Conceitos Básicos de SEO

Conceitos de SEO

Olá pessoal! Hoje falarei um pouco dos conceitos básicos de SEO, ou seja, os conceitos mais importantes de se ter bem fundamentados para poder evoluir no aprendizado de SEO, fazer o melhor uso de técnicas avançadas e desenvolver novas alternativas sem criar problemas para diretrizes de Search Engines.

Keyword: a chave do sucesso

Tudo em SEO gira em torno da palavra-chave, ou seja, os termos que uma pessoa digita em uma ferramenta de busca ao realizar uma pesquisa. O objetivo de se otimizar um site é fazer com que ele apareça na primeira posição para os termos relacionados ao seu contexto.

Assim, é de grande importância escolher as keywords certas para um bom resultado de otimização, e existem algumas ferramentas que podem ajudar nessa escolha. Escolher keywords que raramente são procuradas não é uma boa para a otimização do site. Então, para o sucesso de estratégias de otimização, deve-se focar nas keywords certas e muito procuradas, ponderando sobre a conversão de cada uma delas.

Importância do conteúdo

Search Engines usam aplicativos automatizados para indexar as páginas de um site e avaliar seu conteúdo. As páginas são analisadas afim de se determinar sobre que assunto tratam e, portanto, para quais keywords pesquisadas elas devem aparecer. Eis a importância de se ter conteúdo: dizer às Search Engines o assunto do seu site – utilizando as keywords ao longo do conteúdo.

Se uma keyword é citada em lugares certos e na frequência certa, os Search Engines irão considerar tal página como relevante para aquela keyword. No SEOmoz, o Rand Fishkin publicou um artigo que detalha bem como deve ser o uso de uma keyword ao longo de uma página:

É importante ressaltar que uma quantidade exagerada de keywords ao longo de um conteúdo é conhecido como keyword stuffing e pode levar a uma penalização do site.

Conteúdo Duplicado pode causar problemas

Saber trabalhar o conteúdo é essencial e manter o conteúdo sempre único e de qualidade é primordial. Mas a estrutura e arquitetura do site devem ficar muito bem definidas, também, para não causar conteúdo duplicado dentro do site.

Por que conteúdo duplicado é um problema? Search Engines procuram retornar diferentes resultados em uma pesquisa, assim, elas procuram listar somente uma versão de um determinado conteúdo em seus resultados de busca. Não faz sentido apresentar 2, 5 ou 10 vezes o mesmo conteúdo, seja ele excelente ou não. Uma vez é suficiente.

Por isso, é importante ficar atento à organização de conteúdo do site. Um conteúdo somente deve ser acessado por uma URL, caso contrário, tem-se a duplicação dentro do próprio site. Qualquer variação na URL já causa duplicação:

  • site.com/pagina
  • site.com/pagina/
  • www.site.com/pagina
  • www.site.com/pagina/?background=2
  • site.com/pagina?jsessid=1234567890

Se todas essas URLs carregam o mesmo conteúdo, então é conteúdo duplicado. Um dos problemas é que isso faz com que cada URL passe a competir por posições nas mesmas keywords que suas cópias. O detalhe mais importante é que se todas essas páginas recebem links de outros sites, a força não se concentra em uma única URL e a competitividade do conteúdo diminui.

A solução ideal nestes casos é o uso do redirecionamento 301, a alternativa é o uso do canonical link element.

Do outro lado da história, o conteúdo duplicado entre sites, funciona de modo bem semelhante. As Search Engines vão procurar mostrar somente uma versão deste conteúdo, descartando a cópia. Para este caso, o redirecionamento 301 também é solução, ou o cross domain canonical tag.

Vale ressaltar, por último, que para um conteúdo ser considerado duplicado, não é necessário que ele seja 100% idêntico, mas contendo diversos trechos semelhantes, já é o suficiente.

Importância do Link Building

Link building é o nome dado a prática de se conseguir links para o seu site. Como se sabe, links são considerados votos para um site, assim, quanto maior o número de votos que um site receber, melhor será seu ranking nos resultados de busca.

Hoje em dia, a quantidade de links, especialmente aliado a uma grande diversidade de domínios provendo links para um site, é um fator de muita influência no posicionamento de um site. Sendo, inclusive, uma maneira de se determinar qual o conteúdo mais relevante entre os duplicados.

Diferentes tipos de Links

Exitem diferentes tipos de links e alguns fatores influenciam no peso dos links. Os inbound links, que são links para o seu site vindos de outro site, tem um papel importante para o rankeamento de um site, mas depende muito da origem deste link.

Links de sites spam não agregam valor para o site, podendo inclusive diminuir a qualidade do perfil de links deste site, prejudicando-o. Links de sites com conteúdo não relacionado também não ajudam tanto quanto os links de sites relacionados.

Então, links bons são aqueles de sites confiáveis e com conteúdo relevante. Links vindos de um site que possui muitos inbound links são mais relevantes que links vindos de sites não populares.

A matemática é simples: quanto mais importante o dono do voto, mais importante é o voto. Mas não deve ser descartado nem a diversidade, nem a quantidade de votos. Tudo isso entra na conta.

Importância de manter o link building

Ainda no quesito links, não adianta conseguir mais links do que os sites concorrentes e esquecer do assunto. Se os sites concorrentes continuarem a conseguir novos links (o que, no mínimo, tem boa chance de acontecer naturalmente) eles podem sobrepor seus resultados mais uma vez.

Ao invés de contar com a sorte, é melhor manter o trabalho com Link Building sempre ativo, até mesmo porquê uma métrica interessante  de se acompanhar é a taxa de aquisição de links, bem como Link Spikes – para se conhecer sempre o quadro geral de links.

Estar sempre ganhando links é uma forma de se manter o site saudável, pois, com certeza, ele estará muito ativo na produção de conteúdo interessante para o seu público.

Comprar links pode causar problemas

Comprar link é uma estratégia de Link Building que necessita um certo cuidado. Especialmente o Google, alerta que penaliza sites que compram links com o intuito de manipular os rankings, ou seja, links com uma keyword perfeita, sem nofollow ou qualquer aviso de que aquele link é vendido.

O uso do nofollow ou o aviso de que o link está ali porque foi comprado são dois pontos que amenizam a compra do link.

De modo geral, as Search engines não valorizam links pagos, a menos que a página de destino realmente mereça, ou seja, se o conteúdo realmente for de qualidade. Comprar links para se divulgar o site é possível, seja com links em texto, banners ou semelhantes, mas que seja usado para ganhar visibilidade no site em questão e não para manipular os resultados de busca.

Conceitos de SEO

Search engine optimization não é difícil de se entender mas requer alguns esforços e dedicação constante. No quadro atual, o mínimo que se necessita é uma boa pesquisa de keywords, seu uso correto dentro do site e o trabalho de Link Building.

Outros conceitos e idéias estão sendo discutidas e testadas tanto por SEOs, quanto por Search Engines para se refinar ainda mais o processo de seleção de conteúdo, como tempo de carregamento de página ou menções de marcas e sites em outras páginas na Internet (como um link, mas sem o link).

Tudo isso ainda está ganhando o tempero da personalização de resultados considerando até mesmo a localização geográfica da pessoa que faz a busca. A partir daí, outros conceitos e técnicas vão surgir e assim seguirá a evolução de Search Engines e SEO.

Por hoje é só pessoal. Ficou com dúvida em algum termo de SEO? Consulte o glossário SEO e SEM. E pra você iniciante no assunto, leia o Tutorial de SEO.

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

11 Comentários para “Conceitos Básicos de SEO”

  1. www.shopnet.com.pt

    so tenho pena nao ter achado o mesteseo a mais tempo , força continuem que estão a fazer um excelente trabalho muito obrigado para quem ta no começo como eu é bom ter pessoas como vocês pra ajudar , se tiverem um tempinho passem no site http://www.shopnet.com.pt e apontem defeitos ,serao sempre bem vindos obrigado

    Responder
  2. Tio_Wlad

    Essa história de tags desconsideradas pelo robot do Google não passa de suposição, ou seja, chutometro ! Ninguém sabe exatamente como o robot gera a pontuação, existem algumas indicações mas nada muito definitivo ou permanente. Há muita especulação em SEO !

    Responder
  3. Claudia

    Bom dia
    Coloquei a 2 meses uma loja virtual no ar e estou aprendendo como administrá-la da melhor forma possível, e foi aqui Agência Mestre que encontrei o melhor apoio e seriedade ao falar do asssunto.
    Gostarai de saber se é possível um profissional fazer uma análise completa específica da minha loja para me ajudar nas vendas ??
    Muito Obrigado e parabéns pela excelente qualidade dos profissionais
    e das matérias.
    Claudia

    Responder
  4. Ana

    Fiquei com certa dúvida quanto à questão da diversidade de IP´s que te linkam…
    isso é em relação ao domínio ou ao autor do link?
    Tenho acompanhado alguns blogs onde há a divulgação do meu produto e sempre que vejo algum comentário negativo de alguém que ainda não o conhece posto um comentário como usuária aproveitando para deixar um link. Sei que isso não deve fazer muita diferença aos mecanismos de busca, mas incentiva à visita e conhecimento do produto mais à fundo…
    É possível o rastreamento do IP destes links?Seria possível isso ser considerado uma espécie de spam?

    Responder
  5. Felipe

    Natalia … a senhorita possui alguma apostila boa sobre SEO. Que possa mandar por email para um estudo mais a fundo?

    Adorei essas matérias. E gostaria muito de entender cada dia mais e mais desse assunto tao importante atualmente.

    Obrigado

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>