Marketing Digital Com Dobro de Resultado e Metade do Preço! Isso é Possível?

Olá Leitores da Mestre, tudo bem com vocês? Imagine a seguinte situação: em negociação com um prospect você recebe a pergunta “eu preciso implementar marketing digital com o dobro de resultado e metade do preço, isso é possível?”. Acredite, essa pergunta é mais comum do que você imagina.

Devido a notoriedade do marketing digital, cada vez mais empresas desesperadas por excelentes resultados buscam esse tipo de serviço mas não tem budget suficiente para isso. Portanto, este artigo é um guia para você consultor, agência ou profissional que pretende trabalhar neste tipo de cenário. Gostou? Então dê o play no vídeo abaixo e confira!

Exemplo na Construção Civil

Imagine que você contrate um profissional para pintar um cômodo da sua casa. O combinado pelo serviço é o valor X, que inclui material e tempo de execução de 4 horas. Até aí tudo bem, mas vamos supor que você chegue ao pintor e diga que “com o mesmo material, tempo de execução e preço ele precisa pintar dois cômodos da casa”.

Com certeza a reação dele será a pior possível, pois o serviço será comprometido, o material não será suficiente, o pagamento é baixo e o resultado será ruim… E infelizmente isso que acontece muitas vezes no marketing digital!

Empresas comprometidas necessitam de tempo hábil para planejar e executar projetos de marketing digital que de fato gerem resultados, mas isso pode custar caro. Mas aí entram os freelancers, consultores e agências mal-intencionadas, que prometem o mesmo serviço e resultado, pela metade do preço e muitas vezes mais rápido. Não caia nessa cilada!

Como Enfrentar Essa Situação? Trabalhe por Etapas!

Dando um exemplo mais tangível do que a construção civil, há certo tempo nosso CEO, Fábio Ricotta, recebeu exatamente essa demanda: conseguir o dobro de resultado pela metade do preço, por meio de um prospect que desejava atuar em duas frentes, ou seja, “pintar dois cômodos”.

Para isso acontecer era necessário investir alto, pois sua demanda precisava de mais pessoas na equipe, tempo e consequentemente custaria mais caro. A solução proposta por nós seria trabalhar em etapas, atingindo resultados na primeira frente e, depois que o cliente conseguisse angariar recursos, iríamos para a segunda frente.

O cliente poderia topar, ou não, mas em casos assim você deve resistir a tentação de fechar o projeto ao gosto dele. É preciso saber dizer não! Negar pode ser muito difícil, mas se você pretende fechar uma parceria de sucesso, o lucro deve vir para os dois lados, portanto, você deve fugir de projetos que são verdadeiras enrascadas, entendeu?

Dica: Entenda a Real Necessidade do Projeto

No caso dos cômodos, por exemplo, poderia ser uma sala de estar e um quartinho da bagunça. Logo, qual é a real necessidade para uma pintura bem-feita? A sala, é claro! Pois lá é o ambiente central da casa, em que familiares e visitas se reúnem com frequência.

Em marketing digital, caso o cliente queira tocar projetos em camadas distintas por preços não praticáveis, entenda a real dimensão de suas demandas e defina qual é prioritária para a sobrevivência da empresa. Assim você consegue fazer uma proposta digna e vantajosa para os dois lados, sem comprometer os resultados finais.

Seja honesto na negociação e você terá muitos resultados e parcerias com longevidade! Saiba dizer não na hora certa e feche apenas parcerias benéficas para os dois lados. Gostou do artigo? Acompanhe nosso blog e assine nossa newsletter para receber mais dicas como essa!

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

Um Comentário para “Marketing Digital Com Dobro de Resultado e Metade do Preço! Isso é Possível?”

  1. FABIANO

    Muito Obrigado pelas Dicas Realmente no Marketing Digital e importante fazer uma coisa de cada vez.

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>