Expressões Regulares em Relatórios de Conteúdo no GA

expressoes regulares em relatórios de conteudo

Na semana anterior demos alguns exemplos práticos de como utilizar expressões regulares em relatórios de keywords do Google Analytics. Em cada exemplo passado, fizemos um passo a passo nas próprias expressões regulares – o que cada trecho significa e qual o resultado obtido.

Nesta semana, vamos abordar os relatórios referentes ao conteúdo do próprio site, os quais estão disponíveis no menu Content do próprio Google Analytics e duas segmentações possíveis desses dados:

  1. tráfego em páginas de uma determinada categoria ou subcategoria
  2. tráfego em páginas que aborda um determinado assunto

Tráfego em Páginas de Categoria ou Subcategoria

Para visualizar o relatório de landing pages por URLs, basta acessar o relatório disponível em Content -> Top Content. E é nesse relatório que podemos segmentar o tráfego das páginas de uma determinada categoria ou subcategoria.

Se você utiliza o padrão de URLs: http://www.site.com.br/categoria/subcategoria/pagina-conteudo , o padrão que você vai utilizar para visualizar somente os dados de uma determinada categoria é: ‘^/categoria’. Esse padrão significa que você quer visualizar os dados de todas as páginas cujas urls começam com ‘/categoria’.

Por exemplo, utilizando essa expressão no Google Analytics da Agência Mestre, para a categoria ‘ferramentas-seo’, temos:

filtro por categoria

Agora, se a intenção é verificar o tráfego em uma determinada subcategoria, o padrão a ser utilizado será: “^/categoria/subcategoria”. A qual significa que você quer visualizar os dados de todas as páginas cujas URLs começam com ‘/categoria/subcategoria’.

Mas porque essa segmentação é útil?

Essa segmentação pode ser muito útil para quem monetiza conteúdo, por exemplo. Embora a maioria das pessoas que investem tempo nessa atividade costumam investir em blogs/sites de nicho (que abordam assuntos específicos), muitas delas possuem um ou mais sites de conteúdo mais geral, para testes de novos assuntos. E é nesse ponto que a segmentação por categorias ou subcategorias pode ser muito útil.

Se você já investe em um site com conteúdo mais abrangente (por exemplo, um diretório de artigos) e gostaria de saber quais dos assuntos tratados estão te dando um retorno maior, basta verificar qual categoria tem o maior retorno financeiro. Ou ainda, dentro da categoria mais “rentável”, qual assunto é mais interessante no momento.

Se você monetiza seu conteúdo e interligou suas contas de GA e AdSense (de maneira que consegue visualizar os ganhos de ads através do Google Analytics), você pode acessar os relatórios de ganhos por URLs através do menu AdSense -> Top AdSense Content. Esse relatório funciona de maneira semelhante ao de URLs de Top Content.

Páginas que Abordam um Determinado Assunto

Para visualizar o relatório de páginas por títulos, basta acessar o relatório disponível em Content -> Content by Title. E é nesse relatório que podemos segmentar o tráfego das páginas que tratam de um determinado assunto.

Mas porque essa segmentação é útil?

Por exemplo, sabemos que o “dia dos namorados” é uma data importante para muitos segmentos de mercado – em especial o mercado de presentes, chocolates e flores. Através desse relatório é possível descobrir quais páginas do site, que abordam esse determinado assunto, já possuem algum tráfego. Ao fazer uma análise dessas páginas (tráfego, posicionamento, engajamento, metas alcançadas), é possível determinar a melhor estratégia para a data que se aproxima.

Quando falamos de “dia dos namorados”, podemos segmentar pelas páginas que tratam dos assuntos:

  • “namorados”,
  • “namoradas”,
  • “namorado” e
  • “namorada”.

Uma expressão útil para todos esses casos é: “namorad(a|o)(s?)”, a qual significa: expressões que contém “namorad”, seguido de “a” ou “o”, podendo ou não terminar em “s”.

Utilizando essa expressão em um blog sobre os mais variados assuntos, temos:

teste expressão regular "namorados"

Aliando esses dados a dados como posicionamento das páginas, metas alcançadas e assuntos tratados em cada uma das páginas, podemos elaborar uma estratégia que melhor se adapta para o site em questão na data que se aproxima.

Segmentar o tráfego do site por seções de conteúdo do mesmo é interessante para identificar oportunidades e até mesmo encontrar erros nas mesmas, e o uso de expressões regulares nesses relatórios pode facilitar – e muito – o seu trabalho nessas segmentações.

Se você tem dúvidas sobre esses relatórios, como encontrar uma expressão regular para o seu caso, ou ainda, sugestões sobre esse assunto, fique à vontade e deixe seu comentário.

Receba Dicas Exclusivas Sobre Web Analytics

Quer aprender a mensurar suas visitas e conversões de maneira correta? Então, cadastre seu e-mail!
Divulgue este artigo

2 Comentários para “Expressões Regulares em Relatórios de Conteúdo no GA”

  1. Hudson Henrique Schmidt

    Muito bom o artigo fabiane, acompanhei o 1º artigo sobre as expressões regulares ele clareou vários pensamentos meus referêntes a criação de filtros para o GA, este seu segundo artigo tambem está ótimo.
    Parabens pelo ótimo trabalho, fico grato por disponibilizarem este material de forma livre, muitos adeptos ao SEO, não trabalham em agências, fica complicado ter acesso a ferramentas e ou acesso vip a sites que disponibilizem conteúdo de qualidade ná área.
    Obrigado a todo pessoal da Agência Mestre.

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>