trabalho de SEO é a melhor ferramenta para um site. Nos resultados pagos, além de ser necessário investir algum montante, existem também diversos fatores que mudam o ranking.

Portanto, ads são indicados para empresas que visam alcançar um público que busca por soluções específicas. Já as estratégias de SEO ajudam a fortalecer a autoridade da marca. Isso porque quando uma empresa aparece nas primeiras posições da busca orgânica seu conteúdo carrega mais credibilidade que os resultados pagos.

Além disso, a implementação de boas práticas de SEO garantem um retorno contínuo e por muito tempo, diferente das mídias pagas que tem seus resultados interrompido quando as campanhas são pausadas.
Entretanto, para um resultado melhor, vale investir nas duas estratégias em conjunto!

Por que o SEM é importante?

Os motores de busca compõem uma parcela considerável do tráfego da internet. Para você ter uma ideia, a cada segundo, 2.3 milhões de pesquisas realizadas no Google. Com base nesses dados, é mais fácil de compreender o potencial dessas estratégias.

Além disso, vale lembrar que o Google é conhecido como a maior plataforma de publicidade online. Portanto, ao deixar de marcar presença no mundo digital, você estará deixando dinheiro na mesa!

Além disso, o SEM traz diversas vantagens para as empresas, como:

  • democratização do acesso a usuários e visitantes;
  • mais tráfego para o site e, consequentemente, maiores oportunidades de venda;
  • tráfego qualificado para o site ou blog;
  • melhora a taxa de conversão.

Gostou de descobrir o que é SEM? Para aprofundar seus conhecimentos em marketing digital, continue acompanhando o blog da Mestre!