Yahoo! SEO – Já Ouviu Falar?

Pois bem, como não é segredo para ninguém, o Google simplesmente domina o mercado de buscas na web (Links Patrocinados) e domina também a preferência como ferramenta de busca por parte dos usuários de Internet. Essas são razões mais do que suficientes para focarmos a maior parte dos esforços de SEO para conseguir bom posicionamento no Google.

Contudo, não podemos simplesmente ignorar a existência de outras search engines, até porque alguns visitantes aqui do Blog já comentaram pedindo para falarmos um pouco dessas outras search engines.

Há algum tempo publiquei aqui no blog uma série de posts com uma entrevista do Matt Cutts para o SEO americano Eric Enge e agora trago uma entrevista deste mesmo SEO com Priyank Garg (ele não lembra o Mr. Bean?), que é quem gerencia todo o sistema de busca do Yahoo!: busca, indexação, ranking e tudo o mais.

Nas próximas semanas trarei os pontos principais desta entrevista. Vamos à ela.

Papel dos Links no Yahoo!

Tal como o Google, e diferente do Cuil, o Yahoo! considera os links como um fator para o bom posicionamento de sites em seu ranking. O Yahoo! procura links que sejam naturais e que sejam realmente úteis aos usuários, levando em consideração o texto âncora dos links e utilizando-os para entender como webmasters, blogueiros, editores web, etc., estão reconhecendo os conteúdos que eles encontram – Os conteúdos importantes são os que recebem links.

Outro ponto em relação aos links, é que o Yahoo! é extremamente preocupado com spam na forma de abuso no uso de links, ou seja, páginas abarrotadas de links por todas as partes e os tão falados template de WordPress com um link para a página do autor na parte de baixo do tema. O Yahoo! afirma que links assim são absolutamente irrelevantes e não influencia no seu sistema de ranking.

Porém, apesar de links assim não atacarem o ranking do Yahoo!, eles servem para o seu bot de busca, o Slurp!, navegar e descobrir novas páginas. O algoritmo do Yahoo! procura filtrar muito bem cada link encontrado, procurando separar um link realmente útil para o usuário de um link qualquer.

Acima de tudo, o Yahoo! considera muito valiosos os links que partiram de uma ação efetiva de um usuário comum, mais do que de um webmaster, ou seja, ele dá um valor alto para links encontrados em social bookmarks, como o Del.icio.us (que é do Yahoo!), e fóruns, pois ele considera que é um link que uma pessoa fez para ajudar outras pessoas, e com certeza tem muito valor e informação no destino do link.

E Além dos Links?

Tal como o Google também, nem só de links se faz o ranking do Yahoo! e, naturalmente, o conteúdo de uma página também é levado em conta. Além do conteúdo em si, o Yahoo! procura entender a disposição do conteúdo no site, avaliando CSS + HTML para compreender o que está sendo apresentado (o Google também faz isso…), que é útil também para reconhecer texto escondido por sobreposição de camadas por CSS, mais uma técnica black hat a não ser usada.

Yahoo! SEO

De certa forma, como nós já dissemos por aqui, a otimização de sites para o Yahoo! sai praticamente por tabela quando se otimiza o site para o Google – ambos se baseiam em links e conteúdo para estabelecer o ranking de seus algoritmos.

É claro que existem peculiaridades de cada um, inclusive de terminologia, mas de um ponto de vista mais geral, as 2 search engines trabalham da mesma forma.

Se você tiver dúvidas ou sugestões, não deixe de comentar! Até a próxima.

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

12 Comentários para “Yahoo! SEO – Já Ouviu Falar?”

  1. Derleit

    Muito bom Frank!
    Falar sobre sistema de busca do Yahoo, é uma boa opção para quem está em baixa com o google.
    Aproveitando sua postagem para perguntar sobre o conteúdo de um site.

    As search engines considerão uma quantidade X de caracteres por texto?
    Qual seria quantidade de caracteres para uma indexação mais relevante para as search engines?
    E as paginas com conteúdos somente de fotos e videos?

    Responder
  2. Frank Marcel

    E aí Derleit! As search engines não granulizam tanto assim o conteúdo, elas chegam até o nível de palavras. Você já leu o meu post sobre Keyword Stuffing vs. Keyword Density? Nele eu explico um pouco essa questão.

    A indexação mais relevante é a que for mais natural – o texto não soar repetitivo, apresentar uma boa fluência, dinâmica de leitura, etc…

    E as páginas com conteúdo somente de fotos e vídeos eu vou deixar para um próximo post, que tal?

    Abraços!

    Responder
  3. Walter

    Um site que tenho o yahoo despreza totalmente rs enquanto no google é 4 lugar na busca, to fazendo outro agora, vamos ver se o yahoo vai encrencar com esse.

    Responder
  4. Luciano

    Conquistar “o gosto” dos 3 maiores buscadores, faz com que tenhamos uma visibilidade superior a 80% na esfera de buscas mundiais.
    É isso aí! Falar sobre Google, Yahoo, e Bing/MSN deve ser uma tarefa diária.
    Parabéns e obrigado.

    Responder
    • Frank Marcel

      Alexsandro, de acordo com a Hitwise, o Google é responsável por 95% das buscas no Brasil. Você não perde muito ficando fora de Bing e Yahoo!, que juntos tem 3% das buscas.

      De qualquer forma, normalmente, cadastrar os sites no Yahoo! Site Explorer e no Bing Webmaster Central ajuda a indexar. Já tentou?

      Responder
      • Alexsandro

        Opa..
        É verdade, mas gostaria que o Yahoo! e o Bing indexasse minhas URLs, eu ja me cadastrei no Yahoo! Site Explorer e no Bing Webmaster, ja enviei Sitemap, ja foram aceitos, porem o bing so indexou 12 urls de 3000, sendo o Last crawled em 26/10/2009. Em Crawl Issues não tem nenhum problema.

        Já o Yahoo!, acabei de olhar, me mostra: Number of Pages Indexed: 2,267, porem em quando vou no botão explore so me aparece 19 em Pages(19) e Inlinks(4).

        Por isto que me aparece que não indexa.

        Responder
  5. Gleydson Souza

    Parabéns pelo artigo… me tirou uma grande dúvida…

    e também compartilho do mesmo pensando que o seu Frank, nesta citação.

    “Alexsandro, de acordo com a Hitwise, o Google é responsável por 95% das buscas no Brasil. Você não perde muito ficando fora de Bing e Yahoo!, que juntos tem 3% das buscas.

    De qualquer forma, normalmente, cadastrar os sites no Yahoo! Site Explorer e no Bing Webmaster Central ajuda a indexar. Já tentou?”

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>