Lista de E-mails Eficiente: O Que Realmente Importa?

É muito comum ouvir pessoas comentando que possuem mais de 50 mil ou até mesmo, mais de 100 mil leads em sua lista de e-mails. Mas, será que isso é realmente o que importa? Dê o play no vídeo para entender mais sobre ter uma lista de e-mail eficiente:

Como Avaliar Sua Lista de E-mails?

De modo geral, você pode dizer que tem uma lista de e-mails eficiente, se as pessoas que fazem parte dela completam as ações que você precisa. Ou seja, sua lista é engajada ou não? Recentemente, nosso CEO Fábio Ricotta, sentou com um cliente que lhe apresentou uma lista de mais de 150 mil e-mails, que basicamente eram contatos realizados em mais de 10 anos de networking no mundo empresarial. No entanto, ele nunca criou relacionamento por e-mail com essas pessoas. Em outras palavras, o que ele tinha em mãos não passava de uma listagem aleatória de e-mails.

Portanto, o tamanho da lista não importa. No final das conta, o que importa é o número de e-mails ativos ou engajados que você possui em sua lista. Quando nossa agência possuía uma lista de e-mails no MailChimp, não tínhamos uma boa gestão dela e raramente enviávamos e-mails segmentados. Quando começamos a oferecer o serviço de Inbound Marketing e migramos para a ferramenta RD Station, percebemos que muitos dos e-mails que tínhamos, não eram engajados e não possuíam nenhuma segmentação.

Lista de E-mail Segmentada

Para ter uma lista eficiente, é muito importante que você tenha uma lista de e-mail segmentada. Com isso, você saberá as características e reais interesses das pessoas que estão em sua base de contatos. Em toda ferramenta de e-mail que se preze, você consegue trabalhar com a segmentação através de tags ou conversões. Com isso, fica fácil identificar porque e por onde você conquistou um novo lead para sua lista. Além disso, você pode deixar sua lista ainda mais segmentada, através de pesquisas e enquetes que podem ser aplicadas ao longo do tempo.

Ao segmentar sua lista, você consegue identificar facilmente quem deseja receber um conteúdo específico. Por exemplo, uma das formas que fazemos para segmentar os leads da Agência Mestre, é através do e-book que a pessoa baixa. Podemos presumir que uma pessoa que baixou o e-book: “Como Anunciar no Google“, é uma pessoa que tem interesse em Google AdWords e links patrocinados, enquanto que uma pessoa que baixou o e-book: “O Guia Completo do SEO“, tem interesse em otimização de sites, e por aí vai.

Métricas Que Você Precisa Ficar de Olho

Para tornar sua lista cada dia mais eficiente, é muito importante que você analise sua taxa de abertura de e-mails e também a sua taxa de cliques (quando houverem links no corpo do e-mail). Em teoria, uma pessoa engajada é aquela que abriu ou clicou em algum link do seu e-mail. Comece a monitorar isso e certamente identificará quais são seus leads mais ativos.

Quando o conteúdo do seu e-mail trouxer links, é fundamental que você mensure as ações que as pessoas estão realizando. Por exemplo, quando você compartilha o link de um artigo de seu blog, é interessante verificar o tempo médio que ela permaneceu na página ou ainda quantas páginas do site foram visitadas. Se você envia o link de uma pesquisa, das pessoas que clicaram no link, quantas de fato preencheram a pesquisa?

Resumindo todo esse conteúdo em uma frase, uma lista de e-mail eficiente, é aquela que executa as ações que você indica. Se você já conseguiu isso, parabéns! Mas, caso ainda tenha dificuldades nesse assunto, leia nosso artigo sobre como fazer e-mail marketing e não SPAM.

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>