Site de venda de links é punido pelo Google

O site Virtual Marketing Blog noticiou ontem que o site Text Link Ads foi punido pelo Google e não aparece mais nas buscas nem para o seu próprio nome.

Text Link Ads

Na busca pelo site, não encontrei o mesmo nas primeiras páginas do Google, indicando que realmente o site de Pagerank 7 simplesmente foi punido.

Agora podemos levantar algumas dúvidas:

  • O site foi punido por ser um intermediador na venda de links?
  • Outros sites de venda de links serão punidos também?
  • Onde é mencionado no Google Webmaster Guidelines que a intermediação de venda de links é proibida?

É notório que o Google está na caça pelos links pagos, que vêm alterando o peso do seu algoritmo e distorcendo/manipulando muitos resultados, mas esta é a primeira vez que vemos um grande site de venda de links ser punido.

Será que o Google está experimentando alguns algoritmos de detecção de venda de links antes de fazer o update do PageRank? Esta poderia ser uma boa explicação para a demora na atualização.

Vamos ver como vai ficar esta situação de venda de links. Na dúvida, não esqueça de colocar um rel=”nofollow” nos seus links pagos.

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

11 Comentários para “Site de venda de links é punido pelo Google”

  1. Manoel Netto

    Olá Fábio,

    Isso pra mim está muito claro: boicote. O TextLinkAds é bem forte na gringolândia e concorre com o gigante das buscas. O fato de intermediar venda de anúncios não seria razão suficiente para removê-los da busca. Bastava um acordo para que os anúncios exibidos passassem a ter o rel=”nofollow”.

    Esse é um dos meus temores acerca do poder que a Google está exercendo hoje na Internet. Torço para que o Yahoo e outras grandes continuem fazendo frente ao império, assim teremos opções.

    Abraço

    Responder
  2. Fábio Ricotta

    Tiago, eu acho que vc deve ter feito algo errado pra perder o ranking. É provavél que vc tenha feito algum redirecionamento errado e tal.

    Manoel, eu acho assim, os interessados são os caras do Text Link Ads, eles deveriam ter iniciado a colocar nofollow nos seus links. É como diriam, a bola estava “cantada”. Mas mesmo assim eu acho que o Google tirou um pouco de circulação um grande rival do Adwords.

    Silveira… na empresa que trabalho(junto com a galera do SEO Dicas) paramos de usar o Text Link Ads a uns 8 meses com receio de punição também. Sorte a nossa =)

    Responder
  3. Márcio

    Acredito que um site deve optar sempre por prestar um bom serviço e uma boa colocação no Pagerank é uma conseqüência desse bom trabalho.

    Responder
  4. Fábio Ricotta

    O problema Márcio é que este “bom serviço” que você disse afeta diretamente o algoritmo de rankeamento do Google, manipulando-o. Assim infringe as políticas dos webmasters, requerendo uma punição a eles.

    E outra, cá convenhamos, sem eles na jogada(até existem outros sites no assunto) o que sobra é o Adwords praticamente.

    Responder
  5. Marcos Elias

    Nessas horas, ainda bem que o Text-Link-Ads não aprovou meu site :) Estou satisfeito com os do UOL.

    Mas poxa… Eles nem pra colocar o rel=nofollow… Que maldade!

    Responder
  6. Fábio Ricotta

    Por que não aceitaram o seu site? Eles deram algum motivo?

    Concordo contigo, os ads de lá já deveriam vir com nofollow por padrão, mas a grande massa que movimenta aquele site é objetivando a passagem de Pagerank.

    Obrigado por ter visitado o site. Abraços!!

    Responder
  7. Thiago

    Pode ser que foi excluido, mais se fizer a busca “internet” apareçe na primeira posição

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>