Obtendo Ideias de Conteúdo através de Avaliação de Concorrentes

Obtendo Ideias de Conteúdo através de Avaliação de Concorrentes

Olá leitores da Mestre,

Um dos trabalhos mais árduos do marketing de conteúdo é o brainstorm para a geração de novas ideias de conteúdo. Isto pode ser tão longo quanto você queira, mas ao mesmo tempo pode ser bem fácil, caso utilize caminhos mais efetivos.

Hoje, venho compartilhar com vocês uma estratégia para conseguir mais ideias de conteúdo, através da avaliação de concorrentes, facilitando a sua pesquisa e dando mais efetividade ao combate do espaço da concorrência. Que tal? Vamos lá?

Definindo a Concorrência

O primeiro passo aqui é definir quem são os seus concorrentes claramente para conseguir avaliar. Para o nosso exemplo, utilizarei a Hubspot, uma empresa que foca em marketing digital e que produz muito conteúdo na nossa área.

Analisando os Concorrentes

Pois bem, para a análise de concorrentes, vamos utilizar a ferramenta SEM Rush. Você precisará criar uma conta para conseguir avaliar e utilizar o relatório que precisaremos. Então vá lá, crie a sua conta e volte aqui para continuarmos.

Dentro da SEM Rush, inclua o domínio do seu concorrente, na barra superior:

Insira o domínio na SEM Rush

Em seguida, na barra da esquerda, você verá um menu. Dentro da área de “Pesquisa Orgânica” selecione a opção “Pages”:

Relatório de Páginas da SEM Rush

Ao clicar nesta opção de “Pages” a SEM Rush irá listar todas as páginas que identificou do seu concorrente e ordenará pela quantidade de tráfego estimado que esta página leva para o seu concorrente. Este cálculo é feito simplesmente pela avaliação das palavras e posições que esta URL aparece no Google. No caso da Hubspot, a minha visão é a seguinte:

SEM Rush - Avaliação dos Concorrentes

Logo de cara eu já começo a notar oportunidades de criação de conteúdo ao ler as URLs das páginas. Por exemplo, a URL “br.hubspot.com/blog/7-dicas-para-pesquisar-no-google-como-um-especialista” me diz que eu poderia montar um artigo sobre “dicas para pesquisar no Google”. Mas para ser bem preciso, eu preciso saber quais palavras esta página está aparecendo, assim posso detalhar ainda mais sobre o que será o meu artigo.

Para isto, eu clico na informação da última coluna “keywords” que está marcada em 31. Ao clicar, a SEM Rush irá mostrar em quais palavras-chave aquela URL está aparecendo e melhor, ordenando pelo volume de tráfego que está trazendo para a página.

SEM Rush - Avaliação de Concorrente

O que preciso entender é como a URL conseguiu aparecer nestas palavras, pois precisarei utilizar algumas destas em meu conteúdo. Vale aqui alguns pontos:

  • Esta é uma estimativa, calculada pelo volume de busca e posicionamento da palavra
  • Nunca devo escolher como base um termo que não caiba em uma frase, como por exemplo “google pesquisar” (não é possível usar em uma sentença)

Com os principais termos escolhidos, basta criar o seu conteúdo.

Criando Conteúdo

Com este tipo de informação em mãos, você poderá avaliar os concorrentes de forma periódica, identificando páginas com alto volume de tráfego e atacar as principais palavras-chave escolhidas por estes materiais.

O importante é reforçar que o nosso foco é não copiar o concorrente, mas sim atacar os termos em que ele está bem posicionado, possibilitando assim um combate em espaços que talvez você não esteja focando. Uma forma visual deste conceito é um relatório que a SEM Rush fornece, onde testei a Mestre vs Hubspot e Resultados Digitais:

Comparativo Orgânico

O objetivo da estratégia é aumentar a intersecção entre os domínios, fazendo com que tenhamos mais participação dentro das palavras-chave em que meus concorrentes aparecem.

Espero que tenham gostado da estratégia e até a próxima!

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

6 Comentários para “Obtendo Ideias de Conteúdo através de Avaliação de Concorrentes”

  1. Gabriela Coelho Monteiro

    Muito bom o artigo, apareceu na hora certa!! comecei a utilizar a ferramenta Semrush faz pouco tempo e é incrível, tenho obtido ótimos resultados!! Obrigada pelas dicas!!

    Responder
  2. Paulo Sebin

    Muito interessante esse artigo. Creio que além de todas as ações mencionadas, isto é, indentificação dos concorrentes, conteúdos de maior sucesso e geração de conteúdos próprios baseados nas palavras-chave dos concorrentes, creio que devemos analisar todas as esferas possíveis para entender os motivos daquele conteúdo ter rendimento orgânico safistatório. Eu analisaria estrutura de navegação e links internos de todo o domínio, navegando maualmente e utilizando Screaming Frog. Eu também avaliaria no Open Link Profiler ou Ahrefs possíveis locais de backlinks deles, tanto do domínio todo quanto da página do melhor conteúdo identificado. Já vi casos de que não há backlinks para aquela página específica, mas o que justifica bom posicionamento são outros fatores On Page que podem e devem ser avaliados para sempre melhorar o nosso próprio site.

    Responder

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>