Conteúdo Ruim Como Identificar e Resolver

Você sabe avaliar o conteúdo que produz? Não? Pois saiba que apenas produzir artigos não é suficiente. Eles precisam ser bons! Então confira agora, com o nosso CEO, Fabio Ricotta, como identificar e resolver conteúdo ruim.

Use e aproveite os filtros do Analytics

A primeira indicação, que é bem simples, é você abrir suas páginas dentro do Google Analytics. Pode ser a listagem de landing page ou de site content, que lista todas as páginas, e faça a ordenação por bounce rate, que nada mais é do que a taxa de rejeição.

Feito isso, você vai conseguir uma nova ordenação, a chamada ordenação ponderada, que faz o Google Analytics mostrar quais são as páginas com maior bounce rate e, ao mesmo tempo, as páginas que tem uma quantidade significativa de visitas.

Nessa lógica, você vai ver algumas páginas com bounce rate acima da média. Por exemplo, se uma página está com a taxa de rejeição em 80%, e a média do site é 60%, algo pode está “quebrando” um pouco o usuário. Essa é a forma como você pode identificar um conteúdo ruim, de baixo engajamento.

Verifique o layout da página

Identificadas as páginas com baixo engajamento, você deve acessá-las e começar a melhorá-las. Para isso, primeiramente olhe o layout da página, veja se ele está bom e se não tem algo atrapalhando.

Pode ser que tenha banners e anúncios demais ou, talvez, a introdução está muito ruim. Neste último caso, você só precisa trabalhar a ideia de escrever o conteúdo em formato de pirâmide invertida, ou seja, criar uma motivação lá em cima, no início, para depois explicar e, assim, conseguir um engajamento um pouco maior do usuário.

Melhore a formatação do conteúdo ruim

Outro ponto interessante é trabalhar também o aspecto visual, dentro da publicação. Às vezes, se você não fez uma boa formatação, com parágrafo, bullet point e imagens, por exemplo, a sugestão é que você trabalhe melhor esses quesitos, com a intensão de aumentar o engajamento do seu usuário com aquele conteúdo.

Adicione CTA – Call To Action

Há também a recomendação de adicionar CTA – Call To Action dentro do conteúdo ruim, para estimular o usuário a continuar lendo e engajando com o seu site. Às vezes isso não é feito e, por isso, o bounce rate fica alto, porque não há nenhuma opção de navegação, dentro do site, para o leitor.

Portanto, faça links internos, referencie matérias e conteúdos que são relacionados àquilo que o usuário está lendo e, por fim, caso ainda não tenha nenhum plugin de artigos relacionados no final, providencie isso, pois pode ser algo que ajude você a aumentar o engajamento dos usuários.

E então? Gostou das dicas? Faça essa avaliação, melhore seus resultados, curta nosso vídeo ou faça alguma pergunta no canal do Fabio Ricotta no Youtube, ou no Facebook!

Receba Novidades

Insira seu email para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Mestre!
Divulgue este artigo

Deixar um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>