Reotimização de Conteúdo: Mais Visitas Para o Seu Site

Já pensou se você pudesse obter mais resultados aproveitando um trabalho que você já fez? Acredite, isso possível! Por isso, no Mestre TV de hoje, o Fábio Ricotta, nosso CEO, vai falar sobre reotimização e o poder de SEO e conteúdo! Aperta o play!

O que é Reotimização?

Você já ouviu falar em reotimização? Este é um tipo de trabalho que fazemos com frequência aqui na Mestre e que tem como objetivo aumentar o resultado orgânico de um cliente, aprimorando um conteúdo já produzido e publicado.

Essa técnica, também conhecida como evergreen content, consiste em descobrir artigos ou conteúdos textuais que estejam precisando melhorar sua posição na SERP, para ficar entre os top 5 ou top 3, tendo assim mais visibilidade e cliques.

Como Selecionar as Reotimizações

A lógica da reotimização é bem simples. Primeiro, é necessário descobrir quais são os conteúdos que precisam de um “empurrãozinho” para melhorar seu posicionamento. Para isso, você pode usar o Google Search Console, uma ferramenta gratuita do próprio Google. Basta você se cadastrar e cadastrar o seu site e acessar o dashboard  em que está escrito Search Analytics. Ele vai te apresentar um relatório parecido com o Google Analytics, que mostra quantos cliques você recebeu por meio da busca orgânica.

O que você precisa extrair desse relatório é quantidade de impressões. Então, você deixa marcada a opção de Impressões, desmarca cliques, e seleciona também a Posição. Assim, a ferramenta irá te mostrar as palavras-chave para as quais os seus conteúdos estão rankeados, quais as impressões para cada uma dessas palavras e qual é o posicionamento médio em que o seu site apareceu.

Sabendo quais são os termos, você irá trocar, no menu do GSC, a seleção de Consulta para Página. Agora, você saberá qual é o posicionamento médio por página.

 

Com essas informações em mãos, você trabalhará em cima das páginas que tenham posição média entre 8 e 15.

Como Trabalhar o Conteúdo de Reotimizações

Depois de separar as páginas, o próximo passo é melhorar o conteúdo inserido nelas. E quando falamos em conteúdo, queremos dizer toda a informação que está presente nela. Dessa forma, é preciso melhorar desde o título da página, a meta description até as informações inseridas. É preciso também criar links de outras páginas para as páginas que deseja melhorar, pois assim ela terá ainda mais relevância para o Google.

Qual a Frequência Ideal

Caso o seu site ou blog já tenha um bom acervo de conteúdo, você pode se programar para fazer esse processo duas vezes na semana, pelo menos. Otimizando duas páginas por semana, ao longo de um ano, certamente você terá um resultado bastante expressivo.

Para te dar uma noção da eficiência dessa estratégia, aqui na Mestre temos um case bem significativo de reotimização. Durante 1 ano, entregamos 10 reotimizações por mês para o projeto e, ao final desse período, o cliente teve mais de 800% de aumento de tráfego orgânico. Impressionante, não acha?

Então, que tal testar esse tipo de trabalho com o seu conteúdo e compartilhar os resultados aqui conosco? Aguardaremos seu depoimento!

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>